...

ANEXO I Tabela de Vida Útil e Valor Residual

by user

on
Category: Documents
9

views

Report

Comments

Transcript

ANEXO I Tabela de Vida Útil e Valor Residual
ANEXO I
Tabela de Vida Útil e Valor Residual
VALOR
BENS
VIDA ÚTIL
MAQUINAS , MOTORES E APARELHOS
10
10%
OUTROS EQUIPAMENTOS
10
10%
MOBILIARIO EM GERAL E ARTIGOS P/ DECORACAO
10
10%
10
0%
10
10%
10
10%
10
10%
10
10%
20
10%
VEICULOS DE TRACAO PESSOAL E ANIMAL
15
10%
ANIMAIS P/TRABALHO,PRODUCAO E REPRODUCAO
10
10%
EQUIPAMENTOS PARA PROCESSAMENTO DE DADOS
5
10%
EQUIP. UTENSILIOS HOSP.P/USO HOSPITAL.LABORAT.
15
20%
EQUIP. E APARELHOS DE SOM,IMAGENS TELECOMUNIC.
10
20%
MOVEIS E MATERIAL ESCOLAR E DIDATICO
10
10%
10
10%
TRATORES E EQUIPAM. RODOVIARIOS E AGRICOLAS
10
10%
AUTOMOVEIS, CAMINHOES,E OUTROS VEIC.DE TRAÇÃO
15
10%
AERONAVES*
-
-
EMBARCAÇÕES*
-
-
MAT.BIBLIOG.DISCOT.FILMOTECAS.OBJ.HISTÓRICOS.OB.ARTE.P.
MUSEUS
FERRAMENTAS E UTENSILIOS DE OFICINAS
MAT.ART.E INSTR.MUSICAL,INSIG.FLAM.BANDEIRAS.ARTIGO
PARA ESPORTE E JOGOS
MAT.P/ESCRITÓRIO.BIBLIOTECA.ENSINO.LABORATÓRIO.GAB.TE
CNICO.OU CIENTIFICO
UTENSILIOS DE COPA,COZINHA,DORMIT.ENFERMARIA
MAT.PERMANENT.DE ACAMP.DE
CAMPANHA.PARAQUEDISMO.ARMAMENTOS
MAT. DESTINADO AO ACONDIC.
P/TRANSPORTE.OBJET.VALORES
RESIDUAL
* AS CONTAS AERONAVES E EMBARCAÇÕES, NÃO POSSUEM VALORES ESTIPULADOS
PORQUE SÃO BENS MUITO ESPECÍFICOS, SENDO ASSIM, A DEFINIÇÃO DE VIDA ÚTIL E
VALOR RESIDUAL FICARÁ A CRITÉRIO DOS ÓRGÃOS QUE POSSUEM TAIS BENS.
ANEXO II
Cronograma de Ajuste Inicial
Grupos
Título
Prazo Máximo
1
Veículos Automotores
2015
2
Aeronaves
2015
3
4
5
6
Equipamentos, Máquinas e
Motores à Combustível
Embarcações
Veículos de Tração Pessoal
ou Animal
Equipamento para
Processamento de Dados
2015
2015
2015
2015
Aparelho, Equipamentos e
7
Utensílios Domésticos,
Odontológicos,
2016
Laboratoriais e Hospitalar
Aparelhos e Equipamentos
8
de Som, Imagens e
2016
Comunicação
Armamentos, Equipamentos
9
de Manobra e
2016
Patrulhamento
10
Animais e Semoventes
2016
11
Mobiliário em Geral
2017
Bens móveis não
12
especificados nos itens
anteriores
2017
ANEXO III
Fatores de influência para efeito de reavaliação
Estado de Conservação do
Bem - EC
Conceito
Período de Vida Útil do
Bem (já utilizado) - PVU
Pontuação
Conceito
Pontuação
Período de Utilização
Futura do Bem (Previsão)
- PUB
Conceito
Pontuação
Excelente
10
10 anos
1
10 anos
1
Bom
8
9 anos
2
9 anos
2
Regular
5
8 anos
3
8 anos
3
Péssimo
2
7 anos
4
7 anos
4
6 anos
5
6 anos
5
5 anos
6
5 anos
6
4 anos
7
4 anos
7
3 anos
8
3 anos
8
2 anos
9
2 anos
9
1 ano
10
1 ano
10
ANEXO IV
RELATÓRIO SINTÉTICO DE AJUSTE INICIAL DE BENS MÓVEIS
GOVERNO DE ESTADO DO RIO DE JANEIRO
====NOME DO ÓRGÃO====
=====SETOR=====
AJUSTE INICIAL DE BENS MÓVEIS
A Comissão de Inventário e Avaliação, designada por ______________ de __/__/___, para avaliar os
bens móveis sob a responsabilidade desta unidade, procedeu, em ___/___/___, à vistoria e avaliação dos
bens abaixo discriminados, de acordo com as normas previstas na Portaria CGE______, de ___/___/___,
e concluiu que:
Identificação Contábil
Número
Descrição
Conta
Custo
Histórico
Correção
Monetária
Depreciação
Acumulada
Avaliação
Anterior
Critérios
Utilizados
e
Fundamentação
Vida útil
remanescente
Avaliação
Final
____________________________________
Presidente
__________________________________
_________________________________
Membro
Membro
Este laudo foi aprovado em ___/___/___ por: ______________________________________
Ordenador de Despesa
Fly UP