...

BrAsil Pode ter Prejuízo de r$ 30 bilhões devido ao contrABAndo e

by user

on
Category: Documents
5

views

Report

Comments

Transcript

BrAsil Pode ter Prejuízo de r$ 30 bilhões devido ao contrABAndo e
32
w w w . j o r n a l e d i c a o d o b r a s i l . c o m . b r
Horizonte/Brasília
27
de
setembro
a
4
As pesquisas
continuam favorecendo o candidato
do PT ao governo
de Minas, Fernando
Pimentel. Peemedebista histórico, cujo
partido faz parte da
aliança com o PT, o
ex-secretário de Estado e ex-deputado
federal Aloísio Vasconcelos considera
que, neste contexto,
Pimentel pode vencer a eleição para
governador ainda
no primeiro turno.
Política – Página 3
Aloísio
Vasconcelos
está otimista
outubro
Div
ulg
açã
o
A economia estagnada em outros
continentes está prejudicando as
exportações brasileiras, sobretudo, a mineira. As vendas dos dois
principais produtos do Estado, o
café e o minério, estão em queda.
Até a crise imobiliária
da China influencia
o mercado local,
segundo afirma
o vice-presidente do Conselho
Regional de Economia de Minas Gerais
(Corecon-MG), Pedro Pettersen.
Economia – Página 4
1633
R$
0,25
O presidente da Assembleia
e candidato a
v i c e - g o v e r n a d o r,
Dinis Pinheiro, acredita numa virada
nesta reta final de
campanha a favor
de seu candidato
Pimenta da Veiga.
Para ele, o fato de
o PT estar perdendo
em 13 dos 17 Estados onde disputa o
pleito pode refletir
negativamente em
Fernando Pimentel.
OPINIÃO – Página 2
A
indústria brasileira deve deixar de vender
cerca de R$ 30 bilhões em produtos por
causa da pirataria e contrabando. Esse
montante pode ser ainda maior, pois a
pesquisa foi realizada apenas em 13 setores da
economia, de acordo com Edson Luiz Vismona,
presidente do Fórum Nacional Contra a Pirataria
e a Ilegalidade (FNCP). Em 2012, somente o
mercado ilegal de óculos faturou R$ 8 bilhões,
o de cigarro R$ 4,88 bilhões e o de softwares
R$ 2,84 bilhões. Os crimes são os de sempre:
contrabando, sonegação de impostos, pirataria e
falsificação. Economia – Página 5
Prefeitura de Nova Lima
combate violência doméstica
com o apoio da Polícia Militar
No Brasil, mais de 65 milhões de
pessoas estão com excesso de peso,
enquanto 10 milhões são consideradas obesas. De acordo com a União
Internacional de Controle do Câncer
(UICC), estima-se que 30% da incidência do câncer nos obesos dos países ocidentais esteja relacionada ao
sedentarismo, sendo este o segundo
maior risco para o desenvolvimento
da doença, perdendo apenas para o
tabagismo. Vida – Página 7
Crise internacional prejudica
exportações em Minas Gerais
Nº
PMNL
Reprodução TV Cultura
André Murad: “A doença atinge indistintamente
homens e mulheres em todas as idades”
2014
Dinis
Pinheiro
aposta
em uma
virada
nesta
última
semana
Brasil pode ter prejuízo
de R$ 30 bilhões devido ao
contrabando e a pirataria
Estudo alerta que obesidade
e sobrepeso aumentam risco
de surgimento de cânceres
de
Dinis confia no êxito
de Pimenta da Veiga
Neilton Sávio
Divulgação
Vitória de Pimentel está
praticamente garantida
de
Visando desenvolver ações para proteger as mulheres, a
Prefeitura de Nova
Lima, em uma parceria com a Polícia
Militar e a Guarda
Civil do município,
acaba de implementar
a criação da Patrulha de Prevenção à
Violência Doméstica.
Cidades – Página 9
O ritmo sertanejo toma conta de BH
Aos poucos os belo-horizontinos vão ganhando gosto pelo sertanejo. Esta avaliação
pode ser feita depois de
mais um evento relacionado ao estilo musical. A
demonstração aconteceu
no último Tim Music na
Estrada Festeja BH, com
a presença de nomes
conhecidos como Cristiano Araújo, Fernando
& Sorocaba, Henrique
& Juliano, Pedro Paulo & Alex, entre outros.
Cultura – Página 6
Kaká Ferraz e Flaney Gonzallez
Belo
Sertanejos tocam pela segunda vez no evento
••••••••••••••••••••• Articulistas da semana •••••••••••••••••••••
José
Maria
Trindade
Olival
Gonzaga
de Resende
Estevão
Vadasz
Wanderley
Paiva
Página
Página
Página
Página
2
4
7
12
2
O P I N I Ã O
EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Dinis aposta na virada em
favor de Pimenta da Veiga
Dinis Pinheiro promete
lutar até o dia da eleição
Da redação
Os eleitores mineiros irão colocar sua sabedoria em prática e analisar os dois candidatos para
escolher o mais capacitado. O mineiro não é bobo.
Ele tem prudência e conhecimento suficientes para
fazer a escolha por Pimenta da Veiga, candidato
que, além de mais preparado, foi pioneiro ao lançar
a administração participativa quando prefeito de
Belo Horizonte. Além disso, Pimenta representa a
continuidade de um projeto eficaz, comprometido
com a ética e a eficiência de resultados.
Quais foram os maiores progressos conquistados no
Estado pelo PSDB?
Tivemos avanços conquistados na saúde
e educação nos últimos anos. De acordo com
dados do Ministério da Saúde, Minas Gerais
possui o melhor atendimento da região Sudeste
no Ranking do Índice de Desempenho do SUS
(Idsus) e é o quarto Estado mais bem colocado
no ranking nacional. Na educação, também baseado em dados do Ministério da Educação, Minas
Gerais é o detentor da melhor educação no Ensino Fundamental do país, segundo o Ranking do
Índice de Desenvolvimento da Educação Básica
(Ideb). As conquistas de Minas e dos mineiros
são espetaculares. Se hoje apresentamos resultados valorosos é devido aos altos investimentos
que o governo de Minas tem feito na Saúde e
na Educação.
Sinalize a maior diferença entre o PSDB e o PT em Minas.
O eleitor mineiro percebe os avanços alcançados pelos governos de Aécio Neves (PSDB),
Antonio Anastasia (PSDB) e Alberto Pinto Coelho
(PP) e endossa que Fernando Pimentel tem
pouco trabalho a serviço de Minas. A disputa
eleitoral para o governo de Minas está polarizada; dividida entre nosso grupo político de muito
trabalho e de exitosas administrações com Aécio,
Anastasia e, agora, Alberto Pinto Coelho. Não dá
nem para comparar com o que o outro lado tem
para apresentar.
Quais são as expectativas em
âmbito nacional do partido?
Qual é a atual conjuntura das
eleições estaduais?
Se sente preparado para os desafios de ser vice-governador?
Acredito que a sensatez dos mineiros será
preponderante para a escolha de Aécio Neves
para presidente e de Antonio Anastasia para
o Senado Federal, candidatos que ao lado
de Pimenta da Veiga formam o time político
mais bem preparado para conduzir os rumos
do Brasil e de Minas. Não há dúvidas que a
mudança que todo brasileiro anseia passa
pela escolha de Aécio Neves como presidente.
Quanto a Anastasia, tenho certeza que ele
será de grande valia no Senado, defendendo
os interesses de do Estado. E eu fico a imaginar que tempos auspiciosos viveremos com a
eleição desse grupo de homens públicos que
defendem a causa municipalista e tem condições de transformar nosso país numa nação
mais fraterna e próspera.
Segundo as pesquisas eleitorais, o PT tem
candidatura própria a governador em 17 estados,
sendo que em 13 deles os candidatos estão sendo derrotados. Os estados onde os candidatos
a governador do PT obtém derrotas são: Bahia,
Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás,
Mato Grosso, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e
São Paulo. O brasileiro clama por mudanças e
percebo que ele está descontente com algumas
ações do governo federal, como a falta de investimentos maciços em saúde e educação, além
dos recentes casos de corrupção envolvendo a
Petrobras. Entendo que essa insatisfação está
impactando negativamente a campanha dos
candidatos a governador do PT e pode, com
certeza, afetar a de nosso principal adversário.
Sim, estou preparado e muito disposto a enfrentar os desafios de ser vice-governador. Ele
elege a luta por igualdade social e a distribuição
equânime de recursos para estados e municípios
como suas principais causas políticas. Eu digo
sempre que minha vida pública é movida por
desafios. Quem diria que aquele menino vindo
de Ibirité, o mais novo entre os deputados, iria
se tornar o presidente da Assembleia de Minas e
deputado estadual por duas vezes com votação
recordista? Tudo isso eu devo aos mineiros, para
quem eu trabalho desde a minha juventude. Agora, como vice-governador, quero ajudar Pimenta
da Veiga a continuar a promover o desenvolvimento de Minas Gerais. Quero continuar a lutar
pelos mais pobres e pela causa municipalista,
que são as minhas prioridades.
EDITORIAL
Cultura para todos
O
Sávio
O que traz tanta confiança
por parte dos candidatos da
coligação “Todos por Minas”?
pela continuidade de um governo que desenvolveu
um projeto de crescimento do Estado nos últimos
12 anos. Dinis acredita também que as derrotas
parciais obtidas por candidatos a governador do
Partido dos Trabalhadores (PT) em 13 dos 17
Estados brasileiros refletem o descontentamento
do eleitorado com o PT, conjecturando que essa
insatisfação irá atingir a campanha de seu principal
adversário, Fernando Pimentel (PT).
Neilto
n
O
deputado estadual Dinis Pinheiro (PP),
candidato a vice-governador do Estado
de Minas Gerais pela Coligação Todos
por Minas, está confiante que seu companheiro de chapa, Pimenta da Veiga
(PSDB), irá subir nas pesquisas de intenção de
voto na reta final da campanha. O presidente da
Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG),
afirma que os mineiros são conscientes e irão optar
Complexo Cultural da Praça da Liberdade vai bem, obrigado. Mas, sem dúvida,
poderia está melhor se fosse feita uma
ampla divulgação das reais e brilhantes
oportunidades que ele oferece aos visitantes. Principalmente quando o assunto se refere
ao acervo relacionado à história de Minas Gerais.
Estamos falando de um lugar aprazível e eivado de
simbologias de nosso passado.
A Praça também tem se transformado, dia a dia,
em um local destinado a grandes exposições, shows e apresentações no famoso Coreto, o que traz
sempre alegria para aqueles que transitam por esse
majestoso espaço.
Tudo isso acontece onde antigamente funcionavam secretarias de Estado e, inclusive, o Palácio
dos Despachos, local hoje destinado a Casa Fiat de
Cultura. O ambiente é convidativo e como bem disse o
compositor Gervásio Horta: é um dos poucos lugares
do mundo onde os museus não cobram ingressos
para a visitação pública, ao contrário dos países na
Europa.
Atualmente, o Complexo Cultural da Praça da
Liberdade, na Zona Sul da capital mineira, já recebe
visitantes do todo Brasil, mas entre os próprios mineiros ainda falta reconhecer sua verdadeira importância.
Aliás, a difusão sobre o significado desses locais,
também no plano nacional, está aquém do necessário
para atrair mais pessoas. Há que se levar em consideração a nossa falta de opção para o denominado
turismo natural em BH: praias e lugares exóticos.
Assim, nos resta valorizar mais empreendimentos
dessa natureza, pois existem interessados de todos
os rincões mineiros e brasileiros nessa modalidade
voltada para o turismo cultural.
O projeto da Praça pode daqui a alguns anos
ajudar as autoridades na árdua luta que visa transformar Belo Horizonte em uma capital de turismo de
negócios. Aliás, essa é uma estirpe que faz muito sucesso nas grandes metrópoles ao redor do mundo, um
exemplo é São Paulo, que por conta das prestigiadas
promoções, possibilita que a cidade esteja sempre
cheia. Esses viajantes participam de eventos o ano
inteiro e inclusive incrementam de maneira expressiva
a indústria da hotelaria, gerando riquezas e trazendo
mais emprego para moradores.
As montanhas de Minas sempre buscam “esconder” o tamanho de nossa importância. Por esse
motivo está na hora de mostrar para os quatro cantos
o prestígio desse Estado, no sentido de valorizar a cultura em geral que está à disposição de nossa gente.
A história do sapo barbudo
A
ssim como a
internet escancarou as entranhas mais
complexas e
pervertidas do mundo,
as eleições mostram as
faces inocentes e cruéis
da civilização. Um espetáculo de tentativa de
estelionato e de escancarado roubo, um passeio
pelo Código Penal. São
os candidatos que de
cândidos (origem da palavra) não tem nada. Mas
é a roda do mundo, como
gira o universo espelhado
na política. Até Mahatma
Gandhi perdeu a paciência: “Como defender uma
civilização que somente o
é de nome, já que representam o culto da brutalidade que existe em nós, o
culto da matéria”.
Nesta disputa e debate
político agora com o
nome de
“panca-
daria” fica evidente que a
história recente foi mesmo
dominada pelo PT.
O PMDB no abre alas
já se preparando para ser
governo seja com quem
for e os candidatos de
origem petista se multiplicando. Ninguém duvidava
de que o grande nome da
oposição era Brizola, no
momento pós-ditadura.
Ele tinha certeza. Nem
pensou em negociar com
o trabalhismo em São
Paulo. Lula liderou, criou
o PT e teve de ser “engolido”, pelo próprio Brizola
que o chamou de sapo
barbudo. Engoliu o sapo
e o PDT foi engolido pelo
P T. V á r i a s t e n d ê n c i a s
foram para o Partido dos
Trabalhadores que hoje
aparecem no horário eleitoral como adversários.
A Bíblia no Gêneses e o Alcorão mostram que
o primeiro casal
criado por Deus,
foi Eva e Adão,
a mulher sendo
criada da costela
do homem. O
candidato
do PSDB,
o senador
ão
lgaç
Aécio NeDivu
ves tem razão
Editado sob a responsabilidade
de Julho Editorial Ltda (003)
Arthur Luiz Ferreira (Fundador)
Eujácio Antônio Silva (Editor-responsável)
Redação:
Revisão: (Jornalista) Diego Santiago
Jornalistas: Andreza Cruz e Felipe José de Jesus
Repórter fotográfico: Neílton Sávio
Diagramador e design: Cristiano Iderlandes
Colunistas: Paulo Pedrosa e Acir Antão
Estagiários: Patrícia Prates e Rafael D`Oliveira
quando diz que na essência Marina é o PT. Mas não
é só Marina, eleita senadora pelo Partido, ministra do
governo Lula, onde ganhou
projeção internacional.
Luciana Genro, do PSOL
brada que “linha auxiliar
uma ova”, mas foi PT, se
elegeu deputada federal e
saiu na discordância sobre
a reforma da Previdência.
