...

Portuguese Newsletter

by user

on
Category: Documents
2

views

Report

Comments

Transcript

Portuguese Newsletter
the
P ORTUGUESE N EWSLETTER
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
VOLUME
A
26
NUMBER
1 – FALL 2012
LUCI DE BIAJI MOREIRA,
editor
FROM THE EDITOR
Portuguese Newsletter do outono de 2012 do apresenta Anna
Klobucka, professora da University of Massachusetts, Dartmouth como Destaque. Anna comenta, entre outras coisas, sobre
seus estudos na Polônia e sua vida acadêmica. Em Ponto de Vista, Matilde
Scaramucci, da Universidade de Campinas, comenta sobre a importância
de aprender português, no momento, mais especificamente, o português
do Brasil. A PN tem ainda mais! Informações sobre eventos passados e
futuros, novas publicações. Informamos, também, a criação de um novo
«local chapter» da Phi Lambda Beta.
A Portuguese Newslette
Newsletterr pode ser encontrada também em <www.aatsp.
org>. Procure “Publications” e clique em “Portuguese Newsletter” ou
em “Latest issue of the Portuguese Newsletter.” Você encontrará desde
a mais recente até as edições dos últimos cinco anos.
CONTENTS
Destaque ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
Ponto de Vista ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
Etc… ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
Phi Lambda Beta ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
Pingo Poético ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
Bookstore ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
Agenda ∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙∙
1
4
6
9
9
10
13
Luci Moreira
DESTAQUE
LM - Você iniciou seus estudos na Polônia.
Você poderia falar aos leitores da Portuguese
Newsletter um pouco de sua vida profissional
e quando começou o seu interesse pela língua e
literaturas de língua portuguesa?
AK - Quando, em 1980, optei por me
candidatar para o programa em Estudos Ibéricos (como então se chamava)
na Universidade de Varsóvia e depois
Anna Klobucka
por
Luci De Biaji Moreira
escolhi a especialização em português
em vez de me dedicar ao espanhol não
tive nenhuma razão muito clara ou decisiva para o fazer. Tratou-se antes de
um conjunto relativamente aleatório de
pequenas motivações que me empurraram nesta direção, desde o que se dizia
na altura sobre as futuras oportunidades
de emprego até à hipótese de conseguir
uma bolsa para estudar em Portugal (o
continued on pg. 2
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
continued from pg. 1
que de facto acabou por acontecer),
passando pelo caráter multidisciplinar do currículo, que incluía, além de
uma forte ênfase no estudo da língua (10 horas semanais no primeiro
ano), várias cadeiras de linguística,
história, geografia, etc. O interesse
mais claramente direcionado para a
literatura veio depois, em boa parte graças ao Curso para Estrangeiros que frequentei na Faculdade de
Letras da Universidade de Lisboa
em 1983/84. Essa experiência
foi também o que me motivou, e
não apenas por razões puramente
académicas, para procurar continuar
os estudos a nível de pós-graduação
fora da Polónia.
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
“
2
LM - Em menos de vinte anos, você construiu uma sólida carreira nos Estados
Unidos, de estudante de pós graduação a
‘Professor’. Entre seus vários ‘papéis’, tais
como chefe de departamento, professora,
editora, presidente da APSA e autora de
crítica literária, qual é o que lhe dá ou lhe
deu mais prazer e o sentido de estar realizada profissionalmente?
AK - O que me dá mais prazer e
sentido de realização é sem dúvida
a oportunidade de desempenhar
conjuntamente esses vários papéis
que você menciona, ou seja, a capacidade de intervenção ao mesmo
tempo múltipla e holística que a vida
académica nos oferece. Claro que é
preciso ter alguma (ou bastante) sorte na fase de construção da carreira
para assegurar as condições de emprego que nos permitam diversificar
e moldar as formas de realização
profissional consoante os nossos
próprios interesses e capacidades.
Tendo tido essa sorte, posso dizer
que me sinto muito privilegiada por
poder orientar o meu trabalho para a
direção que me interessa seguir, seja
na investigação ou nos projetos editoriais, seja no ensino. Por mais pre-
ocupante que me pareça a crescente
corporatização do ensino superior
nos Estados Unidos, especialmente
em detrimento do setor público (ao
qual me encontro vinculada há vinte
anos, tendo ensinado em três universidades estaduais distintas), acredito
que a vida académica oferece ainda
o ambiente mais propício para a salvaguarda do predomínio dos valores
intelectuais, éticos e de cidadania sobre os ditames do mercado.
O interesse mais claramente direcionado para
a literatura veio depois,
em boa parte graças ao
Curso para Estrangeiros
que frequentei na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
”
LM - Você pertence a um grupo de
profissionais que circula, digamos, com desenvoltura, pela África portuguesa, Brasil
e Portugal, tanto em conferências como divulgando suas publicações. Como você interpreta a receptividade ao seu trabalho no
exterior, especialmente em Portugal, sendo
uma ‘estudiosa estrangeira radicada no estrangeiro’, conforme definição da Angelus
Novus?
AK - Como disse na mesma entrevista que cita, publicada no blog da
editora Angelus Novus na ocasião
do lançamento do meu livro O Formato Mulher: A Emergência da Autoria
Feminina na Poesia Portuguesa (2009),
é evidente que a nível pessoal me
causa uma grande alegria ver o meu
trabalho de investigação sobre a literatura portuguesa editado, lido e
comentado em Portugal. Já pensando as ramificações e consequências
desta condição duplamente “estrangeirada” de uma forma mais criticamente distanciada, posso dizer que
sou bastante sensível às dificuldades
e aos riscos inerentes a qualquer
projecto de intervenção (por assim
dizer) extraterritorial. Mas sei também que uma visão crítica refractada
pela desterritorialização tem boas
condições para produzir, com alguma sorte, efeitos de leitura eventualmente inovadores e úteis. De forma
geral, tenho procurado maximizar
no meu trabalho precisamente as
vantagens construtivas da deslocação epistemológica potenciada pela
deslocação territorial, embora os aspetos menos vantajosos desta condição nunca deixem de me inquietar
de forma não necessariamente muito produtiva…
LM - Você concorda com a afirmação de
que o livro didático Ponto de Encontro
marcou definitivamente uma nova etapa
no ensino de língua portuguesa nos Estados Unidos? Como você, que faz análises
histórico-literárias, vê este projeto, agora na
sua segunda edição?
