...

PDF - Livros Digitais

by user

on
Category: Documents
1

views

Report

Comments

Transcript

PDF - Livros Digitais
DENTRO
DOS
OLHOS
DENTRO
DOS
OLHOS
VALDINHA FÉLIX
Emfim acho que amanheceu . Finalmente a noite
acabou .
Não que eu esteja entusiasmada em começa o dia ,
minha vida e tão patética que poucas coisas ainda
importam , e esse hoje , não é meu maior problema ,
minha professora de redação Helena , pediu pra que eu
fizesse um texto falando da minha vida , e confesso
que isso me assusta um pouco , não sei bem por onde
começa , não que eu tenha muitas coisas para falar de
mim , eu simplesmente não tenho nada para falar .
Mais então decidir começa assim .
- Oi meu nome e Luna, tenho 18 anos , não tenho
amigos não sou casada , nem tenho namorado , passo
a maior parte do meu tempo me dedicando a coisas
que provavelmente nunca me darão um futuro , ou me
farão ser conhecida pelo meu nome , para falar a
verdade ,você é a primeira pessoa em três anos , que
quer saber alguma coisa da minha vida , e ambas
sabemos que na verdade não se importa muito com
isso , então para não torna cansativo a sua leitura ,
essa é minha vida .
Entreguei o texto a minha professora , depois que
todos já haviam ido embora , assim eu poderia evitar
aqueles comentários que sempre conseguiam me tira o
sono , me causando grandes distúrbios , e me deixando
com a alto-estima , totalmente fora de orbita .
No dia seguinte fui para aula , e logo que entrei na
sala presumir , que minha professora não havia
gostando tanto do meu texto , e como eu sei disso ?,
bem , digamos que minha nota , no canto superior da
folha , não tem muitos argumentos para contradizer
minha forma de pensar , mais falo isso não por me
importa , na realidade poucas coisas ainda são
consideráveis importantes para mim , e isso piorou um
pouco , depois que resolve , mora sozinha . Bem e
oque a minha família acha disso ? , oque eles pensam (
festas todos os dias , a casa cheia de garotos , coisas
legais e etc ! ) e como isso realmente eh , ( Dias
solitários , sem amigos , sem cachorros nem gatos , e a
unica companhia ,e uma coleção infinta de livros ,
alguns deles que provavelmente nunca serão lidos .
Bem , ao longo da minha vida , deixei de acreditar em
algumas em muitas coisas, cansei de espera por algo ,
que provavelmente nunca acontecera , como alguém
se apaixonar por mim , digamos que eu não sou uma
garota que uma pessoa gostaria de apresentar para os
pais , então e bem tipico da minha vida , me apaixonar
por garotos , que nunca saberão da minha existência ,
então isso meio que deixou de ser um problema pra
mim , o lado bom de ser rejeitada a vida toda e que em
algum momento isso simplesmente vai deixar de
causar tantos danos .Em outras palavras você se
acostuma com aquilo , e eu me acostumei .
Mais eu estaria mentido se falasse que isso não me
causou alguns problemas , digamos que minhas metas
, foras reduzidas a um tamanho minimo de um misero
grão de areia , e que parecia ser um futuro brilhante ,
digamos que não foi bem assim , mais tem um lado
bom nisso tudo , como considero minha vida uma
merda , eu tenho na memoria os poucos momentos em
que eu me lembro ,ter sido feliz de verdade , e um
deles , foi a três anos atras .
PARTE 02
Eu morava em uma pequena cidade,
chamada Salerno , acredite minha vida la não era
muito diferente do que é hoje , mais eu estava em um
dia ruim , dia esse que fez tudo que eu já tinha passado
antes parecer um mar de rosas . Afinal não é todos os
dias que você descobre que tem uma doença que pode
me te matar , e oque estava ruim podia piora , e piorou
. Eu estava com câncer .
Naquele dia , eu estava me sentindo mau , como já
estava acontecendo frenquentemente , só que dessa
vez , com maior intensidade , então resolve procura um
médico , chegando lá ele me perguntou oque eu
estava sentido , então eu falei ( Dor de cabeça,
náuseas e vômitos persistentes ) ele pediu para eu
fizesse uns exames , e que levasse a ele o mas rápido
possível , a princípio não me preocupei com isso ,
pensei que poderia ser apenas uma virose comum ,
mais não era , levei os exames para ele , então ele
pediu que eu fosse com uma outra pessoa para me
acompanhar , e foi isso que eu fiz .
Chegando lá, depois de vários minutos me
preparando para alguma noticia , que poderia acabar
comigo , ele finalmente decidiu ir direto ao ponto , e
falar para mim , que eu estava morrendo . Confesso
que naquele momento , eu preferia que ele tivesse
enrolado mais um pouco com aquela baboseira toda ,
mas eu já não poderia mais fazer nada , demorei
alguns minutos para poder entender a gravidade de
tudo aquilo , e quando finalmente entendi oque estava
acontecendo , só demorou tempo suficiente , para que
pudesse sair correndo de lá , e ir , para algum lugar
aonde eu pudesse esquecer que aquele momento
existiu .
Eu sair correndo , sem rumo e sem ideia alguma de
onde eu iria para . Mais eu parei , eu parei em um lugar
aonde não tinha ninguém , um local longe o bastante
para que eu pudesse ter certeza que ninguém iria me
encontra , eu sentei debaixo de uma árvore e meu
mundo desabou por completo , naqueles minutos eu
chorei tudo que eu não havia chorado minha vida
inteira , chorei tanto , que nem percebi que alguém
havia chegado , e estava sentado ao meu lado .
Outra pessoa sentiria medo , afinal um cara estranho
, estava do meu lado , me olhando como se
me conhecesse uma vida inteira , quando na verdade
eu nunca tinha o visto antes . Mais eu não me
importava com isso , eu já iria morre de qualquer jeito ,
então não iria fazer muito diferença morre agora , pelo
menos um cara bonito estaria me mantando , não um
câncer no cérebro .
Fly UP