Pensa que acabou? O
candidato Zé Maria, do
PSTU, mostra uma visão
mais radical de esquerda,
tem o seu pé no partido da
estrela vermelha. Dilma é a
menos petista, foi fundadora do PDT e se filiou como
uma “invenção” política
de Lula. O quadro político
está posto diante da indiferença geral do país.
Assim caminha a civilização criticada por
Gandhi e desenhada na
política. Agora mais do
que nunca fica claro o
chamado apagão político.
Faltam opções e isto é
muito claro diante da falta de interesse de todos.
Não houve renovação
depois da disputa entre
Lula e Brizola. Aqui em
Brasília fica claro que os
partidos se desesperam
em busca de candidatos
representativos.
Articulistas: Bruno Falci, Chico Maia,
Eduardo Guedes, Emanuel Carneiro,
José Agostinho Neto, José Maria Trindade, Luiz Carlos Alves, Luiz Carlos Gomes,
Mário Ribeiro, Paulo Passos, Roberto
Fagundes, Roberto Simões, Rodrigo
Flausino e Wanderley Paiva.
[email protected]
Administrativo/Financeiro:
Luiz Gherardi Marinho
[email protected]
Comercial:
[email protected]
* José Maria Trindade
A polarização entre PT
e PSDB vai continuar por
falta de novidades na política. A atual disputa entre
PT e PT não representa a
vontade política e não é a
realidade do pensamento
médio dos eleitores. Está
claro que os partidos estão deslocados e desmoralizados. Os nomes agora
são o que importa. Mas se
os grandes pensadores
desconfiam da civilização
que dirão de um nome
isolado? Pouco. Muito
pouco. Os líderes pediram
mesmo o chapéu. Fogem
da política.
*Jornalista,
correspondente da Rádio
Jovem Pan e comentarista
político da Rede Vida de
Televisão em Brasília
Avenida Francisco Sá
Nº 360 • Bairro Prado
BH • MG • CEP 30411-145
Telefax:
(31) 3291-9080
(31) 3047-8271
Distribuição nas bancas: R$ 0,25
A distribuição dirigida é gratuita
3
P O L Í T I C A
EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
V I G Í LI A S
Otimismo toma conta da
campanha de Pimentel
JEditorial
PMDB unido
Do alto de sua experiência política, o candidato
a vice-governador e presidente do PMDB mineiro, Antônio Andrade, comemora que pela primeira
vez, em mais de uma década, seu partido está unido
em torno da campanha majoritária, tanto para governador como para a Presidência da República.
Francelino e Marina
A declaração da presidenciável Marina Silva sobre
o fim da reeleição e a mudança para que os mandatos
sejam de 5 anos, não é novidade. Quando se tornou
senador, depois de ter sido governador em Minas
Gerais, Francelino Pereira, há cerca de 20 anos,
defendeu a tese de que os mandatos de governadores, prefeitos e presidente tivessem um ano a mais
e sem a possibilidade de reeleição.
Cena Única: O difícil é fazer os atuais mandatários
concordarem com esta tese, que não é nova, mas
volta e meia é discutida nos bastidores da política
brasileira. Deputado tranquilão
Na semana passada, enquanto outros candidatos
se engalfinhavam pelo interior do Estado à procura
de votos, o parlamentar Tiago Ulisses, usando um
sóbrio terno escuro, desfilava por horas a fio em um
shopping de luxo na Zona Sul da capital, como se já
estivesse reeleito. Inocência ou esnobação?
O ar de vitória de Fernando Pimentel é comemorado por Aloísio Vasconcelos
Da redação
“Não interessa o resultado isolado
de uma ou outra pesquisa, mas sim que
Fernando Pimentel está sempre acima
de 12% nas sondagens eleitorais, à
frente de seu adversário Pimenta da
Veiga. Se mantivermos esta tendência,
nosso candidato será eleito ainda no
primeiro turno, pois todos os demais
candidatos juntos não passam de 7%.
E como se vê, este número não chega
a ameaçar a diferença existente entre
Pimentel e o tucano”. Esta é a avaliação
do peemedebista Aloísio Vasconcelos,
ex-secretário de Estado, ex-deputado
federal por várias legislaturas e um dos
fundadores do PMDB de Minas Gerais.
Vasconcelos considera a campanha petista perfeita do ponto de vista
técnico. Já em relação ao lado político
da disputa, ele rememora: “O Partido
dos Trabalhadores, sempre cheio de
grupos e facções, desta vez está muito unido. Aliás, esta união começou
em 2012, quando o partido se viu obrigado a lançar a candidatura de Patrus
Ananias à Prefeitura de Belo Horizonte, o que foi um sacrifício”.
Também segundo o ex-deputado,
o PMDB mineiro, constantemente
nas páginas dos jornais por causa de
brigas e desavenças internas, neste
pleito de 2014 está coeso. “É possível
observar que todos os deputados estaduais e federais estão trabalhando
como nunca em função da aliança formada por Pimentel e Toninho Andrada.
Entendemos ser esta a oportunidade
de retornarmos ao governo de Minas.
Trata-se de uma aliança feita por dois
Rodoviária do tráfico
grandes partidos. E os prefeitos das
maiores cidades mineiras são filiados
a uma destas duas siglas”, vaticina.
Por fim, Aloísio Vasconcelos lembra: “A mais nova conquista da campanha de Fernando Pimentel é a adesão
do prestigiado deputado Lincoln Portela. Antes disto, os representantes do
Partido da República (PR) e do Partido Verde já haviam anunciado apoio
ao nosso candidato. São conquistas
que refletem a realidade, pois o eleitor
está do nosso lado. O Pimentel está
trabalhando efetivamente para vencer
este pleito. De minha parte, torço para
um resultado positivo ainda no dia 5
de outubro”.
Segundo pesquisa do IBOPE, Fernando Pimentel teria 44% e o tucano
Pimenta da Veiga 25%, uma diferença
de 19% em favor do PT.
Segundo reportagem da Itatiaia, o local destinado
à construção da nova rodoviária, no bairro São Gabriel, Zona Norte de BH, se transformou num antro
de traficantes. Além disso, o local é ponto de “bota
fora” de lixo. Um horror!
Aécio e o Senado
Marqueteiros de São Paulo já trabalham com a
possibilidade de contar com o apoio dos tucanos na
campanha da presidenciável Marina Silva no segundo turno. Fala-se numa aliança formal com o PSDB,
incluindo no cardápio Aécio Neves como presidente
do Senado. Que beleza de especulação, hein?!
Alberto e o Rodoanel
Já está quase tudo pronto para o lançamento,
nos próximos dias, de uma Parceria Público-Privada
(PPP) com a finalidade de construir o Rodoanel da
região metropolitana da capital: a obra mais esperada
dos últimos anos em Minas Gerais. A decisão é do
governador Alberto Pinto Coelho.
Minas terá mais de 400 pontos de
transmissão de dados nas eleições
JEditorial
“Para as eleições 2014, Minas Gerais terá mais de 400 pontos de transmissão remota do resultado das urnas
eletrônicas, em mais de 150 municípios.
Esse tipo de transmissão pode ser feita
por linha telefônica convencional, via
satélite (16 pontos) ou pela internet,
utilizando uma nova tecnologia, denominada JE Connect.
Neste ano, o TRE de Minas vai
investir nessa novidade, que dá mais
agilidade à totalização dos votos no
dia da eleição, já que os resultados
das urnas podem ser enviados para o
TRE por meio de computadores com
acesso à internet diretamente dos locais de votação. Com o JE Connect, a
transmissão remota, que já ocorria em
eleições anteriores, abrangerá não só
as localidades de difícil acesso.
Utilizada pela primeira vez pela Justiça Eleitoral mineira, a nova tecnologia
permite que os dados, criptografados,
sejam enviados de forma segura para o
TRE, por meio de um computador com
acesso à Internet. No Estado, três municípios devem ter pontos de transmissão
em todos os locais de votação: Conselheiro Pena, Lagoa Santa e Esmeraldas.
Os municípios que utilizarão a tecnologia são, na maior parte, aqueles
cujos locais de votação são de difícil
Arrogância do deputado
Em mais uma de suas bravatas, o deputado estadual Rogério Correia, do PT, passou em frente à
Assembleia Legislativa e, usando o microfone, gritou:
“Atenção pessoal, vamos mudar tudo isto depois de
janeiro, podem preparar o terreno, estamos chegando. Coisa típica de pessoas que não respeitam a
própria casa, afinal ele é parlamentar há vários anos.
Mais fleuma, Sr. deputado.
Expectativa de poder
acesso ou aqueles cuja zona eleitoral
responsável fica em outro município.
Minas Gerais possui 559 cidades nessa
última condição. Cada zona eleitoral que
utilizar o JE Connect recebe um kit contendo todos os dispositivos necessários
para que o sistema seja operacionalizado
a partir dos locais de votação.
A internet do local é utilizada, mas o
programa e o sistema operacional usado
para transmissão são acessados por meio
de pen drive da Justiça Eleitoral que, por
sua vez, precisa de um outro pen drive
para ser descriptografado, além de uma
senha. Portanto, a segurança do sistema
fica garantida.
Com o JE Connect, criado em 2010 pelo
TRE de Tocantins, o número de pontos de
transmissão remota aumentou bastante
em comparação com eleições anteriores,
devido à possibilidade de utilização da internet. Em 2012 foram usados 128 pontos
de transmissão remota dos resultados das
urnas eletrônicas, sendo 112 com transmissão feita por linha telefônica convencional
e 16 com conexão por satélite.
Política na Grande BH
Os prefeitos de Sabará, Diógens Fantini, e de
Vespasiano, Carlos Murta, não irão aos seus gabinetes nessa semana por um único motivo: atuarão em
tempo integral em favor da campanha de Pimentel
para o governo de Minas. Empolgados, ambos apostam: “Fernando Pimentel dará um banho de votos na
região metropolitana”. É esperar para conferir, claro.
CNPJ Candidato: 20.570.234/0001-81 - CNPJ Jornal: 02.456.552/0001-34 - R$360,00
Os dados das urnas podem ser enviados para o TRE
por meio de computadores com acesso à internet
Consta nos bastidores que quando fez o acordo
para deixar de ser candidato à reeleição de deputado
federal, ficou combinado que Alexandre Silveira se
candidataria a primeiro suplente na chapa de Anastasia para o Senado.
Comentário Um: Só que o parlamentar esperava
um resultado positivo nas urnas para a candidatura
de Pimenta da Veiga, pois ele se tornaria secretário
de Estado. Agora, como a eleição do tucano está
correndo risco, Silveira também teme ficar apenas
como suplente do Senado, sem cargo executivo.
PMM
Mariana recebe viaturas para a Guarda Municipal
Celso Cota: “Investir na segurança
pública é investir em qualidade de vida”
Mariana ganha mais força na segurança. Durante a inauguração da pista
de caminhada “Alameda dos Inconfidentes”, entre Mariana e Passagem, o
prefeito Celso Cota e o secretário de
Defesa Social, José Luiz Furts, entregaram novas viaturas para a Guarda
Municipal. O reforço na frota dará aos
agentes maior capacidade de ação,
aumentando a eficiência das atividades
e a segurança da nossa população.
Considerada a melhor do Estado,
o prefeito não esconde o orgulho que
sente da Guarda Municipal, criada em
2003, em sua primeira gestão, e des-
taca a importância dos investimentos.
“Investir em segurança pública é investir na qualidade de vida do nosso
povo. Hoje, temos uma guarda equipada e eficiente, que serve de modelo
não só em Minas Gerais, mas também
em outros estados”, destacou o prefeito Celso Cota.Atualmente, a Guarda
Municipal conta com 122 agentes que
irão utilizar, além das já existentes, as
sete novas viaturas, modelo Fiat Palio
Weekend, e seis novas motos Honda
XRE 300. Com recursos próprios,
a prefeitura investiu R$ 600 mil nas
aquisições.
Coligação PDT/PV Minas Avança
facebook.com/deputadoestadualinaciofranco
inaciofrancopv
deputado_inacio_franco
4
E C O N O M I A
VIGÍLI AS DOBRADAS
Exportação de commodities tem
queda e atinge mercado em MG
Stefan de volta?
Depois de se aventurar pelo mundo afora, o
ex-industrial e ex-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Stefan
Salej, está anunciando seu retorno a Minas em 2015.
Espera-se que ele não se envolva outra vez com
assuntos relacionados à Fiemg, mesmo porque ele
nem industrial é mais.
Tonelada do minério de ferro caiu para US$ 80
afetando as ações de grandes empresas no Estado
Alguns candidatos a deputado federal pelo PMDB
dizem que estão sendo atropelados pelos petistas,
que querem eleger uma grande bancada para a
Câmara Federal. Segundo estes peemedebistas, a
prioridade do PT é garantir o sucesso nas urnas de
seis de seus candidatos, Patrus Ananias, Gabriel
Guimarães, Miguel Corrêa, Reginaldo Lopes, Weliton Prado e Odair Cunha.
Cena Única: O problema é que, em sua grande
maioria, esses deputados estão disputando votos nas
mesmas regiões de seus parceiros do PMDB. Por
causa disto a ciumeira eleitoral corre solta.
Prestígio da Marina
Até recentemente, quando se falava em Marina
Silva, ninguém levava a sério. Agora, como ela está
bem avaliada nas pesquisas, tem muita gente de
Minas querendo trazê-la ao Estado. Eita povo oportunista, sô!
Política em Betim
Semana passada, ao deixar a cidade de Betim,
depois de ter participado de mais uma carreata, o
presidenciável Aécio Neves rasgou elogios ao prefeito da cidade, Carlaile Pedrosa. “É um companheiro
brilhante. Estamos começando a virada”, disse o senador. O candidato a governador Pimenta da Veiga
também proferiu amabilidades sobre o prefeito.
Política em Juiz de Fora
Não existe uma pesquisa específica disponível
para a imprensa de Belo Horizonte, mas as pessoas
estão curiosas para saber qual será o resultado em
Juiz de Fora do candidato do PSB, Tarcísio Delgado,
ao governo de Minas. Ele é ex-prefeito da cidade e,
agora, enfrenta uma disputa estadual. É aguardar
para conferir. Coordenador confiante
Quem teve oportunidade de manter contato
com Danilo de Castro, que está à frente da campanha de Pimenta da Veiga, ficou impressionado com
a fala do coordenador. Para ele, o candidato do PSDB
já está no segundo turno e vai vencer a eleição.
Política em Contagem
O segundo semestre de 2014 já vem mostrando que o cenário econômico brasileiro vai precisar
de medidas urgentes para sair do vermelho. De
acordo com especialistas, as commodities são
uma das apostas para manter a economia nos
trilhos, porém, o fraco desempenho da economia
internacional, principalmente na Europa e na China,
tem afetado as exportações de alguns produtos.