AK - Como uma das autoras de Ponto
de Encontro
Encontro,, e tendo desempenhado
o papel da «lead author» na primeira
edição do livro, não sou realmente
a pessoa mais apropriada para me
pronunciar sobre o impacto global
deste projeto no panorama do ensino da língua portuguesa nos Estados
Unidos. Mas agrada-me muito que o
livro tenha sido bem recebido, de
forma geral, pela comunidade dos
professores de português e orgulho-me por ter contribuído para a sua
produção, apesar de se tratar de um
empreendimento de certa forma
externo, como você diz, à minha especialização académica na área dos
estudos literários e culturais. No encontinued on pg. 3
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
Destaque, continued from pg. 2
“
tanto, o ensino da língua portuguesa é um fundamento imprescindível
para a expansão dos estudos luso-afro-brasileiros nos Estados Unidos e qualquer separação categórica
entre este fundamento e as outras
vias de ensino que dele partem parece-me ilógica e potencialmente nociva para o bem-estar atual e o futuro
dos nossos programas.
posso dizer que me sinto
muito privilegiada por
poder orientar o meu
trabalho para a direção
que me interessa seguir
ção teatral do fim do ano. Só comecei a empenhar-me seriamente com
o inglês a partir duns 16 anos de idade e com português e espanhol no
curso universitário. Aí já havia motivações mais claramente desenhadas
e aprendizagem por opção própria,
o que antes não se verificava.
AK - Para começar, eu não me
considero nada poliglota! Aliás,
sou até um bom mau exemplo de
como se pode gastar anos e anos
na aprendizagem de uma língua estrangeira sem qualquer efeito duradouro: é o que me aconteceu com
russo, que cursei na escola primária
e secundária, e alemão, no curso
secundário. Tudo (ou quase tudo)
esquecido. O inglês começou com
umas aulas extra-curriculares nos
primeiros anos da primária, mas
acho que daquela experiência também me sobrou pouco: lembro-me
de ter aprendido os nomes das cores
e de gritar «Help! Help!» no papel de
Capuchinho Vermelho numa produ-
LM - Ana, você poderia dizer aos leitores
da Portuguese Newsletter quais são
seus próximos projetos?
acredito que a vida académica oferece ainda o
ambiente mais propício
para a salvaguarda do
predomínio dos valores
intelectuais, éticos e de
cidadania sobre os ditames do mercado
Anna M. Klobucka (Ph.D., Harvard,
1993)
atualmente
leciona
nos
Departamentos de Português e Women’s
and Gender Studies da Universidade de
Massachusetts Dartmouth. Publicou
The Portuguese Nun: Formation of a
National Myth (Bucknell UP, 2000; ed.
portuguesa IN-CM, 2006) e O Formato
Mulher: A Emergência da Autoria Feminina
na Poesia Portuguesa (Angelus Novus,
2009), tendo também co-organizado
os volumes After the Revolution: Twenty
Years of Portuguese Literature 1974-1994
(Bucknell, 1997) e Embodying Pessoa:
Corporeality, Gender, Sexuality (University
of Toronto Press, 2007; ed. portuguesa
Assírio & Alvim, 2010). É co-autora
do manual Ponto de Encontro: Portuguese
as a World Language (Prentice Hall,
2007;
2
2.a ed. 2012).
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
”
“
LM - Aqui nos Estados Unidos
você pode ser considerada como ‘role model’
como poliglota que é. Você poderia dizer
aos leitores da Portuguese Newsletter
quantos idiomas você aprendeu, onde e
quantos aprendeu já em idade adulta, além
de sua opinião sobre este momento político
dos Estados Unidos com relação à aprendizagem e ensino de línguas estrangeiras?
Quanto ao atual momento político
nos Estados Unidos, podemos dizer
que coexistem nele, paradoxalmente, as oportunidades sem precedentes para a aprendizagem das línguas
estrangeiras (devido à multiplicação
dos recursos digitais e meios de comunicação global) e uma falta de
vontade precisamente política de
investir os apoios necessários para
a realização destas oportunidades
de uma forma estruturada e eficaz, principalmente a nível do ensino público. Claro que a perceção
de que todo o mundo fala inglês e,
portanto, aprender outras línguas é
um luxo e não uma necessidade, não
ajuda a formular argumentos convincentes a favor deste investimento.
AK - Nestes tempos tenho trabalhado principalmente sobre as questões
de género e sexualidade na literatura
e cultura portuguesa dos finais do
século XIX e primeiras décadas do
século XX. Entre os projetos concretos de escrita que daí derivam encontra-se um pequeno livro (sobre o
poeta António Botto) e vários artigos, alguns já publicados ou em vias
disso, outros ainda em construção.
Um conjunto destes projetos visa
a recuperação de textos e autores
esquecidos ou pouco valorizados,
outro propõe releituras de livros canônicos mas pouco ou nada pensados a partir desta perspetiva teórica.
Um trajeto de investigação distinto
que também tenho cultivado tem a
ver com as relações entre a problemática de género e sexualidade e os
textos do colonialismo português
e pós-colonialismo lusófono. Aqui
interessa-me sobretudo analisar o
papel central que a sexualidade e as
relações de género tiveram na definição diferencial da experiência colonial e pós-colonial em português,
em particular mediante a ênfase na
miscigenação que contribui tão decisivamente para a articulação do
excecionalismo luso-brasileiro por
Gilberto Freyre. ‰
3
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
PONTO DE VISTA
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
Brazilian Portuguese is the best language…
Matilde V. R. Scaramucci
Universidade Estadual de Campinas
4
… é o título de uma matéria publicada na The Economist de abril de
2012. De autoria de Helen Joyce,
correspondente da revista em São
Paulo, a publicação, assim como algumas outras da mesma natureza,
até então raras na mídia não especializada nacional e internacional,
têm chamado a atenção do grande
público para a importância de aprender o português do Brasil. As razões
elencadas extrapolam aquelas que já
nos são familiares: o fato de sermos
uma população de aproximadamente 190 milhões de falantes—ou 260
milhões—se incluirmos aqueles dos
outros sete países de fala portuguesa
e os falantes de herança. Ou aquelas,
ainda, que, tradicionalmente, povoam o imaginário sobre o Brasil no
exterior — “país de lindas praias”,
“língua e cultura exóticas”, “ritmos
cativantes”, “língua sonora”. Entretanto, desta vez as razões são,
sobretudo, de ordem política e econômica: além de ter tido uma participação ativa na discussão de temas
da agenda internacional nos últimos
anos, o país passa por uma fase de
desenvolvimento econômico estável
em um momento de crise mundial,
despertando interesses comerciais.
