...

RepensaR conceitos e ReconstRuiR nossa maRca fazem paRte da

by user

on
Category: Documents
1

views

Report

Comments

Transcript

RepensaR conceitos e ReconstRuiR nossa maRca fazem paRte da
revista
nº- 1 jan/fev
Repensar conceitos
e reconstruir nossa
marca fazem parte
da nossa evolução.
Entrevista
pág. 3
José Ricardo Barella
“Empreendedor é aquele
que consegue ultrapassar o
que os outros consideram
como impossível.”
Carta do Presidente
Entrevista
Comitê de
Comunicação
pág.
pág.37
GP: Como você vê a Progen nos próximos anos?
RB: A gente sempre imaginou que a empresa se perpetua no
tempo, não é questão só de oportunidade. Precisa ter algo de
longevidade, algo que você possa aferir. O que tentamos fazer
Waleska Lino
Tamara Silva
Caros colaboradores,
Foi dentro do contexto de todas as mudanças que vêm acontecendo
Patricia Nascimento
e pensando em criar um veículo voltado especialmente a você, que
Edilson Oliveira
desenvolvemos a Revista Gente Progen. Nas próximas páginas vocês poderão
Natasha Sultani
além de poder conhecer melhor, em cada edição, um colega de trabalho na
Maria Luiza Pascuotti
Luiz César Marchetti
conferir iniciativas diferentes de nossos colaboradores na seção “Gente”,
seção “Perfil”.
Danilo Santos, nosso gerente de RH, preparou especialmente para a nossa
Debora Zanon
revista um artigo falando sobre como as mudanças organizacionais afetam
Danilo Santos
o dia a dia dos funcionários da empresa e nosso fundador, o Barella dedicou
Rodrigo Moralez
Progen nas páginas azuis (nossa seção de entrevistas). Para descentralizar
quase uma tarde inteira contando sobre sua vida, planos e como começou a
o conteúdo e poder saber o que está acontecendo nas pontas, nós criamos o
Comitê de Comunicação com a participação de colaboradores de diferentes
áreas e esta edição já é fruto do trabalho desse grupo.
Eu e o Comitê de Comunicação esperamos que você goste e queremos muito
ouvir sua opinião: [email protected]
Abraços,
Eduardo Barella
Largo do Arouche 24 9º- andar
01219-010 São Paulo SP
tel 55 11 3352 8000
fax 55 11 3352 8004
www.progen.com.br
Nome completo: José Ricardo Ramalho Barella
Idade: 53 anos
Formação: Engenheiro Mecânico, UNESP de Bauru
aqui dentro é proporcionar aos funcionários uma carreira,
pois se o colaborador cresce, a companhia cresce, torna-se
rentável, consegue investir no negócio. Eu não diria que
pretendemos diversificar nem reinventar a empresa, eu acho
GP: Quem é José Ricardo Barella?
que não precisamos nos reinventar, mas nos retroalimentar
RB: Um sonhador. Uma pessoa que corre atrás dos sonhos, um
e sempre melhorar, sempre se diferenciar na questão da
empreendedor, pois empreender é correr, ir atrás. É buscar
qualidade, nas relações com os clientes. Eu gostaria de
aquilo que você acha que é possível sempre transpondo
ter uma empresa de projeção, que oferecesse as melhores
dificuldades. Empreendedor é aquele que consegue
condições possíveis para os colaboradores. Não quero ser
ultrapassar o que os outros consideram como impossível.
um homem rico, só quero que a empresa se diferencie.
GP: Como surgiu a ideia de fundar a Progen?
GP: Como membro do Conselho da Progen, o que você
RB: Eu trabalhava na Bunge, no Parque Industrial de
planeja para o futuro?
Jacupiranga, era Gerente de Engenharia e fazia todos os
RB: A gente cresceu muito depois de 2003, chegamos a um
projetos de capital e manutenção. Na época, o Brasil passou
tamanho que nunca imaginamos que chegaríamos. Para continuar
por uma crise muito forte e a empresa foi reestruturada,
caminhando, foram necessárias algumas ações diferenciadas.
fazendo com que o departamento de engenharia deixasse de
Fizemos a reestruturação societária, reorganizamos a
existir. Pensei no que eu poderia fazer dali pra frente e não
empresa, mas ainda temos muitas coisas a fazer e acertar,
tinha ideia sobre que negócio abrir, e pensei que a melhor
para continuarmos caminhando. Não podemos ficar estáticos.