Exemplos não faltam como a carne de boi e porco,
o algodão, o trigo, o açúcar, o café, etc, tiveram
baixa e o Índice de Commodities Brasil (IC-BR)
recuou pelo 5º mês para 1,34%, após baixa de
1,85% em julho. Em Minas Gerais, além do café, o
minério também vem tendo uma queda por causa
do mau momento econômico vivido pelo principal
exportador: a China. A baixa tem repercutido nas
ações de diversas empresas mineiras e poderá
atrapalhar a tão esperada retomada da economia.
Em entrevista ao jornal Edição do Brasil, o
vice-presidente do Conselho Regional de Economia
de Minas Gerais (Corecon-MG), Pedro Moreira
Pettersen, fala sobre a influência do IC-BR para o
mercado e lembra que a crise imobiliária da China
tem afetado o Estado.
“O índice de commodities é um dado ponderado sobre o que o Brasil exporta, e o minério de
ferro é de suma importância já que na pauta de
exportação ele aumentou 50% desde 1978, além
do café. No entanto, o minério apresentou uma
queda de 40%. A retração da economia chinesa
vem atrapalhando, pois, ela está com problemas
no setor imobiliário e com isso diminuiu suas importações de aço. A retração internacional repercutiu
nas ações mineiras e a Usiminas teve uma baixa
de 42%, a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN)
32%, a Gerdau 30% e a Vale do Rio Doce (VRD)
a maior exportadora, uma queda de 21%”, conta.
Segundo Pettersen, por causa dessa contração, o preço do minério está chegando ao patamar
crítico recomendado pelas siderúrgicas e algumas
delas não vão conseguir manter ao mesmo tempo
preço e qualidade. “Atualmente o custo da tonelada
está US$ 80, mas antes era US$ 135. O preço atual
é considerado tão baixo que somente as siderúrgicas que tem uma logística integrada (transporte
para levar o minério até o porto) conseguirão se
sustentar. As empresas menores estão tendo
problemas, pois precisam terceirizar e acabam
fazendo cortes para tornar o preço competitivo.
Apenas a Vale e a CSN tem esse suporte logístico”.
Questionado sobre quais outras commodities podem ter influenciado nas baixas exportações em agosto, Pettersen afirma que a soja
poderia ser a salvação da economia, mas não
foi. “Ela é um ótimo produto, só que enfrenta
um grande problema, pois o agronegócio só é
eficiente da porteira para dentro. Nas propriedades rurais temos o uso de técnicas avançadas, contudo, na hora de fazer o transporte
dos grãos até o porto desperdiçamos. Ao invés
dela ser conduzida de trem ou navio, a soja é
transportada por meio de caminhões, e a precariedade faz com que 30% dela seja jogada
nas estradas. O que surpreende é que, mesmo
assim, o preço dela é competitivo. As estradas
ruins e os assaltos precisam ser olhados pelo
governo”, adiciona.
Carga tributária e expectativas
Pedro Moreira Pettersen: “A retração
da economia chinesa fez as
exportações de Minas caírem bastante”
Grãos
O especialista revela ainda que como se não
bastasse esse cenário ruim, o café tem sido deixado de lado. “Os importadores como a Alemanha
compram por um preço baixo e o revendem por
uma quantia altíssima. O produto precisa agregar
mais valor, já que desde o século 19, temos o melhor café do mundo. A nossa exportação é 100%
em grãos e os nossos principais compradores são
os países europeus que não o valorizam”, diz.
Para ele, é preciso mudar a forma de oferta.
“Mesmo sendo um produto de valor, ainda não
conseguimos deixar de exportar em grãos para
vender em pó. A indústria de embalagens brasileira
não consegue lançar um recipiente concorrente.
É preciso repensar essa situação e investir nas
embalagens”, acredita.
Para Pettersen, além dos problemas nas
estradas com a soja, o país enfrenta as altas
cargas tributárias, resultando em menos consumo interno. “O primeiro impacto é a arrecadação tributária que temos e isso cai no Imposto
Sobre Operações Relativas à Circulação de
Mercadorias (ICMS). Estamos observando uma
queda do ICMS e, com isso, o esfriamento da
economia interna e a estagnação da economia.
A projeção do imposto está abaixo do esperado
para 2014 com 5,83%. O governo apontava um
crescimento de 7,5%. Fora isso, a Compensação Financeira pela Exploração de Recursos
Minerais (Cfem) - (royalties que são cobrados
pela exploração de minério) - terão uma redução
de 26%”, adverte.
De acordo com o especialista, existe a expectativa de melhorias mesmo com um Produto
Interno Bruto (PIB) baixo. “De acordo com a
Fundação Getúlio Vargas (FGV), a indústria
extrativa cresceu 5,6% no primeiro semestre de
2014, isso em um PIB de 0,3%. A indústria de
transformação cresceu - 3,2% e a construção
-3,6%. Isso significa que no segundo semestre
o desempenho poderá ser melhor ou afundar.
O câmbio tem sido utilizado para combater a
inflação, só que isso tira toda a competitividade
dos nossos produtos. O Brasil depende muito
das commodities e a nossa pauta de exportação
está se reprimarizando, ou seja, a participação
dos produtos manufaturados está caindo, por
isso, é preciso investir”, conclui.
Fiemg e Anglo American assinam acordo de parceria
Sistema Fiemg, Anglo American,
Companhia de Desenvolvimento
Econômico de Minas Gerais (Codemig) e Instituto de Desenvolvimento
Integrado de Minas Gerais (Indi)
estão juntos no desenvolvimento de
fornecedores locais, na região do
Médio Espinhaço, para a mineradora
instalada em Conceição do Mato
Dentro. No dia 19, as entidades e
a empresa assinaram, na sede da
Federação, em Belo Horizonte, um
Acordo de Cooperação Técnica para
essa ação.
O acordo visa à implementação
do Programa de Desenvolvimento
e Qualificação de Fornecedores
(PDQF) Anglo American/Instituto
Euvaldo Lodi (IEL). “Queremos
trazer novas oportunidades para as
empresas mineiras, principalmente
para micros e pequenas”, afirmou o
presidente do Sistema Fiemg, Olavo
Machado Junior.
Para ele, é positiva a percepção
de uma grande indústria da importância de sua cadeia produtiva. “Isso
faz com que possamos agregar valor
em todas as etapas da produção,
independentemente do porte do
Fiemg
Briga pelos votos
Felipe José de Jesus
Alessandro Carvalho
Problema no PSDB
As eleições para governador estão chegando e
já é possível perceber que o presidente do PSDB,
deputado federal Marcus Pestana, pouco foi demandado para a campanha do candidato de seu partido
ao governo de Minas, Pimenta da Veiga. Coisas da
política mineira, claro. EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Ainda lutando para se eleger deputado federal, Newton Cardoso Filho teria planos para se tornar prefeito de Contagem daqui a 2 anos. Seria uma
tentativa de reescrever a história política de seu pai, o
ex-prefeito e ex-governador Newton Cardoso. Será?
Política em Contagem II
Quando disputou o segundo turno das eleições de
2 anos atrás, Carlin Moura, do PCdoB de Contagem,
contou com o apoio de membros do governo estadual
para vencer seu adversário, o deputado petista Durval Ângelo. Agora o PT insiste em receber apoio do
prefeito para ajudar a eleger Fernando Pimentel.
Cena Única: Por parte dos governistas, só resta
dizer uma coisa: “Que prefeito complicado”. Olavo Machado: “Queremos trazer novas oportunidades para as empresas mineiras”
Diálogo tributário na fonte
Política em MOC
Depois de ter demonstrado prestígio em todo Norte
de Minas – e não somente em Montes Claros –, o
deputado estadual Paulo Guedes, do PT, passou a
ser respeitado pela turma de Brasília. Ele teria até
o “telefone vermelho”, para falar direto com a presidente Dilma.
Cena Única: Quem não anda gostando nada
deste cenário político é o atual prefeito de MOC, o
empresário Ruy Muniz. Isto ainda vai gerar uma briga,
mais dia, menos dia.
Com 25 anos de experiência, Siqueira Vasconcelos Advogados Associados,
atua em todas as áreas do direito, com eficiência e profissionalismo.
Sua equipe é formada pelos advogados:
Dr. Marco Túlio Moraes de Siqueira (OAB/MG 47.325)
Dr. Eduardo Fernandes dos Santos (OAB/MG 100.466)
Dr. Astolpho de Araújo Santiago (OAB/MG 10.207)
João Luiz Moraes de Siqueira (OAB/MG 96.077)
Rua Sergipe, nº 625, Conjunto 312/313, Funcionários, Belo Horizonte - MG.
Fones(31) 3261-2920. Cep.: 30130-170. www.siqueiravasconcelos.com.br
[email protected]
empreendedor”, pontuou.
De acordo com o superintendente do IEL-MG, Adair Marques, a ação
irá diversificar o parque industrial da
região. “Isso permite que a economia
ganhe força e sobreviva, inclusive,
além do ciclo da mineração”, disse.
Ele informou ainda que o Sistema
Fiemg atuará no apoio ao crédito
para os fornecedores, na qualificação
de mão de obra, além de oferecer
suporte na área ambiental.
O diretor de operações da Anglo
American, Rodrigo Vilela, explicou
que o Acordo é uma alavanca para
a economia da região. “Atuamos na
estruturação de algumas empresas
fornecedoras há três anos, principalmente na formalização de empreendimentos. Agora, damos um passo
além para gerar mais empregos,
renda e impostos”, opinou.
A solenidade de assinatura do
Acordo de Cooperação Técnica
contou ainda com a participação da
diretora-presidente do Indi, Mônica
Cordeiro, do diretor da Codemig, Marcelo Nacif, e do diretor de operações
do Sebrae-MG, Fábio Veras.
* Olival Gonzaga de Resende
D
epois de muitos quilômetros rodados, aquele antigo contador faz
o último repasse de
como funciona o quebra cabeça das retenções tributárias na fonte, ao seu sucessor.
Após dissertar sobre a complexidade da retenção dos tributos
federais e do INSS, pondera o
contador:
- É preciso muito cuidado
também para atender a legislação de cada município em relação à retenção do Imposto Sobre
Serviços (ISS). A primeira grande
questão é que, contrariando os
demais tributos, não existe limite
para a aplicação da retenção do
ISS, ou seja, se uma copiadora
cobrar R$ 5,00 pelas cópias ela-
boradas em princípio poderá se
sujeitar a retenção de R$ 0,25
na fonte.
- Para avaliar se a retenção
deverá ser feita, as empresas
precisam proceder a diversos
questionamentos, tais como:
O prestador do serviço recolhe
o ISS por estimativa, em caso
positivo não reter o ISS. Se no
ano anterior o tomador do serviço contratou serviço em valor
menor que R$ 240 mil também
não será devida a retenção. Não
se enquadrando em nenhum dos
dois casos e sendo o prestador
do serviço optante pelo Simples
Nacional, deverá todo mês verificar em qual alíquota se enquadra
o seu ISS, a qual será usada para
o cálculo da retenção do ISS.
- Feita a retenção, não pode
se esquecer de lançar na Declaração Eletrônica de Serviços
(DES) o valor retido sob pena
de multa. O pagamento deverá
ser feito em uma guia para cada
fornecedor. Importante conferir
no site da prefeitura se o valor
do ISS retido foi recolhido, caso
contrário, o tomador do serviço
poderá ser responsabilizado pelo
pagamento quando vier a ser
fiscalizado pela prefeitura.
- Como você vê, o departamento financeiro das empresas
necessitará estar inteirado de todas estas regras para fazer a programação de pagamento ou de
faturamento. Deverão, portanto,
questionar todos estes itens aos
fornecedores e clientes, os quais
por sua vez, podem depender de
verificarem junto ao seu contador
ou escritório contábil qual o seu
enquadramento naquele mês.
- Ao departamento contábil
caberá lançar o serviço prestado ou tomado acompanhado do
lançamento da retenção, bem
como do recolhimento das guias
pagas uma por uma, mesmo que
o valor seja apenas aqueles R$
0,25 da cópia reprográfica. Em
seguida, as guias pagas deverão ser arquivadas, visto que
sua apresentação poderá vir a
ser exigida pela fiscalização nos
próximos cinco anos.
- Não desanime meu rapaz,
acrescenta o contador, apesar
dos percalços que nos são colocados diariamente pela máquina
burocrática e tributária, a nossa
profissão é nobre. Ela foi criada
para fornecer ao empresário os
resultados do seu empreendimento e da sua situação patri-
monial. Cabe a nós levantarmos
os balanços, os interpretar e
agirmos como consultores da
saúde das empresas.
- Por último, lhe digo: nunca
deixe de lutar pelo aperfeiçoamento das normas tributárias e
burocráticas que são impostas
ao setor produtivo, e nunca se
esqueça que o empreendedor é
o pai da economia e gerador de
renda e riquezas do país.
- Pelo que você disse, chefe,
um dos primeiros itens a defender
é a criação de um limite de R$ 5
mil de faturamento de serviços a
partir do qual o ISS seria retido,
assim como é para a Cofins.
- Ótimo! Você já está começando a entender que não
basta ao contador efetuar a
escrituração contábil. É necessário participar de entidades de
classe e defender os interesses
dos empresários, especialmente
das micro e pequenas empresas.
* Contabilista, diretor
da Contec Contabilidade
e membro do Conselho
de MPE’s da ACMinas
Pirataria e contrabando causam
prejuízo de R$ 30 bi para o país
e acordo com um
levantamento feito
pelo Fórum Nacional Contra a Pirataria e a Ilegalidade (FNCP),
estima-se que a indústria
no Brasil deixou de vender
cerca de R$ 30 bilhões em
produtos no ano passado. O
estudo abrange apenas 13
setores, com isso é provável
que os valores sejam maiores. A pesquisa finalizada
a respeito do tema será
fechada no próximo mês.
Os dados do levantamento de 2012 apontam
que o mercado ilegal de
óculos movimentou R$ 8
bilhões, logo atrás ficou o
contrabando de cigarros
(R$ 4,88 bilhões), seguido
dos softwares (R$ 2,84
bilhões), perfumes (R$
2,44 bilhões), produtos de
limpeza (R$ 2,23) e até
mesmo serviços de TV por
assinatura (R$ 1,8 bilhão).
Atos criminosos como
contrabando, sonegação
de impostos, pirataria e falsificação de produtos são
conhecidos como economia subterrânea (produção
de bens não computada
pelo governo e que, portanto, não entra na soma do
Produto Interno Bruto (PIB)
nacional). O presidente do
Instituto Brasileiro de Ética
Concorrencial (Etco) informou que essa economia
subterrânea movimentou
mais de R$ 782 bilhões
em 2013, ou seja, o quarto maior PIB da América
Latina.
Em entrevista ao jornal
Edição do Brasil, o presidente do FNCP, Edson Luiz
Vismona, explica que os
impactos dessas práticas
são múltiplos e sempre
negativos, lesando desde
as empresas brasileiras até
o consumidor final. “Nós
temos o cliente sendo diretamente afetado, porque
os produtos adquiridos
não atendem as normas
satélite. Isso não tem nada
de simples. São entidades
jurídicas voltadas para a
prática criminosa, e por
trás disso tem o tráfico de
drogas, armas, munição e
trabalho escravo”.