Torna-se, assim, um país de oportunidades—serviços, empregos, estudos—um mercado estratégico para
ações, em que a língua é vista como
uma “ferramenta de sucesso”, um
importante “insumo econômico”
com valor de mercado e que se vê,
assim, impulsionada para além de
suas fronteiras nacionais. Seria este
momento “o aqui e o agora” do
tão decantado “futuro” do “país do
futuro”? Ou seria mais uma ilusão
provocada por uma tendência passageira?
“
De todo modo, como não poderia
ser de outra maneira, essa efervescência tem se refletido nos meios
acadêmicos, em que se ampliam os
fóruns de discussão e as demandas
para desenvolvimento de cursos,
materiais de ensino e formação de
professores ajustados às novas situações de aprendizagem e tendências
contemporâneas. Somente nos Estados Unidos, nos últimos meses, tiveram lugar a Conferência da Língua
o país passa por uma
fase de desenvolvimento
econômico estável em um
momento de crise mundial… em que a língua
é vista como uma “ferramenta de sucesso”
”
Portuguesa, em Nova York, no
dia 20 de abril; o II Curso de Formação Continuada para Professores
de POLH (Português como Língua
de Herança), de 20 a 22 de abril, na
Flórida International University, em
Miami; o Encontro Mundial do Ensino de Português (EMEP), nos dias
4 e 5 de maio, em Fort Lauderdale,
durante o Focus Brazil, para mencionar alguns.
Embora a demanda pelo português
para estrangeiros não seja uma novidade – há, pelo menos desde os
anos 60, a constituição de uma área,
que, nos anos 90, passa a contar com
uma associação de professores (SIPLE), com produção consistente de
materiais didáticos e reflexões sobre
o ensino e aprendizagem – são realmente recentes seus mais importantes aportes.
No que tange às políticas linguísticas,
entretanto, ainda há muito que se
melhorar, o que não significa deixar
de reconhecer as ações bem sucedidas. No topo da lista está, sem dúvida alguma, a implementação, pelo
Ministério da Educação em parceria
com o Ministério de Relações Exteriores, do exame para a obtenção do
Celpe-Bras ((Certifi
Certificado de Proficiência
em Língua Portuguesa para Estrangeiros).
ros
). Aplicado pela primeira vez em
1998, sua criação foi, em grande parte, impulsionada pela assinatura dos
Tratados de Assunção (1991), que
deram origem ao Mercosul. Atualmente sob a responsabilidade
ddo Instituto Nacional de Estudos e
Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o certificado, com 46
centros aplicadores em 28 países,
além daqueles no Brasil, é utilizado
por estrangeiros que necessitem usar
o português do Brasil para estudos
e trabalho. Por ser um exame inovacontinued on pg. 5
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
Ponto de Vista, continued from pg. 4
se quisermos nos projetar
como língua mundial…
este é o momento ideal
para a consolidação de
políticas mais efetivas e
consistentes de valorização do nosso idioma
”
Também merece destaque a ampliação da chamada Rede Brasileira
no Exterior, composta essencialmente pelos Leitorados e Centros
Culturais Brasileiros (CCBs, antigos
CEBs ou Centros de Estudos Brasileiros), estes com sedes em vários
países, responsáveis pelo ensino de
português e divulgação da cultura
brasileira através da organização de
palestras, mostras e apresentações
de autores brasileiros.
Não podemos deixar de mencionar,
ainda, acordos bem sucedidos no
contexto da América do Sul, que resultaram na implementação, embora
ainda gradativa e não sem dificuldades, do português no sistema escolar
argentino em contrapartida à lei que
institui a oferta obrigatória de espanhol nas escolas de ensino médio no
Brasil.
Há, ainda, projetos importantes em
andamento ou se iniciando, e que
merecem destaque por contemplarem uma política de cooperação entre
os países de fala portuguesa. Encabeçado pelo Instituto Internacional
da Língua Portuguesa (IILP), órgão
da CPLP criado em 1989, com sede
em Praia, capital de Cabo Verde,
chamamos a atenção para o Vocabulário Comum da Língua Portuguesa
(VOC) que trará, pela primeira vez,
para a norma lexical do português, o
conjunto de palavras de todas as variedades de língua portuguesa. Ainda sob a responsabilidade do IILP,
há também a proposta de criação do
“Português da Gente, Português de
Toda a Gente”, uma plataforma na
internet para o ensino-aprendizagem do português com contribuições e recursos didáticos dos oito
países da CPLP.
Todas essas ações, entretanto, ainda são insuficientes se quisermos
nos projetar como língua mundial –
ocupamos o sexto lugar no conjunto
das línguas mais faladas no mundo.
Este é o momento ideal para a consolidação de políticas mais efetivas e
consistentes de valorização do nosso
idioma.
As políticas linguísticas não dependem exclusivamente do Estado, mas
também das instituições e atores
sociais e, nesse sentido, gostaria de
chamar a atenção para o importante papel das universidades brasileiras, atualmente em um efervescente processo de internacionalização,
com grande crescimento no número
de convênios e intercâmbios com
universidades internacionais. Além
das oportunidades de oferecimento
de ensino de línguas estrangeiras aos
seus alunos, cabe a elas aumentar a
oferta de cursos de português como
segunda língua e tornar obrigatório
o certificado Celpe-Bras para a admissão de alunos estrangeiros.