opção seria uma pizzaria. Mas recebi uma proposta da Bunge
para fazer todos os projetos de engenharia deles e abri o
GP: Qual é o maior legado que a Progen deixa para os
meu negócio com um sócio.
colaboradores?
RB: Transparência, integridade, honestidade, coerência com
GP: Qual o maior patrimônio da Progen?
os propósitos da empresa. E, principalmente, ética no negócio
RB: O maior patrimônio da Progen são as pessoas, tudo
e compromisso.
que você faz nesta área de serviços é baseado em gente,
e eu acredito que o maior valor agregado da empresa
GP: Olhando toda a história da Progen, o que mais te
são os funcionários. São aqueles que aqui estão, e os
emociona hoje?
que aqui já passaram, que de uma forma ou de outra
RB: É ver aonde conseguimos chegar. Eu me surpreendo com
contribuíram para a construção deste navio. É claro que
o que conseguimos fazer com esta empresa e continuo me
como em todo navio você precisa ter um capitão, um
surpreendendo a cada dia. Quero deixar uma mensagem para
líder, mas ele não está só na minha figura, os líderes são
todos os leitores: acredite no que você é capaz de fazer e no
as pessoas que estão por aqui, cada um na sua posição.
que as pessoas podem alcançar juntas. Em equipe tudo é possível.
pág. 4
Reportagens
Reportagens
Novo posicionamento
da marca Progen
Depois da pesquisa e da criação do conceito, o passo a
ser seguido é a elaboração de um documento com todas
as etapas que o departamento de criação da agência de
publicidade deve seguir. Essa área é responsável por criar
a nova identidade visual da empresa e todos os materiais
Nos últimos dias, a Progen apresentou para todos os seus
foram ouvidos e suas opiniões foram cruzadas com as dos
de comunicação, campanhas e anúncios, além de fazer um
colaboradores a nova logomarca e posicionamento da marca
clientes para comparação. O segundo passo foi criar um
estudo criterioso de cores a serem utilizadas e tipologia.
que reflete o momento de profissionalização e modernização
conceito para a marca, o que no caso, foi traduzido pelo
que a empresa está passando.
termo COMPROMISSO como nosso DNA. Compromisso com
Segundo Verônica Miranda, Diretora de Ativação, tudo o que
os projetos, com pessoas, com clientes, em sempre oferecer
a antiga logomarca tinha de melhor foi mantido e um novo
A nova marca Progen acompanha o desenvolvimento e o
a melhor solução. Esse posicionamento é como a empresa se
comportamento para o azul foi incorporado. “Optamos por
crescimento da empresa, traduzindo a excelência dos seus
assume daqui para frente diante de seus diferentes públicos.
dois tons dessa cor, que eram a maior lembrança que nossos
serviços e a importância do alinhamento com a modernidade
clientes tinham da marca, para que o elemento vazado - a
que o setor exige. A necessidade de mudança partiu de
letra E - tenha força e presença. Também adotamos um
uma característica própria da empresa de querer sempre se
azul mais vibrante nesse caso. Dessa forma, esta letra se
destacar e sair na frente da concorrência.
transformou em um ícone e ganhamos a possibilidade de
Muitos estudos foram feitos para que a logomarca mais
fiel à nossa empresa fosse escolhida. Duas agências foram
contratadas para participar desse processo, a Z+ Comunicação,
agência de publicidade, e a BrainPartners SPGA Relações
Públicas, agência de comunicação. A primeira deu suporte
em todo o processo de pesquisas, peças de comunicação,
“Tudo o que a antiga
logomarca tinha de melhor
foi mantido e um novo
comportamento para o
azul foi incorporado.“
eira
Rodrigo Cerv
explorá-lo de várias maneiras na comunicação.”
A nova identidade foi pensada com o objetivo de oferecer
vários tipos de aplicações em diferentes ambientes gráficos.
Já no conceito das Relações Públicas, a BrainPartners
planejou o processo total da comunicação institucional
da empresa como recurso estratégico para interação