Ele ainda reitera que as
altas taxas tributárias não
podem ser utilizadas como
desculpa para a aquisição
de produtos no comércio
ilegal. “É uma verdade,
mas não se justifica. Nós
realmente pagamos altas
taxas. O sistema tributário brasileiro é complexo,
porém isso mostra a perversão. Quem critica os
erros da corrupção, os
desvios de conduta que
os outros praticam, logo
não pode incentivar com
sua própria ação essas
práticas ilegais. As pessoas pensam que estão levando vantagens ao fazer
essa compra sem pagar
o imposto e adquire algo
que tem uma baixíssima
qualidade. Quantas pessoas que compram celulares
que simplesmente não
funcionam? Que vantagem
é essa?”.
Vismona informa que
é preciso não somente
deixar de adquirir esses
produtos, mas também
cobrar providências do
governo a respeito dessa
prática. “Nós que pagamos
impostos, temos o direito de exigir que o poder
público combata a ilegalidade porque são aqueles
que não pagam impostos
tirando vantagens daqueles que pagam. O que
nós defendemos é que
essas ações sejam sempre
articuladas nos diversos
órgãos públicos, porque é
um processo de combate
a um crime organizado.
Nós só vamos combater
esses delitos organizando
a estrutura do Estado, com
informações, processos de
inteligências, operações
bem coordenadas com a
participação de todos os
órgãos”, finaliza.
Reprodução TV Globo
D
Andreza Cruz
Edson Vismona: “Existe uma grande estrutura
que se dedica a isso e tem lucros bilionários”
técnicas, não possuem
durabilidade e podem afetar a saúde e a segurança
das pessoas. Perdemos
com a sonegação brutal
de impostos porque essas
taxas deixam de ser pagas.
Perdem as empresas que
investem aqui no Brasil e
movimentam a economia
formal. Essas empresas
convivem contra uma concorrência totalmente ilegal
e desleal porque quem atua
na ilegalidade não paga
imposto, não tem nenhuma
preocupação com qualquer
tipo de investimentos, copia
o que os outros fazem, se
aproveitam de um mercado
e, o pior, movimentam por
trás uma engrenagem criminosa”, afirma.
Vismona relata que a
internet também tem contribuído para a proliferação
da prática de pirataria e
contrabando. “Sob todos
os aspectos a internet vem
ganhando espaço. Cada
vez mais, as pessoas estão
adquirindo produtos em
sites que não estão sequer
situados no Brasil. Você
consegue comprar qualquer coisa pela internet. É
uma tendência muito clara,
realidade principalmente
para os mais jovens, que
é o download de músicas,
filmes, softwares, isso tam-
5
E C O N O M I A
bém nos preocupa e temos
procurado agir para combater esse comércio cada vez
mais crescente da web”.
Sistema criminoso
O presidente do FNCP
salienta que além de conscientização a respeito dos
malefícios da aquisição
desses produtos é necessário também acabar com
a mentalidade de que a
pirataria é algo simples.
“As pessoas no Brasil,
muitas vezes acham que
por trás da pirataria há um
comércio que até deveria
ser permitido, porque o
camelô está buscando sua
sobrevivência. Essa é uma
visão romântica que não
se sustenta. Na realidade
são organizações criminosas que estão envolvidas
na distribuição de produtos ilegais. Existe uma
grande estrutura que se
dedica a isso e tem lucros
bilionários. Isso mostra
que se trata de algo muito
organizado, não tem nada
de inocente, de romântico
ou de comércio de pessoas físicas. A pirataria de
TVs por assinaturas, por
exemplo, é uma estrutura
extremamente sofisticada,
porque eles vendem produtos que captam sinal por
Planejamento pode aumentar
restituição de Imposto de Renda
Quer ganhar mais dinheiro de restituição
de Imposto de Renda em 2015? Saiba que
isso é normal e que você não é o único, muitos
contribuintes ficam revoltados, pois acreditavam que o valor a ser recebido poderia ser
muito maior, sendo que pagam muito impostos
e ainda arcar com vários custos como saúde
e educação.
Mas, é importante frisar que isso ocorre
porque a preocupação com o tema fica
limitada aos meses de março e abril. Se o
contribuinte começar a pensar no imposto que
paga com antecedência fará não só com que
as preocupações com erros sejam menores,
como também possibilitará que se recupere
mais dinheiro na restituição.
“É preciso pensar já em 2014, para em
2014 aumentar os valores a serem recebidos. Alguns investimentos que podem ser
utilizados a favor do contribuinte em relação
ao imposto são previdência privada e doações
que podem ser abatidas. Mas é importante ter
em mente que depois que acabar o ano nada
mais pode ser feito. A tão falada cultura do
brasileiro de deixar o imposto de renda para
última hora não tem apenas reflexo em erros
que podem levar a malha fina, ela também tem
como resultado a diminuição da restituição dos
contribuintes”, explica o diretor executivo da
Confirp Consultoria Contábil, Welinton Mota.
As ações podem ser desde as mais simples, como guardar adequadamente todos
os comprovantes de gastos com educação e
saúde até mesmo as mais sofisticadas como
doações e realização de previdências privadas. Contudo, Mota alerta, “a primeira coisa
que deve ser avaliada para ter a restituição, é
se houve valores retidos, caso contrário não
há o que se restituir”.
Para quem quer abater plano de previdência privada, é importante deixar claro que
isso apenas poderá ocorrer quando é feito no
modelo PGBL, em um limite de 12% do valor
tributável total, antes de qualquer dedução.
Também é dedutível do IR para quem já contribui para os sistemas previdenciários oficiais,
como trabalhador do setor privado, autônomo
ou funcionário público.
Confirp
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
O diretor executivo da Confirp Consultoria Contábil, Welinton Mota
Nos casos de despesas médicas, odontológicas, instruções, pensões alimentícias
judiciais para garantir a restituição basta
guardar adequadamente os documentos. É
importante não passar informações nessas
áreas que não estejam em conformidade
com a realidade. “O Fisco está fechando o
cerco às informações irregulares a partir de
evoluções tecnológicas e cruzamento de
informações, tudo o que for declarado deve
ser comprovado adequadamente”, conta o
diretor da Confirp.
Mota acrescenta que as doações podem
ser uma forma de direcionar o dinheiro que
paga ao Governo para ações que tragam
benefícios para a comunidade, mas isso
vale somente para quem faz a declaração
completa do Imposto de Renda. O limite é de
6 % do imposto de renda devido é para as
destinações aos fundos de direitos da criança
e do adolescente, as doações e os patrocínios
para projetos enquadrados como incentivo a
atividades culturais, artísticas e incentivos a
atividades audiovisuais.
Comprar a prazo é uma
preferência do consumidor
Divulgação
EDIÇÃO DO BRASIL
Lojistas estão preocupados com
as vendas no Dias das Crianças
Divulgação
O
s comerciantes estão menos confiantes com as vendas para o Dia das
Crianças, comemorado no
próximo dia 12 de outubro. Segundo projeção da
Confederação Nacional de
Dirigentes Lojistas (CNDL)
e do Serviço de Proteção
ao Crédito (SPC Brasil), o
volume de vendas a prazo
deve registrar crescimento
de apenas 1,5% em relação ao mesmo período do
ano passado.
Se a projeção dos lojistas se confirmar será o
resultado mais fraco dos
últimos 5 anos para o varejo. Desde 2010 o setor vem
desacelerando o seu ritmo
de crescimento. Nos anos
anteriores, as expansões
foram de 3,15% (2013),
4,83% (2012), 5,91%
(2011) e de 8,5% (2010).
Em 2014, todas as datas comemorativas (com
exceção da Páscoa), como
Dia das Mães, Dia dos
Esse será o resultado mais fraco
dos últimos 5 anos para o varejo
Namorados e Dia dos Pais,
também apresentaram um
desempenho inferior se
comparado ao ano passado. As quedas foram de
3,55%, 8,63% e de 5,09%,
respectivamente.
Cenário negativo
Com a manutenção
dos juros em patamares
elevados e a alta da inflação, que corrói o poder
de compra do trabalha-
dor, a CNDL estima que
as compras a vista e de
valores menores devem
ganhar mais espaço no Dia
das Crianças deste ano.
“Os consumidores estão
mais preocupados em não
comprometer o próprio
orçamento com compras
parceladas. Aqueles que
optarem pelas compras
a prazo vão dividi-las em
menos prestações”, comenta o presidente da
CNDL, Roque Pellizzaro
Junior.
De acordo com Junior,
o varejo já não conta com
os mesmos fatores macroeconômicos que ajudaram
a aquecer o setor nos anos
anteriores, como os altos
índices de geração de emprego, expansão da renda,
incentivos fiscais e a larga
oferta de crédito mais barato. “Se nos anos anteriores
a criança ganhou dois ou
três brinquedos, neste ano
a tendência é de que ganhe
menos presentes”, afirma.
O cartão de crédito é o mais usado
Com a maior acessibilidade ao crédito, o parcelamento eletrônico se torna
a principal ferramenta de consumo. De
acordo com a Pesquisa de Balanço do
Crédito do Comércio Varejista de Belo
Horizonte, realizada pela Fecomércio
MG, as vendas a prazo em agosto de
2014 corresponderam a 60%, permanecendo no mesmo patamar do mês
anterior.
A pesquisa aponta ainda que o tipo de
venda a prazo mais praticado é o cartão
de crédito, com 75,3% das operações.
Segundo o analista de Economia da Fecomércio MG, Juan Moreno de Deus, a
preferência pelo cartão se justifica pela
facilidade e conveniência do acesso, aliada ao pagamento parcelado sem juros,
que atende aos interesses das pessoas
e do mercado. “O ambiente de negócios
está dominado pelo modelo do uso do
parcelamento eletrônico, com incentivos
de premiação, como milhagem, bônus de
compras e serviços”, diz.
Formas de pagamento
A participação dos meios de pagamentos eletrônicos atingiu 82,7%
das operações, enquanto a opção pelos cheques pré-datados caiu para
11,6%, em comparação com o mês de julho (13,1%). Dos empresários
entrevistados, 96,2% aceitaram cartão de crédito. Já o cartão de crédito
próprio está presente nos negócios de 9,5% das empresas pesquisadas
e 14,9% trabalharam com cheques pré-datados.
O estudo foi feito com empresas do segmento de comércio varejista
de Belo Horizonte, com um total de 381 respondentes entre os dias 5
e 11 de setembro de 2014.
6
G E R A L
EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
JORNAL DO ACIR ANTÃO
Email: [email protected]
Frederico Lacerda
VILMA ALIMENTOS
A NI V E RS A RI A NT E S
Domingo, dia 28 de setembro
Dr. Iazíde Bedran Filho
Álvaro Brandão de Azeredo
Ex-prefeito Rui Lage
Em um prestigiado jantar, a Vilma
Alimentos lançou a nova campanha
publicitária em Juiz de Fora, e inaugurou o Centro de Distribuição, o
terceiro em Minas Gerais, para ficar
ainda mais perto de seus clientes. O
local tem capacidade de expedição
de 2.500 toneladas por mês e uma
estrutura para atender a 3 mil clientes da Zona da Mata.
Segunda-feira 29
Sheille Bastos, Maria Claudia Lana, Cristiane Nobre, Eugênio
Almeida, Nathália da Matta, Clara Ribeiro e Gabriela Mayrink
Ademir Lucas - Contagem
Coronel Leonel Arcanjo
Saulo Coelho - Provedor da Santa Casa
Rodrigo Cerqueira Moura.
Terça-feira 30
NA GLOBO - A direção da TV Globo, iniciou uma censura interna e começou a cortar cenas envolvendo gays, principalmente
na novela das 21h, que está caindo de audiência. A decisão
está desagradando os autores, mas a direção da emissora está
baseada em pesquisas que mandou fazer e atende também as
reclamações que chegam de todo o país. A tesourada começou
a cortar cenas de sexo entre pessoas do mesmo sexo. Aguinaldo
Silva, autor de Império, disse que “sem sexo não há família”.
POIS É - Uma das nascentes do Rio São Francisco secou.
Muitas outras nascentes de rios em Minas já secaram. Belo Horizonte ainda não sofreu racionamento de água porque o Rio das
Velhas, fonte principal do nosso abastecimento, continua com
sua vazão, mas o volume de suas águas na captação já diminuiu.
Não estamos cuidando das nascentes do rio que sofrem todo tipo
de agressão, como das mineradoras que estão em sua cabeceira nas regiões de Nova Lima, Itabirito, Ouro Preto, Rio Acima,
Sabará e Raposos. Agora mesmo, depois de alertas da UFMG
e do Ministério Público, o Ibama está liberando o funcionamento
de um mineroduto entre Conceição do Mato Dentro e São João
da Barra, no Rio de Janeiro da Anglo American que para seu
funcionamento vai gastar água que daria para abastecer uma
cidade como a de Montes Claros. O Ibama ignorou tudo para
dar a licença para a construção do mineroduto, mesmo diante
de uma crise de abastecimento de água em todo o Sudeste. Os
peixes já estão morrendo no Córrego Passa Sete por causa dos
primeiros testes do minerotudo.
PREÇO DA ENERGIA SOBE- O diretor-geral da Aneel, Romeu
Rufino, afirmou que o preço da energia vai sofrer alteração, porque
o governo cortou R$ 4 bilhões para o setor. Quem vai pagar a conta
é o consumidor. O aumento médio na conta de luz será de 15%.
Se o consumidor iniciar uma campanha de menos consumo, as
companhias vão faturar menos e depois novamente quem vai pagar
a conta serão os consumidores.
DA COCHEIRA
A Friboi é a maior doadora para as campanhas políticas no
Brasil. 79% das doações foram para os governistas.
Lojas como Ricardo Eletro, Casas Bahia e Ponto Frio, estão
sentindo queda nas vendas, porque a classe C está comprando
menos. O pior é que o endividamento dessa classe está acima
da média nacional.
A arrecadação do governo federal no mês de agosto foi
de R$ 94,3 bilhões. Em comparação com o mesmo período do
ano passado, a arrecadação foi recorde.
Dilma Rousseff anda irritada com o mercado. Foi só o
Ibope dizer que ela ganha de Marina no segundo turno para
o dólar disparar.
O comércio vai faturar menos no Dia das Crianças deste
ano. Segundo estimativas, o crescimento das vendas não
chegará a 2% .
Dr. Helton Guimarães
Marcos Raimundo Pessoa Duarte
Ronaldo Calonge
Quarta-feira, dia 1º de outubro
Jane Faria, esposa de Chico Brant
Deputado Paulo Guedes
Marco Aurélio Andrade
Quinta-feira 02
Jornalista Nair Prata
Virgílio Ravazano José de Castro
Ari de Melo Franco
Sexta-feira 03
Maria Emilia Hadad
Elmiro Nascimento
Sábado 04
Jornalista Aloizio de Moraes
Ex-prefeito Tarcisio Delgado
A todos, os nossos Parabéns!
