...

Reservatorios

by user

on
Category: Documents
1

views

Report

Comments

Transcript

Reservatorios
Impermeabilização de Reservatórios de concreto
a) Sistema recomendado:
- Preparação da estrutura + Impermeabilização com cimento polimérico Sikatop.
(Comprovadamente não afeta a potabilidade da água)
Opções de cimento polimérico Sikatop:
a) Sikatop 100: Reservatórios enterrados de até 10 m de coluna d’água
b) Sikatop 107 ( Alto desempenho): Reservatórios enterrados de até 30 m
de coluna d’água
c) Sikatop Flex ( Alto desempenho): Reservatórios enterrados e elevadas
de qualquer altura
b) Qualidade da estrutura nova:
Para que o reservatório de concreto esteja em condições de receber uma
impermeabilização eficiente é necessário cuidados especiais em sua execução:
1o Evitar nichos de concretagem e brocas utilizando-se um concreto com
plasticidade e resistências adequadas. Obtem-se isso com o uso do aditivo
superplastificante adequado para cada situação (Consultar Manual Técnico Sika).
2o Evitar a execução da concretagem em várias etapas de forma a imperdir o
surgimento de juntas frias, regiões onde o concreto novo não une com o velho. Não
sendo possível este procedimento, antes de lançar a segunda etapa de
concretagem, aplicar o adesivo estrutural fluido Sikadur 32 sobre o concreto velho
de forma a promover a perfeita colagem .
3o Todas as tubulações deverão estar fixadas de forma adequada no ato da
concretagem ou posteriormente com o uso de graute não retrátil Sikagrout 250.
Para maiores detalhes sobre estes procedimentos, consultar o departamento
técnico da Sika.
c) Estruturas prontas:
1 – Reservatórios velhos: ( Ação corretiva)
1
Remover toda impermeabilização e argamassas existentes até chegar na
estrutura de concreto. Dar uma carga de água após a remoção.
2 – Reservatórios novos: ( Ação preventiva)
Dar
uma
carga
de
água
antes
de
iniciar
o
procedimento
de
impermeabilização
Reparos no concreto:
Com o reservatório cheio, mapeamos todas as falhas executivas que deverão
ser tratadas.
Nos pontos onde a água percola com mais intensidade geralmente
encontramos nichos de concretagem, brocas, juntas frias, tubulações fixadas
inadequadamente.
Detectadas as falhas, executar recuperação conforme segue:
•
Nichos de concretagem (brocas) e juntas frias: Escarear e remover o
concreto da região pelo menos 2 cm ou até onde se verificar falhas e
preencher com a Argamassa Tixotrópica Sika Monotop 622. Esta argamassa
é isenta de retração.
•
Tubulações: Remover o concreto ao redor das tubulações e executar nova
fixação com o uso do graute não retrátil Sikagrout 250.
•
Bolhas e pequenas cavidades na estrutura: Realizar um estucamento em
toda estrutura utilizando pasta de cimento e areia fina no traço 1:2
(cimento:areia), em volume, adicionando Sika Chapisco Plus na água de
amassamento na proporção 1:2 (Sika Chapisco Plus:água), em volume.
Preencher as cavidades com a pasta e remover todo o excesso superficial
com lixamento mecânico ou manual.
d) Procedimentos executivos de impermeabilização:
1 – Sobre o concreto reparado, umedecer a superfície sem saturação e
aplicar três demãos de Sikatop 100 ou 107 (Reservatórios enterrados) ou
Sikatop Flex ( Reservatórios enterrados e elevados). Utilizar brocha, trincha
2
ou escova para aplicação como pintura. Estas demãos devem ser espaçadas de
3 a 6 horas. Entre a primeira e a segunda demãos, estruturar o Sikatop com Véu
Sika ( Tela de Poliéster) com atenção especial as regiões de encontro de
tubulações e cantos do reservatório.Este procedimento visa dissipar tensões e
reforçar o sistema de impermeabilização.
2 – Dar carga no reservatório somente após 5 dias.
e) Consumo dos produtos recomendados:
3
•
Sika Monotop 622: 2,1 Kg/m2/ mm de espessura
•
2
Sikadur 32 1,60 Kg/m / mm de espessura
•
Sikagrout 250: 2100 Kg/m3
•
Sika Chapisco Plus: 200 a 300 ml/m2 de estucamento
•
Sikatop (100, 107, Flex): 3,0 Kg/m2 para 3 demãos
•
Tela de Poliéster: 1 m²/m²
Fly UP