Se publicar em inglês tem sido reconhecido nos meios acadêmicos brasileiros como essencial para maior
visibilidade internacional de nossa
produção científica e cultural – que
essas publicações sejam bilíngues,
para que o português possa ser reconhecido também como “língua da
ciência”.
A oferta de cursos de formação de
professores de português como língua estrangeira e segunda, em suas
diversas modalidades, mas especialmente, de formação inicial será,
contudo, o mais importante aporte
que as universidades brasileiras e
estrangeiras poderão oferecer para
uma maior profissionalização da
área. Professores de língua são mais
que falantes nativos. A consolidação
do ensino de português depende de
professores bem formados e com a
instrumentalização necessária para
que possam atuar, de forma reflexiva, nos vários contextos que hoje se
apresentam. ‰
Matilde V. R. Scaramucci is a Full
Professor in the Department of Applied
Linguistics and Director of the Institute
of Language Studies, University of
Campinas, SP, Brazil. She is the coeditor of two
volumes: Português
para Falantes de
Espanhol: Ensino
e Aquisição (with
L.
Wiedemann;
Pontes,
2008)
and Pesquisas sobre
vocabulário em língua
estrangeira. (with S.
Gattolin; Mercado
de Letras, 2007).
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
“
dor – baseado em uma visão de proficiência que pressupõe a capacidade
de usar a língua para comunicações
orais e escritas em situações reais, o
que exige uma prática de uso situado e contextualizado e não apenas
manipulação de formas gramaticais
ou significados – tem exercido impactos importantes nos cursos de
português e no aprimoramento de
professores, apontando direções e
prioridades para um ensino que ainda é tradicional, fortemente centrado na gramática.
5
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
ETC...
LECTURES
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
INDIANA UNIVERSITY/UIUC
6
Indiana
University-Bloomington
and the University of Illinois at
Urbana-Champaign hosted writerin-residence João Ubaldo Ribeiro
in March and April. During his visit
to the Midwest, the writer gave two
public presentations at each university. Their titles were: “Four or
Five Myths about Brazil and Latin
America” and “A Conversation with
João Ubaldo Ribeiro: The Writer as
Translator, the Translator as Writer.” Indiana and Illinois also invited
Clifford Landers, Ubaldo Ribeiro’s
U.S. translator, to participate in this
event. The Academia Brasileira de
Letras, of which Ubaldo Ribeiro is
a member, was a major sponsor of
his visit to the Midwest in the spring.
March and April of 2012.
UMASS DARTMOUTH
“Words specific to Portuguese within the context of the languages of
the Iberian Peninsula,” a lecture on
the history of the Portuguese language by Fernando Venâncio, Portuguese writer, cultural and literary
critic, linguist and academic. April
24, 2012.
“What do we talk about when we
talk about fiction? Modernism as a
lesson,” by Jacinto Lucas Pires, writer, film director, and musician. May
2, 2012.
MIDDLEBURY COLLEGE
A Escola de Português do Middlebury College comemorou seus 10
anos de fundação este ano. Como
parte da celebração, Carmen Tesser, diretora fundadora da Escola
participou das festividades. Dentre
a série de palestras comemorativas,
destacam-se:
• “Poéticas da dupla margem: poesia de mulheres afro-brasileiras,”
Escritora-Residente
Conceição Evaristo, 6
de julho.
above: Embaixadora Amélia Matos Sumbana
• “A Semana de Arte Moderna de
1922 e sua repercussão nas Artes
Brasileiras,” Jorge Sayão, 31 de julho.
• “Homo demens, homo faber:
Considerações à volta de A queda
de Ícaro
Ícaro,”
,” Escritor visitante Álvaro
Cardoso Gomes, 2 de agosto.
• “Mistérios de Lisboa,” Escritor-Residente, Rui Zink, 19
de julho. Palestra realizada com o apoio da
FLAD.
• “Moçambique hoje,”
Embaixadora de Moçambique Amélia Matos Sumbana, 24 de
julho.
above: Rui Zink
• “História dos ritmos
brasileiros,” Músico
Richard Miller, 27 de
julho.
above: Eliane Teixeira e Álvaro Cardoso Gomes
continued on pg. 7
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
Etc, continued from pg. 6
PORTUGUESE NEWSLETTER
ETC...
UIUC
“Multiculturalism and Miscegenation in the construction of Latin
American Cultural Identity,” by Lemann Distinguished Scholar in Brazilian Studies Eduardo F. Coutinho.
February 23, 2012.
“The existential phenomenology
of Clarice Lispector.” January 24,
2012. Palestra proferida por Michael Marder, University of the
Basque Country, Vitoria-Gasteiz.
INDIANA UNIVERSITY
Brazilian Literature Workshop:
“Nas tramas das letras: uma conversa com Milton Hatoum,” by
Brazilian author Milton Hatoum.
May 2, 2012.
GEORGETOWN UNIVERSITY
Duas palestras foram proferidas por
Cármen Maciel, da Universidade
Nova de Lisboa:
• “Da lusotopia e lusografia à lusofonia: expressões culturais partilhadas no espaço transnacional de
língua portuguesa.” 12 de março.
• “A atual situação da língua portuguesa no mundo: oportunidades
e desafios.” 14 de março.
Duas palestras foram proferidas por
Isabel Margarida Duarte, Universidade do Porto:
• “Apresentação de Mia Couto:
leitura do conto ‘O rio das quatro
luzes’” 13 de fevereiro.
• “Em torno de algumas especificidades dos tempos verbais do
Português” 13 de fevereiro.
MIT
“Challenges to Sustainable Development,” April 24.
“It’s Time to Lead by Example,”
April 27.
Both lectures were delivered by Marina Silva, former Minister of the
Environment of Brazil. Info. at <[email protected]>.
SYMPOSIUMS AND CONFERENCES
UNIVERSITY OF WISCONSIN, MADISON
“Celebrating Fifty Years of the Luso-Brazilian Review.” The symposium took place on April 20-21, 2012
at the University of Wisconsin in
Madison. For more information, go
to <http://researchguides.library.
wisc.edu/content.php?mode=prev
iew&pid=108766&sid=1936701>.