C U L T U R A
e alguns de seus sucessos, como
Alma,Catedral, Não vá ainda e Lá
vou eu, entre outras.
A artista será acompanhada
pela banda formada por Ézio Filho
(baixista e diretor musical do show),
Webster Santos (guitarra e violão),
Léo Brandão (teclado e acordeon) e
Lucio Vieira (bateria e percussão).
Junta-se a eles o parceiro mais constante de Zélia Duncan, o músico, arranjador e produtor Christiaan Oyens
(violão, guitarra slide e percussão).
Zélia Duncan
Zélia Duncan começou a cantar
profissionalmente nos anos 80. Mas
foi com o CD de 1994, que leva seu
nome, que os holofotes se voltaram
para a violonista, compositora e
cantora de voz grave. Hits como
Catedral (versão do sucesso da cantora alemã Tanita Tikaram) eNão Vá
Ainda entraram definitivamente para
o repertório da música pop brasileira.
A cantora e compositora niteroiense completou 30 anos de
carreira em 2011 e comemorou
com a gravação do DVD Pelo sabor
do Gesto Em Cena e a estreia do
espetáculo Totatiando, inspirado na
obra de Luiz Tatit e dirigido pela atriz
Regina Braga.
Em 2012, Zélia gravou o CD
apenas com músicas de Itamar
Assumpção, Zélia Duncan canta
Itamar Assumpção Tudo Esclarecido”, lançado no final do ano pela
Warner Music. Com este trabalho,
em 2013Zélia venceu em duas
categorias do Prêmio da Música Bra-
Divulgação
O Sesc dá continuidade ao Mesa
Brasil Musical, iniciativa que tem o
objetivo de promover o acesso à
cultura e a conscientização sobre o
combate à fome por meio de shows
de grandes nomes da música brasileira. O projeto já recebeu Adriana
Calcanhotto, Fafá de Belém e Alceu
Valença.
Na próxima edição, em 7 de
outubro, a convidada será a cantora Zélia Duncan. O evento ocorre
às 21h, no Grande Teatro do Sesc
Palladium.
A entrada é gratuita, mediante
a doação de 1 kg de alimento não
perecível. Os alimentos arrecadados
serão encaminhados ao programa
Mesa Brasil Sesc. A troca dos ingressos ocorrerá na bilheteria do
Sesc Palladium, em 30 de setembro,
para trabalhadores do comércio de
bens, serviços e turismo, e em 1º
de outubro, para o público em geral.
No repertório da noite, a cantora
apresenta as músicas de seu último
CD, Zélia Duncan canta Itamar Assumpção Tudo Esclarecido. Todas
as músicas do álbum são de autoria de Itamar Assumpção, um dos
ícones da Vanguarda Paulista dos
anos 1980, sendo cinco delas em
parceria com a poetisa paranaense
Alice Ruiz.
A paixão da cantora por Itamar
não é recente. Nos seus 32 anos
de carreira, gravou onze músicas
do compositor, tanto em álbuns próprios quanto em participações. No
show, Zélia mistura músicas do CD
Tudo Esclarecido, como Tua Boca,
Quem Mandou, Vê Se Me Esquece
Zélia Duncan se
apresenta no dia
7 de outubro
sileira. Em 2014, a cantora viaja pelo
país com duas turnês em paralelo,
do espetáculo Totatiando e do show
Tudo Esclarecido.
Mesa Brasil Sesc
O Mesa Brasil Sesc é uma rede
nacional de combate à fome e ao
desperdício. O programa, que começou as atividades em Uberlândia no
dia 20 de maio, atua em Minas Gerais desde 2003. Ele é uma iniciativa
do Departamento Nacional do Sesc
e conta com ações educativas e de
distribuição de alimentos excedentes
ou que estão fora dos padrões de
comercialização, mas que ainda
podem ser consumidos.
O Mesa Brasil busca o alimento
onde sobra e entrega onde falta.
As doações podem ser feitas por
supermercados, produtores e associações, redes varejistas, armazéns,
padarias, centrais de distribuição,
empresas de transporte, empresas
de embalagens, postos de combustíveis. Tudo o que é arrecadado é
entregue às instituições sociais que
assistem pessoas em vulnerabilidade social e nutricional.
Os alimentos excedentes arrecadados estão fora dos padrões de
comercialização por apresentarem
pequenas avarias, porém continuam
com valor nutricional e atendem aos
padrões de consumo.
Mesa Brasil em Minas
Atualmente, o Mesa Brasil conta
com três postos avançados no Estado: em Belo Horizonte, na região
Central, Montes Claros, no Norte, e
Uberlândia, no Triângulo Mineiro. No
Triângulo, as atividades começaram
em maio de 2014, no norte elas já
ocorrem desde março de 2013. Cada
unidade é responsável por atender
municípios da vizinhança, em um raio
de 200 km. Com isso, o Mesa Brasil
em Minas pretende complementar
17 milhões de refeições, em 2014.
O programa conta com 92 empresas
doadoras, 657 instituições de assistência social e educacional parceiras
e 210 voluntários que atuam na
coleta, separação e distribuição dos
itens arrecadados em todo o Estado.
Evento já faz parte do calendário mineiro
Kaká Ferraz e Flaney Gonzallez
SESC realiza mais uma
Mesa Brasil Musical
Festeja BH traz atrações
musicais do sertanejo
Felipe José de Jesus
M
úsica de primeira
foi o que não faltou
no TIM Music na
Estrada Festeja
BH. O evento trouxe para
os fãs da música sertaneja,
apresentações especiais
como a de Cristiano Araújo,
Fernando & Sorocaba, Henrique & Juliano e Pedro Paulo
& Alex. Todos esses nomes
têm sido considerados, atualmente, os melhores cantores
do estilo no Brasil.
A dupla Fernando & Sorocaba disse que o Festeja é
um evento que já virou uma
referência, por isso participar
dele é sempre uma honra. Os
músicos comentaram ainda
a participação no DVD de 40
anos de carreira de Chitãozinho & Xororó. “Foi uma honra
o convite. Eles sempre foram
um espelho para a gente e
ficamos muito emocionados”.
Segundo Fernando, a
sua participação foi focada
na sonoridade da dupla.
“Eles me pediram para criar
novos arranjos para antigos
sucessos. Tentei criar uma
sonoridade nova, mas sem
perder a origem. Eles gravaram algumas composições
do Sorocaba e tivemos o
prazer de dividir o palco com
eles no nosso DVD/CD. Cantamos juntos, a canção ‘Do
Tamanho do Nosso Amor’ e
ficamos felizes com o resultado”, comemora.
A dupla disse ainda que
o artista de hoje deve ser
completo caso queira ter
longos anos de carreira.
“Nesse nosso tempo de
estrada já são sete CD´s e
quatro DVD´s. A gente sempre busca inovar e trazer
Grandes sucessos de Fernando e Sorocaba, Cristiano
Araújo e outros cantores foram apresentados
composições que o público
se identifique. Acho que
esse é o nosso diferencial.
Afinal, temos muitos talentos
espalhados por esse Brasil.
No entanto, o sucesso é uma
junção de coisas: saber cantar, ter carisma e presença
de palco são fundamentais”.
Cristiano Araújo
Outro cantor de peso que
animou os fãs presentes foi
Cristiano Araújo. Sucesso
nas rádios brasileiras e no
Youtube, ele disse à reportagem que os fãs vão se
surpreender com as novidades que vem por aí. “Ainda
neste ano, vou lançar o DVD
In The Cities, gravado no
final de agosto em Cuiabá.
É um projeto muito especial,
que foi muito bem pensado e
planejado. Procuramos trazer
a maior e melhor estrutura
já feita pra um DVD no país
e para isso contamos com
tecnologia internacional e de
ponta”, revela.
Sobre o sucesso que vem
fazendo em tão pouco tempo
de carreira, o cantor afirma
que se dedica 100% a música. “Sou um artista que se
dedica para levar sempre o
que há de melhor para o meu
público. Tudo o que eu faço
é para eles. Eu sou um cara
baladeiro e gosto de ouvir
todas as novidades dentro
do cenário musical, isso ajuda no processo. Eu sempre
levo em conta a mistura de
ritmos e canções bonitas e
românticas”.
Sempre atento
Para Araújo, a melhor
maneira de avaliar o seu
próprio trabalho é se colocar
no lugar do ouvinte. Quanto
ao sucesso, ele não escondeu que ter tido um padrinho
como o cantor Leonardo foi
um presente. “Eu tento ouvir
a música como um ouvinte,
procuro ser crítico em relação ao meu trabalho. Não
escondo que é um sonho
para qualquer artista ter como
padrinho um dos ícones da
música sertaneja como o Leonardo. Com certeza, ele foi
muito importante para minha
carreira”, concluiu.
Sedentarismo e excesso de peso são
responsáveis por 30% dos cânceres
Reprodução TV Cultura
A União Internacional de Controle
do Câncer (UICC) estima que 30% dos
casos de câncer nos países ocidentais
estejam relacionados ao sedentarismo
e ao excesso de peso. Esse é o segundo fator de risco para o desenvolvimento de câncer, ficando atrás apenas do
tabagismo, de acordo a Organização
Mundial de Saúde (OMS). No Brasil,
mais de 65 milhões de pessoas, ou seja,
cerca de 40% da população, estão com
excesso de peso, enquanto 10 milhões
são consideradas obesas.
Segundo o oncologista e coordenador do Serviço de Oncologia do
Hospital das Clínicas da UFMG e do
Centro Avançado de Tratamento Oncológico (Cenantron), André Marcio
Murad, existe uma relação direita entre
esses dois fatores. “Nós sabemos que
a obesidade é a causa de vários tipos
de cânceres. Podemos citar como
exemplo o de mama, próstata, ovário,
endométrio (camada interna do útero),
intestino, rim, esôfago, vias biliares
(principalmente vesícula). Basicamente, a gente sabe que as pessoas obesas
produzem substâncias que são teoricamente cancerígenas, como o estrógeno
que é sintetizado pelo adipócito (célula
gordurosa). As pessoas obesas costumam ter um nível de estrógeno maior
e o excesso dessa substância causa
vários tipos de câncer”.
As hipóteses para se justificar a
associação de câncer e obesidade se
sustentam em quatro pilares: causas
hormonais, processo inflamatório crônico, causas diretas e erro alimentar.
Na causa direta, o obeso, principalmente o portador de obesidade
central (abdômen), tem um aumento
na pressão dos órgãos internos dessa
região e essa pressão de baixo para
cima faz com que o ácido do estômago comece a penetrar no esôfago.
“Normalmente o esôfago não tem uma
mucosa que seja resistente ao ácido
igual o estômago. A presença desse
ácido cronicamente nas paredes finais
do esôfago provoca uma situação
que chamamos de Epitélio de Barrett,
que é um tecido pré-maligno. Essa
doença tem aumentado a incidência
de 30 a 40% nos últimos 20-30 anos
em função da obesidade”, informa o
oncologista.
De acordo com Murad, a doença
atinge indistintamente homens e mulheres em todas as idades e causa
vários problemas para a saúde, sendo
eles ortopédicos, estéticos, cardiovasculares ou respiratórios. No entanto, a
obesidade infantil tem preocupado os
especialistas. “Crianças e adolescentes
estão cada vez mais obesos. Uma
criança obesa tem um risco 30% maior
de tornar-se um adulto obeso. Estima-se
que 17% das crianças e adolescentes
brasileiros tenham sobrepeso. Isso faz
com que o passar dos anos, essa criança quando se torna adulto, tenha mais
pré-disposição aos cânceres da vida
adulta e mesmo aos cânceres infantis. A
gente sabe que alguns tipos de leucemia
e linfomas que aparecem na infância,
ocorrem também por causa da obesidade. Mesmo que não seja acometido com
o câncer típico da infância, a criança ou
adolescente obeso vai acabar levando
esse risco maior para a vida adulta”.
Oncologista André Murad: “A obesidade é a causa de
tumores como o de mama, próstata, ovário, intestino, etc”
Prevenção
Murad explica que uma má alimentação, com excesso de calorias, alimentos industrializados, artificialmente
conservados, carne de sol, salgados,
defumados, bacon, carnes com muita
gordura animal, alimentos com conservantes, é cancerígena por si só.
Ele afirma que existem três pilares
que estão normalmente associados
entre si, se complementam e potencializam a causa do câncer: obesidade,
sedentarismo e má alimentação. “As
pessoas ficam obesas por que se
alimentam mal, ficando obesas elas
têm menos estímulo para poder fazer
exercícios físicos. Por outro lado, a
falta do exercício aumenta a obesidade
e também o risco de câncer”.
O oncologista salienta que uma
pessoa que se exercita regularmente
3 vezes por semana, meia hora por
dia, tem até 25% menos chance de
ter um câncer. “É preciso fazer um
controle do peso, atividade física e
ter uma alimentação saudável. E tem
que perder peso, pois tem gente que
faz exercício físico e não perde. É um
conjunto. Não quer dizer que você vai
se exercitar e vai emagrecer. Muitas
vezes, você não emagrece com os
exercícios. Tem que ser uma complementação, começando pela dieta, se
exercitar e obrigatoriamente perder
peso. Se isso não ocorrer, você não
consegue o benefício”.
Sedentarismo X Cotidiano
Murad finaliza relatando que a
vida moderna propicia o sedentarismo. “Quando eu era criança, o carro
do meu pai não tinha vidro elétrico,
a gente tinha que girar a manivela. A
direção do carro não era hidráulica,
era preciso fazer força. Não havia
controle remoto, se eu quisesse trocar de canal, eu tinha que levantar.
Ninguém vai querer voltar à Idade da
Pedra e subir o vidro do carro a manivela novamente, mas nós temos que
equilibrar esse conforto com algumas
horas por semana de exercício físico.
Entretanto, não adianta fazer academia se a pessoa continua a ter maus
hábitos de vida. Ela precisa mudar
isso. Não dá para fazer exercícios e se
empanturrar de fast food, beber três
litros de chopp, dez doses de uísque
ou fumar. Tem que ser um processo
amplo e generalizado de bons hábitos
de vida. Se você juntar obesidade, má
alimentação, sedentarismo e ainda
por cima, cigarro e álcool, você terá
os principais fatores que são responsáveis por 70% das causas de câncer
no mundo”, conclui.
Consumo de café no país cresce 4,7%
Especialista alerta sobre esse uso excessivo
Patrícia Prates
De acordo com o estudo realizado pela Euromonitor International,
empresa de inteligência de mercado, o consumo de café no Brasil,
principal produtor e segundo maior
mercado global, deverá crescer
4,7% em 2014 com relação ao ano
passado, atingindo mais de 707 mil
toneladas. O número é bem acima
do crescimento estimado mundialmente, de 2,5%.