estratégias de reposicionamento e criação da marca, e a
com todos os públicos de interesse (stakeholders)
BrainPartners elaborou o plano estratégico de comunicação
e criação/manutenção do relacionamento.
com as mensagens a serem enviadas a todos os públicos de
“A nova logomarca chega para marcar o início de uma nova
interesse da organização.
Para Rodrigo Cerveira, Diretor de Planejamento da Z+, “As
era na Progen. O compromisso traduz exatamente todas
O processo de branding, ou seja, reposicionamento de
mudanças advindas de uma nova logomarca constituem um
as atitudes da Progen nesses 23 anos de existência”, diz
marca, foi dividido em várias etapas. A primeira delas foi
desequilíbrio sustentado, é normal mudar. A percepção que
Eduardo Barella.
uma pesquisa inédita com clientes-chave da Progen para
as pessoas têm da sua marca é a mesma que têm de seus
ouvir suas percepções sobre a empresa, a logomarca e os
serviços, por isso às vezes precisamos evoluir para sermos
nossos serviços. Alguns executivos da empresa também
percebidos como desejamos”.
a
Verônica Mir
nda
pág. 5
pág. 6
gente
Perfil
Movimento de cestas básicas
Direto de Darmstadt
O engenheiro César Ferraz, alocado na obra +30MTPA
O colaborador Henrique de Melo, desenhista da disciplina
em Parauapebas, teve a bonita iniciativa de recolher
elétrica e parte do time Progen em Vitória, passou
cestas básicas entre seus colegas de trabalho para
dois meses em uma Universidade
doar às famílias carentes que vivem ao redor da obra.
em Darmstadt, Alemanha, fazendo
Além disso, ele fez um levantamento sobre a situação
um estágio com ênfase em energia
Edson Alves, 49 anos, é engenheiro de processos do
Ele conta que sempre teve interesse pelas artes,
sociofinanceira da comunidade.
eólica. “Aprendi também como o
Departamento de Processos Químicos da Progen há seis
mas não pensava em se aprofundar.
alemão é um povo extremamente
anos. É graduado em Engenharia Química pela Escola
Em 1994 fez uma viagem pela Europa e acabou
profissional e agora entendo porque
Politécnica da USP, em Economia pela FEA-USP e em Artes
visitando diversos museus. Isso o motivou a
o país é o berço da engenharia.
Plásticas na Escola de Comunicação e Artes (ECA), também
conhecer mais sobre as artes e aprender a pintar
Foi uma experiência inesquecível”,
da USP.
como os grandes artistas.
“Gostar de pintar é o melhor começo.”
conta.
Em 1999, ele ingressou na Faculdade de Artes
Plásticas e começou a se dedicar, em tempo
integral, ao curso e a desenvolver as técnicas de
MBA na Califórnia
Calderada de sucesso
em Manaus
pintura, desenho, escultura e fotografia.
Jonas Souto, progeniano de Vitória, começou a fazer MBA
na Fundação Getúlio Vargas e o concluiu na Universidade de
Irvine, Califórnia. Lá, ele teve a chance de visitar instalações
de diversas empresas, como a Boeing e ver de perto como
funcionam algumas unidades de negócios.
Hoje, artista plástico formado, diz que sua
modalidade favorita é a pintura a óleo. Edson
classifica seus quadros como realistas, pois retrata
o que enxerga ao seu redor com bastante fidelidade
às cores e à luz.
Edson já participou de várias exposições em
Funcionário
palestrante em
Salvador
Valmir Tavares, nosso
obra da Petrobras em Manaus, participou de um concurso
gerente
regional
de talentos da Petrobras e, entre todos os funcionários – do
Salvador,
foi
Brasil e do mundo – ganhou em primeiro lugar aqui e em
pela Braskem a ministrar
segundo lugar na colocação geral. Ela concorreu no item
uma
culinário e venceu com o prato Calderada de Tambaqui.
tecnologia que a Progen
Parabéns, Valdenise.
usa no desenvolvimento de
de
convidado
sobre
a
alguns projetos. Parabéns
ao Valmir.
diversas galerias de artes, incluindo a Pinacoteca
A
pintor, já deu aulas e pintou, em três dias, o altar
Aline
Quadros Garcês, integrante
A colaboradora Valdenise Marques Zuany, alocada em uma
palestra
Força feminina
colaboradora
do projeto da Petrobras