INDIANA UNIVERSITY
“Brazilian Cinema at the Margins.”
The film festival was sponsored by
the Portuguese Program at Indiana
University. Guest speaker was Richard Peña, from Columbia University
and Program Director of the Film
Society of Lincoln Center in NYC.
above: Conceição Evaristo (photo by Michael
Hughes)
The festival films included the horror movie “This Night I Will Possess Your Corpse” (José Mojica
Marins, 1967); Rogério Sganzerla’s
“The Red Light Bandit” (1968); and
Sérgio Bianchi’s “Romance” (1987).
More information at: <http://www.
cinema.indiana.edu/calendar/>.
WASHINGTON
LOUIS
UNIVERSITY,
S T.
“Toxic Amazon” (2011), Film and
discussion with Brazilian journalist
and environmental activist Felipe
Milanez, awarded “Forest Hero” by
the UN in 2012 and Top Ten Greenbest blogger, about the violence associated with development and law
in the Amazon. April 4.
Dance and Percussion workshop,
with samba dance instructor Eliana
Oliveira and percussionist Moacyr
Marchini. April 5.
“The Dirty Politics of Shantytown
Radicalism: Murder, Slander, and
Associational Life in Mid-Twentieth Century of Rio de Janeiro,”
with Brodwyn Fischer, Historian at
Northwestern University. April 5.
continued on pg. 8
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
The Portuguese-Speaking Diaspora:
An Exhibit at the Lilly Library.
An exhibit of rare manuscripts,
books and artwork on nearly five
centuries of the Portuguese-speaking diaspora took place on January 15, 2012 at the Lilly Library on
the campus of Indiana UniversityBloomington. The special exhibit
contains materials on literature, history, religion and the arts and gives
emphasis to Brazil, Africa, India,
China, Southeast Asia, and Japan.
The exhibit ended in mid-March
2012.
HARVARD UNIVERSITY
7
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
ETC...
(CONTINUED FROM PG.7)
ami. O evento foi coordenado por Edleise
Mendes, da Universidade
Federal da Bahia e com
a participação de Clémence Jouët-Pastré, de
Harvard.
MACLAS
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
above: AATSP 2011 conference participants
Book discussion with Brodwyn
Fischer on his awarded-winning
book A Poverty of Rights: Citizenship
and Inequality in Twentieth-Century Rio
de Janeiro (2008). April 6. More information with: <[email protected]
edu> and <http://artsci.wustl.
edu/~dpardue/web_pardue/BRising2012.html>.
FIU
II Curso do Programa de Formação
de Professores de Português como
Língua de Herança – Etapa de Miami, foi organizado pelo Consulado
Geral do Brasil em Miami, entre os
dias 20-22 de abril na Universidade
Internacional da Flórida (FIU), Mi-
The Middle Atlantic
Council of Latin American Studies (MACLAS)
held its annual meeting at American University in Washington,
DC from March 22-24,
2012. The theme of this
year’s conference was
“Latin America: Hopes,
Dreams and Reality after
the Washington Consensus.” For more information, contact MACLAS
President: <[email protected]
hsc.edu> and <www.
maclas.org>.
AATSP
“Exploring Heritage Languages and
Cultures: Challenges and Opportunities,” was the theme of the 94th
annual conference of the AATSP
held in San Juan, Puerto Rico in the
summer 2012. Highlights: The convention had over 200
sessions and workshops; a President’s
Welcome Reception
on the shores of the
Atlantic Ocean; the
Awards Banquet; the
AATSP Chapter delegate assembly; graduate credit opportunities through the
above: AATSP 2011 conference participants
8
above and below: AATSP 2011 conference participants
AATSP-New Mexico State University;
featured author sessions; and excursions to Puerto Rican sites.
The conference took place at Conrad
San Juan Condado Plaza Hotel, San
Juan, Puerto Rico, on July 5-8.
‰
above: AATSP 2011 conference participants
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
PHI LAMBDA BETA
NEW LOCAL CHAPTER ESTABLISHED
The Phi Lambda Beta announces the recently established Sigma Chapter, the Phi Lambda Beta local chapter founded by
Rhode Island College. Assistant Professor Silvia Oliveira will be the faculty sponsor. A ceremony of induction will take
place this fall. Congratulations to Rhode Island College for Sigma Chapter!
NEW MEMBERS, SPRING 2012:
UNIVERSITY OF MASSACHUSETTS, DARTMOUTH
Delta Chapter
Membros ativos: Adam Tavoya, Felipe Palmeira Amaral,
Danielle Murta de Laborde Affonso Rebecca Papp, Laura
Catalina López Jiménez
Phi Delta Chapter
Membros Ativos: Fernando Pinto, Maria Teresa Valdez,
Demitria Ferreira, Amber Shimkus, Shelly Sousa
UNIVERSITY OF FLORIDA, GAINESVILLE
Membros Associados: John Pinheiro, João Coelho
Alpha Chi Chapter
Membros ativos: Dylan Attal, Grant Bennett, Sarah Benton, Emilío Meneses
Membros Honorários: Maria Clotilde Branco, João Paraskeva, Luiz Felipe de Alencastro
GEORGETOWN UNIVERSITY
Epsilon Chapter
Kelly Rolette McCabe, Eirene Adair O’Connor
Batidas rítmicas guiam passos graciosos
Sombras entrelaçadas, abraços seguros
Ações deliberadas, gestos jamais duros
Sujeitos relaxados, mas ainda cautelosos
Separação breve e, com um giro, reunidos
Respirações profundas revelam fadiga feliz
Teatro sincronizado, com ator e atriz
Roteiros nunca falados, simplesmente entendidos
Prisioneiros dispostos da própria paixão
Até o sol cede seu lugar à prima lua
Tão elegante e encantadora essa multidão
O silêncio cai como se fosse um pano
Cada sombra vai para seu lado
O ritual acabou, nesse terreno urbano
PINGO POÉTICO
- GREG ROSE
Escola de Português, Middlebury College – Verão 2012
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
UNIVERSITY OF NEW MEXICO
9
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE BOOKSTORE
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
BOOKS
10
Contrastive Dictionary-Luso-Brazilian
Portuguese and British-American English,, by Elisa Campos, is an E-book
lish
with contrastive words and phrases
that exist in spoken and written Portuguese in Portugal and in Brazil,
followed by their equivalents in British and
American English. In
addition, some idioms
and set or fixed phrases,
also contrastive, are presented at the end of the
book. More information: <www.elisacampos.com>.