Segundo a última pesquisa
realizada pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic),
os brasileiros estão consumindo
mais xícaras da bebida por dia e
diversificando as formas de bebê-lo,
como por exemplo, o café filtrado,
os expressos, cappuccinos e outras
combinações com leite.
“O café é um alimento consumido no mundo todo e devido a isso
existem vários estudos científicos
que tratam tanto do lado positivo
quanto negativo desse consumo”,
diz a nutricionista e assessora
técnica do Conselho Regional de
Nutricionistas da 9º Região/MG
(CRN9), Patrícia Peixoto Queiroz.
Patrícia diz que o café é um excelente oxidante e que possui alguns
fatores que ajudam na doença de
Mal de Parkinson. No entanto, ela
acrescenta que existem também
estudos que afirmam que ele pode
aumentar o nível de colesterol sanguíneo e das triglicérides, inclusive
ocasionando doenças cardiovasculares.
“É interessante porque as pessoas têm estudado com mais frequência sobre o café e, principalmente,
querendo saber o que é bom e ruim
com o uso excessivo. Os estudos
ainda não falam de maneira quantitativa do café, então nós como profissionais de nutrição recomendamos
que o uso seja de forma moderada.
Porque tem pessoas que tem dependência e tomam em qualquer hora e
momento. Então, o indicado é tomar
de manhã e a tarde, pelo menos de
duas a três vezes no dia”, conta.
A especialista explica que a
cafeína pode ser um fator que desencadeia o processo de gastrite e
que normalmente quando estamos
* Estevão Vadasz
a endemias neste segundo semestre de
2014 para tentar diminuir a proliferação
do mosquito Aedes Aegypti.
Além do trabalho feito pela Secretaria de Saúde, é preciso o empenho
dos moradores no combate à dengue.
A secretária de Saúde de Sabará,
a médica Roseli da Costa Oliveira,
alerta a população destas regiões que
apresentam maior número de casos
de dengue para unir esforços com as
equipes de prevenção. “Como a proliferação do mosquito da dengue é rápida,
além das iniciativas governamentais, é
importante que a população colabore e
faça sua parte para interromper o ciclo
de transmissão e contaminação”.
O serviço de Vigilância Epidemiológica, juntamente com o Controle
de Zoonoses realizará, a partir desta
quinta-feira, 28 de agosto, campanhas
de mobilização e educação em saúde
nas áreas com maior incidência de
casos da doença.
A ação mais simples para prevenção da dengue é evitar o nascimento do
mosquito, já que não existem vacinas
ou medicamentos que combatam a
contaminação. Para isso, segundo a
secretária, é preciso eliminar os lugares
que eles escolhem para a reprodução.
“Pedimos que os moradores não deem
trégua ao mosquito transmissor e contribuam com o trabalho de prevenção
como manter caixa d’água, barris,
tambores, tanques e cisternas, devidamente fechados. E não deixar água
parada em locais como: vidros, potes,
pratos e vasos de plantas ou flores,
garrafas, latas, pneus, panelas, calhas
de telhados, bandejas, bacias, drenos
de escoamento, canaletas, blocos de
cimento, urnas de cemitério, folhas de
plantas, tocos e bambus, buracos de
árvores, além de outros recipientes
em que a água da chuva é coletada ou
armazenada”.
Ainda segunda a médica Roseli,
em 45 dias de vida, um único mosquito
pode contaminar até 300 pessoas e o
ovo do mosquito da dengue pode sobreviver até 450 dias, mesmo se o local
onde foi depositado estiver seco. Assim
que a área receba água novamente, o
ovo eclode e atinge a fase adulta em
2 ou 3 dias. Por isso, é importante eliminar água e lavar os recipientes com
água e sabão.
com o problema é necessário parar
de consumi-lo, pois ele aumenta
a produção do suco gástrico, potencializado pela sua composição.
“A cafeína causa dependência e
diversas pessoas que fazem uso excessivo sofrem quando necessitam
parar de consumi-la. Existem casos
de pessoas que podem apresentar
até dor de cabeça e outros sintomas.
Por isso, essa retirada deve ser de
forma gradativa.”
A nutricionista acredita que
a recomendação de qualquer
profissional na área da saúde em
relação ao café é que ele pode ser
consumido, mas de forma moderada. Além disso, ela acrescenta
Só um cafezinho
“Desde a pré-adolescência entre 10 e 12 anos, o café começou
a fazer parte da minha rotina, pois a minha família sempre foi de
consumir e eu não quis fugir disso”, é o que relata a também
nutricionista Daniela Maria de Souza.
Ela afirma que quando não toma o seu cafezinho, o organismo sente falta. “Eu sinto um mal estar e uma dor de cabeça
leve quando não tomo café, realmente uma sensação de dependência. Antes eu tomava o tempo todo, porém comecei a ter
problemas de estômago e com os estudos na minha área
fui conhecendo mais a respeito e tive que diminuir”.
Daniela diz ainda que o cafezinho tem benefícios como ser uma bebida estimulante e ajudar na
concentração, só que é necessário saber sempre a
relação da quantidade para não trazer problemas.
“Hoje, tento me policiar e tomo em torno de três
vezes ao dia”, garante.
No dia 21 de agosto p.p. num
entusiasmado press-release, que
se tornou “viral’’ na imprensa internacional (menos no Brasil e outros
países periféricos), o media center
da Columbia University Medical
Center anunciou: “Crianças com autismo possuem excesso de sinapses: possível normalização com uso
de medicamento após diagnóstico’’.
A notícia gerou imensa expectativa
entre familiares de autistas, seguida
de grande frustração. O título do
press-release sugeria que a causa
do autismo e seu tratamento havia
sido descoberto.
Nada mais falso. O título original do artigo, publicado on-line na
revista eletrônica Neuron se referia
apenas a UMA entre centenas de
causas do autismo; a disfunção
regulatória da proteína mTOR que,
em circunstâncias normais, sinaliza
o quanto de arborização sináptica
deve ocorrer em nosso cérebro.
Sinapses são estruturas localizadas nas extremidades dos
neurônios que tem como função
trocar informações entre si. Excesso
de sinapses levam o sistema de
processamento de informações
ao colapso.
No início de nossas vidas
ocorre um crescimento explosivo
de neurônios e sinapses em nosso
cérebro, que em circunstâncias
normais, passam por um processo chamado de “poda neuronal’’
(apoptose, autofagia) que elimina
os excessos e organiza a arquitetura do nosso cérebro, para que
este funcione de forma eficiente e
saudável.
A disfunção da proteína mTOR
e suas consequências foram observadas pela equipe de cientistas
em amostras de tecido cerebral
(post-mortem) de 26 indivíduos
autistas na faixa de 2 a 20 anos e
comparadas com material de um
grupo controle constituído por 22 indivíduos sadios. Resultado: tecidos
examinados de indivíduos autistas
apontavam aumento significativo
de sinapses.
O próximo passo foi reproduzir
a disfunção em camundongos geneticamente modificados, usando
como matriz as alterações genéticas encontradas em indivíduos
portadores de esclerose tuberosa
(síndrome de Bourneville) responsável por menos de 1% dos casos
de autismo em seres humanos.
Cabeleireira Profissional
Luiza Rodrigues
Escova
Progressiva
Relaxamento
Corte
Tintura
Hidratação
Revendedora de
produtos Aneethun
e Kevon
(linha profissional e cliente)
Contato:
(31) 8804-1477
(31) 9467-2423
Arte: Felipe José de Jesus
E-mail: [email protected]
Rua Alameda de Ibirité, 160, Castanheira
que ele não deve ser associado ao
estilo de vida, o que é um comum
em caso de pessoas que fumam e
que desejam inibir o sono. “Não é
recomendado tomar o café à noite,
pois a cafeína é estimulante e existem vários estudos neurológicos
que comprovam realmente isto.
Eu e outros estudantes, durante a
época da faculdade, utilizávamos o
café e refrigerante para nos mantermos acordados e conseguirmos
estudar. Porém, isso aconteceu até
eu sofrer com um princípio de ataque cardíaco. A cafeína acelera o
batimento cardíaco potencializado
com outro composto da substância”, orienta.
Descobriram a causa e a
eventual cura do autismo?
Sabará registra redução de 94% nos casos de dengue
Dados do Centro de Controle de
Zoonoses e Vigilância Epidemiológica,
departamentos da Secretaria de Saúde
de Sabará, mostram que os casos de
dengue no município tiveram uma redução significativa no primeiro semestre
de 2014, comparados ao mesmo período de 2013. Foram notificados este
ano 410 casos entre janeiro a agosto,
contra 6.654 casos no primeiro semestre de 2013.
Os trabalhos de prevenção como
a limpeza urbana, de terrenos baldios,
destino adequado ao lixo, mutirões de
limpeza e a ajuda da população contribuíram para a redução dos índices de
casos de dengue na cidade. Mesmo
com a redução, bairros como Itacolomi,
Nações Unidas, Fátima e Nova Vista
ainda apresentam altos índices quando
comparados a outras regiões da cidade.
Isto se deve a presença de grande número de reservatórios para armazenamento de água utilizada para consumo
doméstico: cisterna, caixa d’água, barril,
tambor, tonéis, etc. O uso do larvicida
Novaluron, que pode ser utilizado em
água para consumo humano, está
sendo usado por agentes de combate
Divulgação
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Andreza Cruz
7
V I D A
EDIÇÃO DO BRASIL
APROVEITE PARA SOFISTICAR O SABOR DO DIA A DIA.
O Ateliê preparou uma promoção para quem não abre mão de comer bem
todos os dias: entrada + prato principal + sobremesa por R$ 29,90. E tudo
isso em um ambiente diferenciado e com a melhor vista da Savassi.
R. Pernambuco, 1.300 – Pça. da Savassi
31
3227-2629 restauranteatelie.com.br
Aos camundongos “autistas’’ foi
administrado o fármaco rapamicina
(sirolimus, everolimus), substância
desenvolvida a partir do trabalho
pioneiro de cientistas brasileiros,
em 1965, na ilha da Pascoa (Rapa-Nui). Como esperado, ocorreu uma
diminuição significativa de sinapses
assim como de comportamentos
“autísticos’’ entre os roedores. Praticamente uma cura.
A rapamicina é uma substância
extremamente tóxica, com muitos
efeitos colaterais, usado como
imunosupressor em transplantados
e alguns tipos de câncer, portanto
inviável no tratamento de crianças
autistas. A esperança consiste em
desenvolver medicamentos com
ação terapêutica similar sem seus
efeitos colaterais.
Concluindo: o autismo é um
transtorno extremamente complexo
com centenas de etiologias (causa),
nem todos causados por excessos
de sinapses, aliás, poucos o são.
O artigo se refere apenas a um
deles, o que não é pouco, considerando que vivem em nosso planeta
70 milhões de autistas. Mesmo
tratando-se de “curar’’ menos de
1% deles é sem dúvida um grande
e promissor avanço.
* Psiquiatra especializado
em infância e adolescência
8
G E R A L
Código do Consumidor garante direitos
em casos de extravio de bagagem
Patrícia Prates
Consultor da Assembleia, Antônio Calhau
Reportagens, fotos, vídeos, publicações e outros registros
sobre o aniversário de 25 anos da Constituição do Estado estão
disponíveis no Portal da Assembleia Legislativa de Minas Gerais
(Almg). A página reúne ainda toda a programação do Parlamento estadual relativa aos 25 anos da Carta Mineira, incluindo
palestras, debates, lançamento de livro sobre o tema e visitas
orientadas a estudantes.
Merece destaque os vídeos com depoimentos de ex-constituintes, como Sandra Starling, Kemil Kumaira e Felipe Néri, e
do então diretor de Plenário da Almg durante o período, Antônio
Geraldo Pinto. Outra ênfase é a entrevista com o historiador Luiz
Fernandes, da Escola do Legislativo, que em vídeo, explica como
se deu o processo constituinte no Estado.
Iniciadas na semana passada, as atividades comemorativas
programadas pelo Legislativo estadual estendem-se até o dia
31 de outubro. O objetivo é estimular a reflexão e promover
discussões sobre os avanços e limites da Constituição Estadual.
Na retrospectiva histórica, o hotsite aborda desde os preparativos da Constituinte, em 1985, com a criação da Comissão de
Representação encarregada de organizar um simpósio sobre a
Assembleia Nacional Constituinte, até a promulgação da nova
Carta Mineira, em 21 de setembro de 1989, passando pelos
debates e discussões com participação popular.
A página relativa à memória contém uma base de dados sobre
as emendas apresentadas pelos deputados constituintes e pela
população, conhecidas como emendas populares, aos textos
resultantes das diferentes fases de elaboração da Constituição
e os pareceres recebidos.
Para cada artigo da Constituição são informados os documentos correspondentes nas fases anteriores de sua elaboração. É
possível também acessar os pronunciamentos dos deputados
sobre as emendas apresentadas, bem como pesquisar notícias
sobre o processo, publicadas nos jornais da época e as sugestões apresentadas à Assembleia Constituinte.
Quando cheguei na estação rodoviária
José Cândido
em Belo Horizonte, ao descer
do ônibus e entregar o ticket,
o funcionário simplesmente
me disse que achava ter
entregue minha mala a outra
pessoa”, relata a publicitária
Carlinda Hellen Rodrigues.
De acordo com o advogado e membro da Comissão
de Defesa do Direito do Consumidor da OAB/MG Marlus
Riani, a primeira providência
deve ser feita no desembarque, assim que o passageiro
verificar que a bagagem
não chegou. “Ele deve imediatamente comparecer no
balcão de atendimento da
companhia aérea ou rodoviária. Caso esteja cansado e
não queira recorrer naquele
momento, ele pode usar o
formulário próprio que deve
ser preenchido em até 15
dias após a chegada dele em
seu destino, mas sempre por
escrito”.
Riani explica que a bagagem poderá permanecer na
condição de extraviada para
voos nacionais em um prazo
de 30 dias. A legislação da
Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) determina
esse período para que a
linha aérea consiga reaver
os pertences. Para os voos
internacionais é preciso esperar no máximo 21 dias.
“Ultrapassando esse limite,
o passageiro deve procurar
o Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon)
já que a companhia não
resolveu o problema. Além
disso, é possível entrar com
uma ação no juizado para
reembolso de até 40 salários
míninos, senão ele deve
recorrer a justiça comum”,
salienta.
Em caso de viagens por
meio de transporte terrestre,
o advogado ressalta que é
necessário procurar a empresa quando verificado que a
mala não veio ou que alguém
a furtou, quando o passageiro
ainda estiver no local. Em virtude disso, ele pode até fazer
um boletim de ocorrência
junto à polícia.