em Manaus, recebeu os
parabéns do cliente pela
excelente organização do
Evento de Integração da
Força de Trabalho Feminina.
Nossos cumprimentos a Aline
pela excelente iniciativa.
pág. 7
do Estado de São Paulo. Em sua carreira como
de uma capela dos padres jesuítas na Rodovia
Anhanguera. Ele transformou dois cômodos de sua
casa em um ateliê e diz que “Gostar de pintar é o
melhor começo. Se a pessoa gostar, a habilidade
vem automaticamente, só é preciso ter paciência,
bastante treino e principalmente prazer.”
pág. 8
Artigo
Mudança, evolução
organizacional
e o papel do RH
assustem e a encarem como algo negativo. Na verdade as pessoas
não têm medo das mudanças, mas sim de serem mudadas: “Será
que eu me adaptarei à nova rotina de trabalho, à nova chefia, ao
novo sistema?”
A evolução tende ser um processo de mais fácil assimilação, mas
mesmo assim causa incômodos pelo seu caráter constante. Neste
caso, o que aflige é a sensação de “instabilidade”: “Todo dia
“A mudança nunca começa porque
ela nunca para” Weick, K.E.; Quinn, R.E.
temos desafios novos, estrutura nova, novas políticas. Será que
A mudança organizacional tornou-se algo costumeiro e
Considerando o cenário exposto nos parágrafos acima, o que se
frequente no dia a dia corporativo. Em outros tempos as
conclui é que o profissional de hoje precisa desenvolver uma
empresas mudavam, esporadicamente, quando as necessidades
capacidade contínua de adaptação à mudança. O profissional de
surgiam. Hoje elas tendem a buscar a mudança.
hoje deve evoluir de forma contínua.
As organizações mudam para competir no mercado, cumprir leis
Nessa circunstância, qual o papel do RH?
ou regulamentações, introduzir novas tecnologias ou atender a
O RH de hoje deve trabalhar de forma ainda mais ágil as
variações nas preferências dos clientes ou de parceiros. Há quem
competências humanas. Deve estar sempre alerta às questões que
diga que a única competência que importa para as empresas
envolvem clima organizacional, capacitação e desenvolvimento
hoje em dia é capacidade de determinar que competência será
de competências. Deve agir de forma proativa em conjunto
necessária no dia de amanhã. Isto exige alteração contínua de
com a direção da empresa no estabelecimento de estratégia.
estrutura, adoção de novas políticas etc.
E principalmente, deve zelar para que as questões culturais e
isto não vai parar nunca?”
os valores da companhia sejam mantidos e as mudanças sejam
Dado este contexto de mudança intencional e contínua, talvez
percebidas sempre positivamente. Deve lidar e valorizar as
o próprio termo não se aplique mais. As empresas então não
tradições e a história da empresa e, ao mesmo tempo, focar e
somente mudam, mas sim evoluem. Qual a diferença?
conduzir as pessoas em direção ao futuro planejado. O nosso RH
A mudança se caracteriza como algo mais bruto e disruptivo.
está “apontado” para esta direção, disposto e capaz a auxiliar a
Trata-se de um rompimento com a situação estabelecida
Progen a trilhar o caminho futuro cheio de mudanças e evoluções.
anteriormente. A evolução, por sua vez, é uma transformação
lenta e suave. É um progresso sucessivo, que traz a sensação
Prepare-se você também para este momento. Entenda que este
de melhoria gradativa.
contexto de mudanças contínuas veio para ficar (sem jogo de
palavras) e aproveite isto da melhor maneira possível.
É claro que do ponto de vista da adaptação pessoal (do
colaborador, do indivíduo) a mudança é mais traumática, pois
pelo seu próprio caráter disruptivo faz com que as pessoas se
Danilo Santos nasceu em São Paulo (SP), em fevereiro
de 1971. É graduado em Ciências da Computação e
pós-graduado em administração de Recursos Humanos
pela Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP).
Profissional da área de Recursos Humanos desde 1991.
Em 2008 foi eleito pelos profissionais de Recursos
Humanos, finalista do prêmio Top of Mind de RH.
Fly UP