Antologia do cordel brasileiro.
brasileiro. Organizado por Marco Haurélio e publicado
pela Global Editora em 2012, traz
uma coletânea de variados cordéis,
desde o cordel maravilhoso, o de
conto de fadas, até outros com raízes na Grécia Antiga. Outro livro de
Marco Haurelio, publicado em 2010,
Breve história da literatura de cordel
cordel,, pela
editora
Claridade,
mostra a
história
do cordel
e como
tem influenciado muitos
autores
nordestinos.
Sorria, você está sendo engarrafado
engarrafado,, de
Mário Márcio, de 2012, é um resumo da urbanização do Rio de Janeiro a partir da chegada da família
real ao Brasil em 1808 e comenta
o que fazer para se distrair no engarrafamento causado pelos novos
moradores.
Ponto de Encontro,
Encontro, de
Clémence Jouët-Pastré,
Anna Klobucka, Patrícia Sobral, M. Luci D.
Moreira, and Amelia
Hutchinson, was published in the spring of
2012. The second edition is updated to reflect
the new Acordo Ortográfico; includes the new Vamos analisar exercises, and Projeto final section.
Another feature is the MyPortugueseLab. It provides feedback
bubbles in machine-graded activities; giving students instant hints
on why an answer is incorrect; customized gradebook; e-text (or access to the textbook); oral practice
(voice recording, audio feedback,
and blackboard instant messaging,
podcasting and mediashare), and
other features. More information:
<http://www.pearsonhighered.
com/>.
Desde que o samba é samba
samba,, de Paulo Lins,
foi publicado pela Planeta do Brasil
em 2012. O livro procura resgatar
a memória da formação da cultura
brasileira
através da
história de
personagens envolvidos
na fundação
do
primeiro
bloco de
car naval
do Rio de
Janeiro.
O rato que roeu a roupa do rei,
rei, de Vivaldo dos Santos, foi publicado pela
Scipione, 2011. Trata-se do primeiro
livro infantil do professor e poeta.
Visite:
<http://www.vivaldoandradedossantos.com/>.
Angústia, de Graciliano Ramos,
Angústia,
foi publicado pela editora Record
em 2011 em edição comemorativa
dos 75 anos da publicação original,
ocorrida em 1937.
continued on pg. 11
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
Bookstore, continued from pg. 10
ITAMARATY BRAZILIAN LITERATURE
AWARD
The prizes will be US$ 20.000,00,
US$ 15.000,00, US$ 10.000,00, US$
5.000,00, and US$ 3.000,00, respectively for the first, second, third,
fourth and fifth places, to be paid to
the winners abroad by the Brazilian
Embassy or Consulate in the candidates’ country of residence, in addi-
ACTFL PROFICIENCY GUIDELINES
2012 ONLINE
The most current version of the
ACTFL Proficiency Guidelines for
Speaking, Writing, Listening, and
Reading made interactive through
the inclusion of glossed terms and
multimedia exemplars is ready.
Readers can explore the Guidelines
by skill or by level, listen to and read
samples in English that represent
abilities at each of the major proficiency levels.
The ACTFL Proficiency Guidelines
2012 may be used for non-profit,
educational purposes only, provided
that they are reproduced in their entirety, with no alterations, and with
credit to ACTFL. The text can be
found at <http://actflproficiencyguidelines2012.org/>.
HISTORICAL CA PORTUGUESE
NEWSPAPERS DIGITIZED
The Ferreira-Mendes PortugueseAmerican Archives at the Claire T.
Carney Library and the Center for
Portuguese Studies and Culture of
the University of Massachusetts
Dartmouth announce the addition
of 14 Portuguese-language newspapers published in California between
1885 and 1940 to its PortugueseAmerican Digital Newspaper Collections. Original newspapers are
also preserved in microfilm. Sociologists, historians, anthropologists,
political scientists and other academics researching issues associated
with immigration and ethnicity will
also find it a valuable tool, as will
those interested in local and family history. The goal of the project
is to digitize major historical Portuguese newspapers published in the
United States. The newspaper can
be accessed for free at <http://lib.
umassd.edu/archives/paa/PADigitalNewsColl.html>.
YOUTUBE ALÉM-MAR
O YouTube agora possui Além-Mar,
um vídeo sobre a língua portuguesa e as culturas lusófonas no mundo, com música, múltipla narração
e variada perspectiva transcontinental e pós-colonial. Mais detalhes
em
<http://www.youtube.com/
watch?v=1ze8FN78glU >.
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
The Cultural Department of the
Ministry of External Relations of
Brazil is accepting applications for
the IV International Essay Competition, dedicated to the body of work
of writer Lygia Fagundes Telles.
The Competition aims to promote
Brazilian Literature abroad, and is
open to Brazilian citizens as well as
foreign citizens residing abroad and
who are engaged in activities related
to the study of Portuguese language
and Brazilian culture, such as teaching, cultural journalism and other related activities. Each contestant may
enter only one essay. The essay must
have a minimum of thirty pages (30)
and a maximum of fifty pages (50),
font 12 and 1.5 line space. The registration period ends in September
2012. The work will be judged by its
originality, creativity, knowledge, and
literary quality of the essay.
tion, authors will receive accommodation and return tickets to Brazil, to
attend the awards ceremony. More
information at <www.itamaraty.gov.
br> and <[email protected]
br>.
11
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
BOOKSTORE...
(CONTINUED FROM PG. 11)
DICIONÁRIOS ON-LINE
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
Os dicionários Porto Editora encontram-se disponíveis através do
serviço Infopédia, que inclui a maior
enciclopédia multimédia em língua
portuguesa, 21 dicionários online e
o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa da Porto Editora
<http://www.portoeditora.pt/espacolinguaportuguesa/dol/dicionarios-online/>.