Segundo Carlinda, foi
necessário o preenchimento
de um formulário para registrar o sumiço da mala. “Nele
eu informei tudo que estava
na bagagem com os valores
de cada pertence. Depois de
preencher o requerimento,
tive que voltar para casa e
aguardar que a empresa me
ligasse. Eu tive sorte porque
na mala tinha meus contatos e a pessoa que pegou
foi bacana e me ligou para
devolver. Inclusive disse que
como a bagagem parecia
com a dele, não percebeu e
levou trocada. No fim, tudo se
resolveu”.
Riani explica que quando
acontece o extravio, o serviço
foi mal prestado e não atingiu
a expectativa do consumidor.
“Todo passageiro tem o direito de fazer a declaração de
valor da bagagem quando vai
despachar. Isso é mais co-
José Patrício/Estadão
Ricardo Barbosa/Almg
Portal da Almg destaca os 25
anos da Constituição do Estado
EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Marlus Riani “O serviço de transporte torna-se defeituoso pela
frustração da expectativa do consumidor na realização da viagem”
mum em companhias aéreas.
Então, você pode chegar lá e
declarar o valor que você tem
naquela mala. O passageiro
precisa comprovar que existia
aquele determinado produto
dentro da bagagem e que ele
foi furtado”, informa.
Antes prevenir do que remediar
O advogado comenta que telefones tiram fotos podem facilitar a comprovação do extravio da bagagem.
“O indicado é que quando estiver desembarcando, o
passageiro tire uma foto de como estava a mala e do
lacre da empresa, pois pode acontecer dele ser retirado e colocarem outro. Isso é importante para seja
comprovado a não violação durante o trajeto. Além
disso, é melhor não transportar aparelhos eletroeletrônicos e de objetos de valores”.
Para Riani, o serviço de transporte torna-se defeituoso pela frustração da expectativa do consumidor
na realização da viagem. “O dano patrimonial é aquele
valor dos produtos que continuam na mala, já o moral
pode ser considerado, por exemplo, o desperdício
de tempo procurando a bagagem extraviada, em
uma viagem de lua-de-mel planejada. As situações
dependem de cada caso ocorrido para uma maior
repercussão”, finaliza.
Corinto busca parceria da Fiemg para crescer
Os avanços da Constituição Mineira em relação à da República, bem como os limites do poder constituinte, são discutidos
no livro “25 anos da Constituição Mineira de 1989 – teoria, prática, história, inovações”, o lançamento aconteceu no dia 25, no
Teatro da Assembleia.
Organizada pelo consultor da Almg Antônio Calhau, a publicação contém seis artigos elaborados por integrantes do grupo de
estudos da Escola do Legislativo sobre a Constituição Estadual,
abordando diferentes linhas de reflexão. Em 114 páginas, o leitor poderá se informar sobre processo constituinte; democracia
direta e representativa; separação dos Poderes, federalismo
e democracia; controle da legalidade da Almg sobre o Poder
Executivo; mecanismos de custódia constitucional no âmbito da
Almg; limitação ao poder de tributação da Constituição Estadual;
e inventário dos documentos da IV Assembleia Constituinte.
O livro pode ser consultado em versão online. Assinam os
artigos os seguintes autores, todos os consultores da Almg: José
Alcione Bernardes Guimarães, Jacqueline Passos da Silveira,
Sérgio Pompeu de Freitas Campos, Antônio José Calhau de
Resende, Bruno Cláudio Penna Amorim Pereira, Bernardo Mota
Moreira e Welder Antônio Silva.
Fiemg
Abordagens
Olavo Machado pediu estudo para a viabilidade de um trabalho conjunto com a prefeitura
Visitas
Da agenda de atividades para comemorar os 25 anos da
Constituição Estadual, constam ainda as visitas guiadas ao
Memorial da Assembleia e ao Palácio da Inconfidência. Durante
o período comemorativo, o foco das visitas será concentrado
na importância da Carta Mineira. Durante os passeios serão
abordados temas como a função da Constituição, o processo
constituinte, o contexto político e a participação popular na elaboração do texto constitucional.
As visitas ao Memorial da Assembleia podem ser agendadas
diretamente no Centro de Atendimento ao Cidadão, na Rua
Rodrigues Caldas, 30, Santo Agostinho ou pelo telefone (31)
2108-7800. Já as visitas orientadas ao Palácio da Inconfidência
são agendadas pela Escola do Legislativo, na Avenida Olegário
Maciel, 2.161, Lourdes ou pelo telefone (31) 2108-3400.
Corinto, município mineiro conhecido como “A terra dos cristais”,
quer se estruturar para se tornar
um polo industrial. O prefeito da
cidade, Nilton Ferreira, e membros da diretoria da Cooperativa
Regional Garimpeira de Corinto
(Uniquartz) reuniram-se, no dia 22,
com o presidente da Fiemg, Olavo
Machado Jr.. Eles pediram apoio
da federação para o crescimento
da indústria de extração de cristais
e pedras semipreciosas, uma das
bases da economia corintiana.
O presidente da Fiemg solicitou
ao superintendente interino do IEL,
Adair Marques, e ao diretor regional do Senai-MG, Cláudio Marcassa, um estudo para a viabilidade de
um trabalho conjunto com a Prefeitura de Corinto para impulsionar a
economia do município.
Entre as sugestões está a instalação de uma escola de lapidação
na cidade, com cursos profissionalizantes ministrados pelo Senai. A
iniciativa tem ainda o apoio do presidente do Sindicato de Joias e Ge-
mas de Minas Gerais (Sindijoias),
Raymundo Vianna, que participou
da reunião e destacou a importância
do município para o setor.
O presidente da Uniquartz,
Enilson de Souza, solicitou também apoio da Fiemg para a realização do seminário “Riquezas
Sustentáveis – APL o Futuro da
Mineração do Quartzo. O evento
será realizado nos dias 12 e 13
de novembro deste ano e já conta
com parcerias do Sebrae-MG e da
Prefeitura de Corinto.
SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA
PARA EDUCAÇÃO
LOUSA INTERATIVA DIGITAL
• Sensível ao toque dos dedos
• Tecnologia em led nas bordas
• A caneta ótica não é mais usada
• Dispõe de película na superfície
que protege a retina dos alunos
• 20 anos de garantia na superfície
• Disponível para vendas e locação
CONTEÚDO EM 3D PARA
APRENDIZAGEM EM SUA ESCOLA
• Programa lançado em 2011 no
Ministério da Educação
• Objetos de aprendizagem
convencional e em 3D
• Ensino Fundamental e Médio
• Mais de 2.200 títulos em diversas
TREINAMENTO E CAPACITAÇÃO
DE PROFESSORES
• Monitoramento individualizado
dos alunos
KITS, UNIFORMES ESCOLARES
E BRINQUEDOS PEDAGÓGICOS
disciplinas
www.nexxosolucoes.com.br
Av. Nossa Sra. do Carmo, 1890 – Sala 603 - Bairro Sion - Belo Horizonte/MG - CEP: 30320-000
Tel.: (31) 2551-0613 / 2555-5179 / 7812-5686 - Fax: 2555-1807 - E-mail: [email protected]
9
C I D A D E S
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Parceria entre administração municipal e
PM pretende combater violência doméstica
Cidade sobe no ranking
de qualidade de ensino
A
Prefeitura de Nova
Lima, por meio da
Secretaria de Segurança e Trânsito e
Coordenadoria de Políticas
Públicas para a Mulher, em
parceria com a Polícia Militar e
a Guarda Civil-Municipal, está
trazendo mais um serviço de
prevenção e enfrentamento à
Violência Doméstica: a PPDV,
Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica.
Atendendo à população
desde dezembro, em caráter
experimental, a Patrulha é
composta por policial militar e
guarda civil-municipal. A guarnição é treinada para esse tipo
de situação e os profissionais
têm capacitação para indicar
à mulher vítima todos os equipamentos e mecanismos de
proteção, bem como os procedimentos necessários para que
a mesma tenha condições de
romper o circulo de violência.
A PPVD atua, em Nova
Lima, de segunda a sexta-feira,
das 10h as 18h, em viatura da
Guarda Civil-Municipal.
Mais educação
O Programa Mais Educação/Educação Integral, realizado pela Prefeitura Municipal
de Nova Lima tem promovido
atividades complementares
em 16 das 22 escolas da rede
municipal de ensino. Destas
unidades de ensino, 05 delas
A patrulha é composta por policial militar e guarda civil-municipal
são em tempo integral, distribuídas nos bairros de Nova
Lima, ampliando a jornada
escolar para 7 horas diárias ou
35 horas semanais.
No total são 100 profissionais da Secretaria de Educação e de seus parceiros, entre
orientadores e instrutores. A
Rede Municipal de Ensino em
2014 tem a meta de atender
1.700 alunos, entre crianças e
adolescentes, nos segmentos
do ensino fundamental I e II.
As atividades esportivas e
culturais oferecidas no Programa são Capoeira, Dança, Artes
Plásticas, Música, Percussão, Orientação de Estudos,
Percussão, Grafite, Horta e
Jardinagem, Teatro, Karatê,
Atletismo, Jornal Escolar, Artesanato, Xadrez, Futebol,
Judô, Dança de rua, Pintura,
Fanfarra, Música, Iniciação a
flauta doce, Circo, Ginástica
Rítmica, Rádio Escola, Futsal,
Hip-Hop.
Brumadinho
Conceição de Itaguá passa a
administrar serviço de água
O Projeto de lei autoria da
vereadora Alessandra do Brumado, foi aprovado na Reunião
Plenária da Câmara Municipal
de Brumadinho. A lei permite
à comunidade do Distrito de
Conceição de Itaguá a administrar o seu próprio serviço de
fornecimento de água potável.
De acordo com a escritura pública de indenização e
desapropriação, por efeito do
Decreto Municipal 21/1966, a
serventia da água de Conceição de Itaguá é para uso de
toda a comunidade, sendo,
portanto fundamental que seja
distribuída a todo o distrito de
forma igualitária.
Segundo Alessandra, a
matéria é de grande relevância,
tendo em vista os frequentes
problemas oriundos da precariedade da rede de abastecimento da comunidade. Cabe
salientar ainda que a comunidade não optou pela adesão à
prestação destes serviços pela
Copasa, como constou da última consulta pública realizada,
porém é unânime em reconhecer que é importante que haja
uma administração “formal” dos
recursos hídricos.
Copasa
A Secretaria de Meio Ambiente encaminhou ao Copam
pedido dos moradores do bairro
Retiro do Brumado e Conceição de Itaguá para que a Copasa promova o abastecimento
no Retiro do Brumado.
Tanto a comunidade, quanto
a Copasa, Odebrecht (empresa
Reservatórios na Fazenda do Tanque que abastecem as duas comunidades
que está promovendo a ampliação do Complexo Rio Manso,
em Brumadinho), secretaria e
o prefeito Brandão, concordam
que o mais importante neste
momento é o abastecimento
da comunidade.
Este abastecimento aliado
à instituição de uma associação para cuidar dos serviços
de abastecimento, inclusive
cobrando por estes serviços,
deve melhorar os problemas
de falta de água na cidade.
“Não podemos deixar de fazer
um bom trabalho de educação
ambiental junto à comunidade,
uma vez que o desperdício é
um fator diretamente relacionado à escassez de água”,
avaliou Alessandra.
Novo poço
Um novo poço perfurado no
bairro Retiro do Brumado está
produzindo algo em torno de
10 litros de água por segundo.
Agora, este poço deve ser equipado e uma rede de distribuição
construída nos próximos 45
dias, conforme previsto em uma
reunião realizada entre Alessandra, Copasa e Odebrecht.
O volume é muito significativo e vai ajudar em muito no
abastecimento. Após a servidão de água para o Retiro do
Brumado pela Copasa, o volume captado por este poço deve
ser destinado para Conceição
de Itaguá, compondo o volume
de água captada na Fazenda
do Tanque.
“Todas estas medidas visam
promover melhorias no abastecimento, mas temos que entender
que ainda existe uma cultura de
desperdício por parte das pessoas. Contamos sempre com
o apoio da Copasa, Odebrecht
e da Prefeitura de Brumadinho,
através do prefeito Brandão,
para ajudar nossa comunidade
na resolução destes problemas”,
ressaltou Alessandra.
Após amargar o pior Índice
de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) da região em
2012, o município de Mariana
com muito trabalho e fortes investimentos do governo Celso
Cota, recupera o rendimento da
educação. Em uma escala de
0 a 10, o município de Mariana
atingiu 5,4 pontos na avaliação
do 5º ano do ensino fundamental, de acordo com o resultado
do Ideb 2013, divulgado pelo
Ministério da Educação. Com
essa nota, Mariana supera a
média nacional (5,2) e ainda já
apresenta resultados previstos
para serem alcançados apenas
em 2017.
O resultado foi comemorado pelo prefeito Celso Cota, que
colocou como uma das metas
de governo a recuperação da
qualidade do ensino público
de Mariana. Para ele, é preciso
continuar investindo e não se
acomodar com os resultados.
“Nossa educação cresceu
muito. É determinante, porque
qualquer caminho que tomamos para o desenvolvimento
da nossa cidade passa pela
educação. É uma área que é
prioridade e nós estamos demonstrando isso”, afirma.
A secretária de Educação,
Beth Cota, atribuiu o mérito
dessa conquista a toda a
equipe educacional. “Todo
esse resultado é fruto das
ações que estamos realizando. Trabalhamos muito com
o professor também, valorizando esses profissionais e
resgatando a autoestima. Eles
tiveram papel importantíssimo
para alcançarmos esses números. Tudo isso conta muito”,
avaliou a secretária.
PMM
Mariana
PMNL
Nova Lima
O resultado foi comemorado pelo prefeito Celso Cota
Gestão eficiente
Encontros de capacitações, consultoria administrativa e pedagógica, plano de
carreira para os professores,
investimento em material escolar e na infraestrutura das
escolas (incluindo aquisição
de mesas, cadeiras e quadros), alinhamento curricular,
reforço escolar com a equipe
do Programa de Intervenção
Pedagógica (PIP) e ampliação
do programa para alunos do
6º ao 9º são algumas ações
realizadas pela prefeitura que
explicam o bom resultado na
educação de Mariana.
Destaque no Ideb
Entre todas as unidades
participantes da avaliação
em Mariana, a escola muni-
cipal de Passagem alcançou
a maior nota: 6,0. De acordo
a diretora Ana Paula Veisack,
o trabalho desenvolvido diariamente na unidade escolar
com professores, pedagogos
e demais funcionários, contribui expressivamente para
o crescimento educacional.