12
Encontra-se também disponível a
Infopédia para iPhone. A Infopédia
para iPhone é a aplicação do serviço
online da Porto Editora ao smartphone da Apple. A partir do seu
iPhone, você irá dispor de uma base
de conteúdos de referência, capaz de
garantir a idoneidade nos conteúdos,
a segurança na navegação e a facilidade de exploração. Disponível em
<http:www.infopedia.pt>.
Documentários apresentados:
1) “Os escravos de ontem (democracia e etnicidade no Benin)” de
Éric Komlavi Hahonuu (Universidade de Roskilde, Dinamarca) e Camila Strandsbjerg (Universidade de
Copenhagem, Dinamarca).
2) “Passados presentes: memória
negra no sul fluminense” de Hebe
Mattos (UFF) e Martha Abreu
(UFF), 2011.
3) “Resultados do inventário de
lugares de memória do tráfico de
escravos e da história dos africanos
escravizados no Brasil” .
4) Quilombo: a ousadia de lutar pela
liberdade, de Nina Tedesco, 2010.
5) Maracatu, estrela de ouro de aliança, de Laure Garrabé, 2010.
MOZAMBIQUE DOCUMENTARIES SCREENING
CINEMA
‘CULTURA, DIÁSPORA E CIDADANIA’
‘Cultura, diáspora e cidadania’ foi o
tema do quarto festival internacional
do filme de pesquisa sobre história e
memória da escravidão moderna, realizado no Cinema II, Rua Primeiro
de Março, Rio de Janeiro. <http://
www.labhoi.uff.br/node/1464>.
mente um filme de montagem, no
qual a edição, com os cortes e entradas de imagens, definem o ritmo,
a intensidade e a emoção do que se
quer mostrar. O filme foi apresentado no Festival de Cannes de 2012,
“N’thiana Othampítjá tríptico / A triptych of fisherwomen and Ilha fragments/
Fragmentos da ilha”. An exploration of space in the Island of
Mozambique both directed by Ana
Godinho de Matos. The Isle of Mozambique lies off northern Mozambique, between the Mozambique
Channel and Mossuril Bay, and is
part of Nampula Province. Prior to
1898, it was the capital of colonial
Portuguese East Africa).
“A MÚSICA SEGUNDO TOM JOBIM”
“A música segundo Tom Jobim,” de
Nelson Pereira dos Santos, é basica-
no ‘Séances spéciales’.
BRAZILIAN - CROATIAN FILM
“Lambada Fiumana,” a joint film
project between the city of Rijeka
in Croatia and Brazil, is about the
rise of emotions and fall of faith,
love, hate, truth and fiction, filmed
between Rijeka and Rio de Janeiro.
The experimental project by Zeljka
Sukova, a director from Rijeka, and
Brazilian director Gustavo Beck, will
open internationally in November,
2012 and is co-funded by the Croatian Audiovisual Centre and the City
of Rijeka.
‰
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
AGENDA
CALL FOR PAPERS
PENSARES EM REVISTA
REVISTA DE ESTUDOS JUDAICOS
A
revista
pretende,
neste
ano, publicar um número em
homenagem a Moacyr Scliar, com
artigos ou resenhas sobre o escritor.
Número 11: Dossiê Moacyr Scliar.
Publicação: outubro de 2012.
Informacões: Revista de Estudos
Judaicos da UFMG <http://www.
ufmg.br/nej/maaravi/index.html>.
LITERATURA BRASILEIRA
CONTEMPORÂNEA
A revista Estudos de Literatura
Brasileira Contemporânea, publicada
pelo Grupo de Estudos em
Literatura Brasileira Contemporânea
da Universidade de Brasília, solicita
artigos e resenhas sobre ‘Dossiê
Narrativas e Espaço Urbano’ e
recebe originais até 10 de dezembro
de 2012. As normas para submissão
estão disponíveis em <http://www.
gelbc.com.br/normas_publicacao.
html>. Os trabalhos devem ser
enviados para: <[email protected]
gmail.com>.
A revista Outra Travessia, do
Programa de Pós-Graduação em
Literatura da Universidade Federal
de Santa Catarina, convida a todos
interessados em colaborar para o
próximo número da revista. Os
artigos, que serão submetidos à
avaliação do conselho de pareceristas
da revista, devem ser enviados para:
<[email protected]>.
Normas de publicação de Outra
Travessia através do site: <http://
www.periodicos.ufsc.br/index.php/
Outra/index>.
MEMÓRIA EM REDE
A Revista Memória em Rede, é
um periódico eletrônico publicado
pelo Programa de Pós-Graduação
em Memória Social e Patrimônio
Cultural do Instituto de Ciências
Humanas da Universidade Federal de
Pelotas que deseja motivar a crítica e
o debate de idéias sobre as relações
entre memória e patrimônio em
suas numerosas faces, manifestadas
na contemporaneidade em um
número cada vez maior de situações.
Informações: <http://www.ufpel.
edu.br/ich/memoriaemrede/beta02-01/index.php/memoriaemrede/
about/editorialPolicies#custom-0>,
<http://www.ufpel.edu.br/>,
<http://www.ufpel.edu.br/ich/
ppgmp/>
JOURNAL OF AFRICAN CINEMAS
The Journal of African Cinemas
explores the interactions of visual
and verbal narratives in African film.
It recognizes the shifting paradigms
that have defined and continue to
define African cinemas. The editors
are seeking papers that expound on
the identity or identities of Africa
and its peoples represented in
film. The aim is to create a forum
for debate that will promote interdisciplinarity between cinema and
other visual and rhetorical forms of
representation. Editors: Keyan G.
Tomaselli, at University of KwaZuluNatal, e-mail: [email protected]
ukzn.ac.za and Martin Mhando,
Murdoch
University,
e-mail:
<[email protected]>.
More information: <http://www.
intellectbooks.co.uk/journals/viewjournal>.
II CIPLOM
O Segundo Congresso Internacional
de Professores de Línguas Oficiais
do Mercosul acontecerá entre
7-10 de maio de 2013. O encontro
das associações de professores
de português, cujo tema é “As
línguas e a construção da cidadania
sulamericana,”
acontecerá
em
Buenos Aires. <http://www.uncu.
edu.ar/relacionesinternacionales/
upload/ciplomiiprimeracircularespdf.pdf>
44TH NEMLA
The 44th annual convention of
the Northeast Modern Language
Association will take place at Tufts
University in Boston, MA, March
21-24, 2013. Papers should address
the theme “A Portuguese American
experience for the classroom”.
Abstracts related to the experience
of Portuguese-Americans in US
society are welcome and should be
continued on pg. 14
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
O primeiro número da revista
propõe reunir estudos sobre o prémodernismo, termo criado por
Tristão de Ataíde em 1939 para
designar o período que vai do início
do século XX até a Semana de Arte
Moderna, ou a literatura da Belle
Époque,, que coincide mais ou menos
Époque
com a Primeira República: 18891930. Para maiores informações,
contacte <[email protected]>.
OUTRA TRAVESSIA
13
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
AGENDA
(CONTINUED FROM PG.13)
sent to Sílvia Oliveira <[email protected]
ric.edu>. Deadline is September 30,
2012.
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
Interested participants may submit
abstracts to more than one NeMLA
session; however, panelists can
only present one paper (panel or
seminar). Convention participants
may present a paper at a panel and
also present at a creative session
or participate in a roundtable. For
more information, visit <http://
www.nemla.org/convention/2013/
cfp.html.>
14
CONFERENCES
APSA
The eighth international conference
of the American Portuguese
Studies Association will take
place on October 4-6, 2012 at the
University of Iowa, IA. Around 200
presentations and several authors of
the Lusophone world will be present
at Iowa City, designated in 2008 by
UNESCO as City of Literature.
Only Edinburgh (UK), Melbourne
(Australia), and Dublin (Ireland)
also belong to UNESCO Creative
Cities network. More information
on the conference at: <http://www.
portuguese-apsa.com/>.
do Porto, e em parceria com o Museu
do Neo-Realismo (Vila Franca
de Xira), a Universidade Estadual
de Santa Cruz (Ilhéus-Brasil) e a
Academia Brasileira de Letras, irá
organizar o Colóquio Internacional
100 anos de Jorge Amado: O
Escritor, Portugal e o Neorrealismo,
de 12 a 16 de novembro de 2012.
Para mais informações consulte:
< h t t p : / / w w w. f a c e b o o k . c o m /
coloquiojorgeamadoportugal2012>.
MIFLC
The 62nd Mountain Interstate
Foreign Language Conference will
take place at Wake Forest University
in Winston-Salem, NC, on October
18—20, 2012. The theme for the
Portuguese session is “Portuguese
Teaching in the United States:
Present Perspectives and Future
Prospects”.
SAMLA
COLÓQUIO JORGE AMADO
The South Atlantic Modern
Language Association Conference
will take place on November 9-11
at Sheraton Imperial Hotel and
Convention
Center,
Research
Triangle Park Durham, North
Carolina. The theme of the 2012
conference is “Text as Memoir:
Tales of Travel, Immigration and
Exile.” Information: <http://samla.
gsu.edu/convention/convention.
htm>.
O Grupo de Investigação 6 do
CLEPUL, em colaboração com o
Centro de Literatura Portuguesa
da Faculdade de Letras da
Universidade de Coimbra e o Centro
de Investigação Transdisciplinar
Cultura, Espaço e Memória da
Faculdade de Letras da Universidade
MLA
The 128th Modern Language
Association will hold their annual
convention in Boston from 3 to 6
January of 2013. One of the sessions
— Luso-Brazilian Literatures and
the Critical Global Humanities — is
a Program arranged by the Division
on Luso-Brazilian Language and
Literature and the American
Portuguese Studies Association,
presided by Luiz Fernando Valente,
Brown University. The session
“Unofficial Lusophone Spaces,”
presided by Bonnie S. Wasserman,
Fordham University, Bronx, is a
program arranged by the Discussion
Group on Lusophone Literatures
and Cultures outside Portugal and
Brazil. More information: <http://
www.mla.org/convention>.
AATSP
The 95th AATSP Conference
will take on July 5-8, 2013 in San
Antonio, TX, at the San Antonio
Marriott Rivercenter Hotel. The
hotel is located on 101 Bowie Street
San Antonio, Texas 78205 USA.
San Antonio
On June 13, 1691, Spanish explorers
and missionaries arrived at a
settlement they called San Antonio
in honor to the saint of the day. San
Antonio became the capital of the
Spanish and later Mexican province
of Tejas. In 1845, The United States
included the area as a state in the
Union, in a two-year war, known as
the Mexican-American revolution.
In the Twenty Century, the city of
San Antonio suffered a deep change
in its structure; its modernization
took place to the loss of destruction
of historic buildings and streets,
but the visitor can still feel the
Mexican influence in the area, with
a large population of Chicanos and
Mexican-Americans who maintain
their heritage with grace and charm.
‰
VOLUME
26
NUMBER
1 – FALL 2012
THE
PORTUGUESE NEWSLETTER
95th Annual AATSP Conference
THEME: “BUILDING BRIDGES TO THE FUTURE: INNOVATION, TECHNOLOGY, ADVOCACY”
SAN ANTONIO, TEXAS
SAN ANTONIO MARRIOTT RIVERCENTER HOTEL
JULY 8-11, 2013
DEADLINE FOR PROPOSALS: NOVEMBER 1, 2012
WWW.AATSP.ORG
The American Association of Teachers of Spanish and Portuguese
15
If you have a campus
mailing address that
does not match the
address label below,
please write your new
address.
If you would like
to have your name
removed, check the
appropriate choice.
the
Name _________________________________________________
Department ____________________________________________
Campus Address _________________________________________
E-mail Address __________________________________________
Change Mailing Address (y/n) _______
Name Change (y/n) _______
Please Remove My Name (y/n) _______
Return to:
P ORTUGUESE N EWSLETTER
Prof. Luci De Biaji Moreira
College of Charleston
Department of Hispanic Studies
66 George Street
Charleston, SC 29424
Prof. Luci De Biaji Moreira
Department of Hispanic Studies
66 George Street
Charleston, SC 29424
E-mail: [email protected]
Fly UP