“Em nossa escola desenvolvemos diversos projetos, entre eles o plano
pedagógico com a matriz
que começamos a trabalhar no ano passado, com
professores fantásticos que
acompanham de verdade
os alunos e analisam os
exercícios aplicados em sala
de aula, e com a união que
temos entre o administrativo
e o pedagógico. Esses são
os grandes diferenciais da
nossa unidade e de toda
cidade de Mariana”, disse
Ana Paula.
ra você e sua família
pa
as
ad
nt
ie
or
as
ic
fís
es
ad
Ativid
Escolha já a sua e venha se mexer
Natação
Hidroginástica
Judô
Voleibol
Musculação
Futebol
Condicionamento Físico
O trabalho será realizado com
icos
supervisão de educadores fís
Associação Cristã de Moços em Minas Gerais
Rua Tietê, nº 292 - Caiçara - BH/MG
ARLEN14111
Coligação: AVANTE MINAS PTB / SD
Deputado Estadual
SANTIAGO
AMIZADE
E
TRABALHO
www.arlensantiago.com.br
arlen.santiago
arlen_santiago
@deputadoarlensantiago
arlensantiagooficial
CNPJ: 20.565.393/0001-98 valor: R$650,00
EDIÇÃO DO BRASIL
10
G E R A L
Gil Leonardi
Alberto P. Coelho: “O governo de Minas
aporta R$ 20 milhões nesta obra”
geração de emprego e garantir o
desenvolvimento do município”,
ressaltou.
Intervenção
As obras de ampliação da
Avenida Maracanã contemplam
a construção e a implantação da
via, no trecho entre a Avenida
Benjamim Guimarães e a BR369 (que liga Oliveira a Campo
Belo). Serão executados 64 mil
metros quadrados de pavimentação asfáltica, drenagem profunda e superficial e terraplenagem.
Além disso, a obra contempla 7,6
mil metros de sarjeta, 580 metros
de meio-fio, sinalização viária e
construção de quatro pontes em
estrutura mista sobre o córrego
Maracanã.
O secretário de Estado de
Transportes e Obras Públicas,
Fabrício Torres, que também
participou da cerimônia em
Oliveira, também destacou os
benefícios da intervenção. “Esta
importante obra vai resolver
a situação viária do município
e a questão de drenagem dos
córregos do entorno”, disse.
O Parque das Mangabeiras recebeu o Certificado de Excelência
2014, do site TripAdvisor, premiação
que se baseia nas boas avaliações
e opiniões que o local recebeu dos
seus usuários em 2013. A área verde
está entre os dez melhores parques
do Brasil. A lista inclui Parque do
Ibirapuera (São Paulo), Mangal das
Garças (Belém), Parque Barigui
(Curitiba), Parque Tanguá (Curitiba),
Parque das Dunas (Natal), Parque
Farroupilha – Redenção (Porto Alegre), Parque da Cidade – Sarah Kubitscheck (Brasília), Parque Unipraias
Camboriú (Camboriú) e Parque Moinhos de Vento (Porto Alegre).
Os aspectos mais destacados
no Parque das Mangabeiras foram
a infraestrutura, trilhas, bela vista
da cidade, boa opção para passeio
com a família, espaço de lazer e a
biodiversidade. Das 776 avaliações,
705 classificaram o parque como
excelente e muito bom.
A extensa área verde reúne espaços para a prática de atividades
físicas, lazer, contemplação e piqueniques, além de programações culturais. “O Parque das Mangabeiras é
um dos mais bonitos cartões postais
da capital, recebendo visitantes de
várias regiões do Brasil e exterior.
Só no período da Copa do Mundo,
mais de mil estrangeiros, de 24 países diferentes, estiveram no local.
É importante termos esse retorno
dos visitantes que estão gostando
do espaço e frequentando-o”, disse
o diretor de Parques da Área Sul,
Homero Brasil.
TripAdvisor
É um site de viagens mundial, que
ajuda turistas a organizarem suas viagens, por meio de dicas de viajantes
reais e recursos de planejamento.
Os sites do TripAdvisor formam uma
comunidade de viagens do mundo,
Ass. Parque das Mangabeiras
Parque das Mangabeiras é premiado
como um dos melhores do Brasil
Governador comemora
os 153 anos de Oliveira
O governador Alberto Pinto Coelho visitou o município
de Oliveira, no Centro-Oeste
de Minas, que completa 153
anos de emancipação política
e administrativa. Na ocasião, o
governador assistiu a um desfile
cívico-militar, que contou com a
participação das forças militares
e de alunos de diversas escolas
da cidade.
Durante a solenidade de comemoração do aniversário do
município, o prefeito de Oliveira,
João Batista de Sousa, assinou
ordem de início para as obras
de ampliação da Avenida Maracanã. A intervenção vai contar
com R$ 20,3 milhões de investimentos, sendo R$ 20 milhões
do governo de Minas e cerca de
R$ 300 mil de contrapartida da
prefeitura.
Alberto Pinto Coelho destacou a importância das intervenções na avenida para a cidade
de Oliveira e integração de
forças entre o Estado e os municípios. “O governo de Minas
aporta nesta obra R$ 20 milhões
para que esta obra possa se
tornar realidade. Este é mais um
fruto da forte parceria entre o
Estado e os municípios”, disse.
O prefeito de Oliveira, João
Batista de Sousa, ressaltou
que o município conta com o
constante apoio do governo de
Minas, que já permitiu ações em
áreas como saúde e segurança.
João Batista também destacou
a importância da ampliação da
Avenida Maracanã.
“É uma grande alegria para
nós, oliveirenses, comemorar os
153 anos da nossa cidade com o
governador podendo presenciar
a assinatura da ordem de início
desta obra, que, certamente, vai
entrar para a história da cidade.
Esta intervenção vai permitir
EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Um dos aspectos destacados foi a infraestrutura
com aproximadamente 280 milhões
de visitantes por mês e 170 milhões
de avaliações e opiniões. Os sites
operam em 44 países em todo o
mundo.
O Parque das Mangabeiras
Localizado ao pé da Serra do
Curral, patrimônio cultural de Belo
Horizonte, o Parque das Mangabeiras, projetado pelo paisagista
Roberto Burle Marx, conserva em
sua área de 2,8 milhões de metros
quadrados 59 nascentes do Córrego
da Serra, que integra a Bacia do Rio
São Francisco.
O parque possui roteiros para
diferentes tipos de atividades. No
Roteiro da Mata é possível conhecer
um pouco mais da vegetação de
Cerrado, Mata Atlântica e Campo,
passando pelo Viveiro da Mudas
Nativas, Centro de Educação Ambiental (Ceam), Mirante da Mata e
Morro do Pic-Nic/Vale dos Quiosques. Para as atividades recreativas
e esportivas, a Rota do Sol conta
com as Ilhas do Passatempo, Pista
de Skate, Praça do Britador, Parque
Esportivo e Ciranda dos Brinquedos.
Já as nascentes e cursos d’água,
que formam a bacia do Córrego da
Serra, podem ser observados no
Roteiro das Águas, integrado pelo
Recanto da Cascatinha e pelo Lago
dos Sonhos.
A flora apresenta vegetação
nativa composta de exemplares típicos de campo, como bromélias e
canelas-de-ema, de Cerrado, como
barbatimão e pequi e vestígios da
Mata Atlântica, como o jequitibá e
o pau d’óleo, além de outras espécies, como jacarandá, sucupira do
cerrado, pau-de-tucano, aroeira, corticeira, pau-ferro, candeia, caviúna,
pau-santo e gabiroba.
A fauna é composta por 29 espécies de mamíferos, como esquilos,
gambás, tapitis, micos, tatus, quatis,
160 espécies de aves, entre elas andorinhas, bico de veludo, cambacicas,
marias-pretas, sanhaços, caras sujas,
azulões e pica-paus, 20 espécies de
répteis e 19 anfíbios, como a rã Hylodes uai, que tem em seu nome uma
homenagem a Minas Gerias.
11
C I D A D E S
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Montes Claros
PAU LO C E SA R P E D R O SA
Município adquire alimentos de
agricultores para merenda escolar
[email protected]
QUEM SABE, SABE
Advogado & Jornalista
Fábio Marçal/PMC
SUCESSÃO NA ACMINAS
Jornalista, relações públicas, bacharel em
Direito pela UFMG, escritor e empresário do setor
de Comunicação Social, Lindolfo Coelho Paoliello
foi indicado como candidato oficial à Presidência
da ACMinas no biênio 2015/2016. A decisão foi
tomada após deliberações da diretoria executiva
da ACMinas e comunicada pelo atual presidente,
Roberto Luciano Fagundes, durante a reunião
semanal da diretoria e associados.
ACMinas
EDIÇÃO DO BRASIL
II FORUM CNTUR
Ruy Muniz: “Estamos comprando R$ 2,8 milhões de oito produtores em 2014”
A Prefeitura de Montes Claros realizou sessão
pública para abertura dos envelopes do chamamento
público nº 006/2014 que tem como objeto credenciar
grupos de pequenos produtores rurais, ou agricultores
individuais, para aquisição de alimentos que serão
utilizados na confecção da merenda escolar no 2º
semestre do ano letivo de 2014 e no 1º semestre
do próximo ano dos mais de 32 mil alunos da Rede
Municipal de Ensino de Montes Claros.
A compra faz parte do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e, de acordo com o edital
do processo, os vencedores da licitação deverão
fornecer 34 itens alimentícios como mandioca (45 mil
kg), beterraba (15 mil kg), alface (6.250 kg), brócolis
(3.750 mil kg) e milho verde (300 mil espigas). A estimativa é que sejam gastos cerca de R$ 2,8 milhões
com a aquisição dos alimentos que, provavelmente,
serão comprados de oito pequenos produtores que
participaram da sessão pública e que ainda terão sua
documentação analisada.
O prefeito Ruy Muniz reforçou a vontade do município de adquirir os alimentos que serão utilizados na
produção da merenda junto aos pequenos produtores
do entorno de Montes Claros. “Estamos comprando
R$ 2,8 milhões de oito produtores em 2014. Em 2015,
queremos comprar mais, de mais pessoas”, afirmou.
Ainda de acordo com o prefeito, a modalidade de
compra escolhida pela prefeitura dá oportunidade aos
pequenos produtores de vender para a Administração
Municipal. “Dá chance para todos, sem privilegiar ninguém”, concluiu, após frisar que os licitantes devem
comprovar a situação de pequeno produtor.
A produtora rural Maria Tide Pereira Fonseca estava presente à sessão pública realizada na sala Geraldo
Freire. Proprietária de uma área de 16 hectares, em
São João da Lagoa, onde cultiva alface, couve e cebolinha, a agricultora não pôde se credenciar, pois não
portava a documentação exigida, mas promete voltar
a participar dos processos de compra da prefeitura
assim que organizar sua documentação.
O produto rural Adail dos Reis Lima planta milho
verde, quiabo, alface, abóbora, cenoura e beterraba
em sua propriedade de 12 hectares, localizada em
Peri-Peri. Assim como Maria Tide, pela primeira vez
tenta vender seus produtos para a Prefeitura de
Montes Claros.
Mais informações pelos telefones: (38) 3229-3080
ou 3229-8370.
Betim
Secretários de Estado visitam
unidade do Cismep na cidade
Sede do Consórcio Intermunicipal de
Saúde do Médio Paraopeba (Cismep)
Vacina
O Cismep
As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do município estão disponibilizando vacina gratuita contra
Hepatite A para crianças de até 2 anos de idade. O
intuito da medida, adotada pelo Ministério da Saúde
em todo o país, é imunizar mais de 3 milhões de
crianças. Com isso, a vacina, que antes era disponibilizada apenas na rede privada de saúde, passou
a fazer parte do Calendário Nacional de Vacinação
do Sistema Único de Saúde (SUS).
Em Betim, cerca de 1.650 crianças já foram vacinadas nos meses de julho e agosto. Para receber
a dose única da vacina, os pais ou responsáveis
devem levá-las a UBS mais próxima de onde residem, portanto o cartão de vacinação dos pequenos.
O Cismep é público e mantido pelo Sistema
Único de Saúde (SUS), em parceria com os municípios participantes. O objetivo é desenvolver um
conjunto de ações e serviços que complementem a
assistência à saúde da população.
Em 2005, o Cismep iniciou a prestação de
serviços para as cidades - atualmente, é composto
por 23. São elas: Betim, Brumadinho, Bonfim, Contagem, Crucilândia, Esmeraldas, Florestal, Ibirité,
Igarapé, Itaguara, Itatiaiuçu, Itaúna, Juatuba, Mário
Campos, Mateus Leme, Onça do Pitangui, Piedade
dos Gerais, Piracema, Pitangui, Rio Manso, São
Joaquim de Bicas, São José da Varginha e Sarzedo.
4566
Bonifácio
Federal
CONTRATANTE: 20.573.850/0001-96
COLIGAÇÃO A VEZ DE MINAS
DEM / PSDB / PP / PR / PSD / SD
CONTRATADO: 02.456.552/0001-34
Veiculação: R$ 360,00
Andrada
facebook.com/Dep.BonifacioAndrada
SUS
O ministro da Saúde, Arthur Chioro, anunciou que o Sistema Único de Saúde (SUS) passará
a vacinar contra a hepatite A. A primeira campanha é dirigida a três milhões de crianças de 1 a
2 anos de idade, e o objetivo é imunizar pelo menos 95% delas. De acordo com o ministério,
cerca de 1,2 milhão de doses foi enviado aos estados. Os primeiros a oferecer a vacina são
Distrito federal, Goiás e Rio Grande do Sul, mas, paulatinamente, ao longo de agosto as demais
unidades da federação começarão a vacinação.
CANAL ABERTO
Operação mãos limpas. A editora Record
acaba de comprar os direitos de publicação no
Brasil do próximo livro de Umberto Eco, o grande escritor italiano de 82 anos.“Número zero”
se passa na redação de um jornal da Itália em
1992. O pano de fundo é a Operação Mãos Limpas, que levou políticos influentes e empresários poderosos para o banco dos réus.
Depois das eleições. A presidente Dilma
só vai decidir o sucessor de Joaquim Barbosa
no STF em novembro, após as eleições, com
o Senado funcionando para sabatiná-lo. A presidente acha que não pode deixar seu indicado
“na chuva” por muito tempo.
Cismep
Com o intuito de apresentar a importância dos
consórcios na estrutura operacional das redes de
atenção à saúde, foi realizada, no dia 19, uma reunião temática na sede do Consórcio Intermunicipal
de Saúde do Médio Paraopeba (Cismep).
Participaram do encontro o prefeito de Betim e
presidente do Cismep, Carlaile Pedrosa, as comitivas das secretarias de Estado de Saúde do Espírito
Santo, de Goiás, do Mato Grosso e do Rio de Janeiro, além de representantes do Conselho Nacional
dos Secretários de Saúde (Conass).
De acordo com o prefeito Carlaile Pedrosa, o
Cismep é, hoje, referência em saúde para mais de
23 municípios mineiros. “Precisamos reconhecer a
importância dos consórcios na garantia do acesso
aos serviços de saúde. Em 2005, no meu segundo
mandato como prefeito de Betim, investi e apostei
no Cismep porque sabia que a população colheria
bons frutos com essa iniciativa. Desde então, o
consórcio vem prestando um excelente atendimento”, ressaltou.
De Meio Ambiente e Turismo Sustentável no Brasil reunirá em 30 de setembro os principais
experts no assunto. A sustentabilidade de um destino Turístico é alcançado através da qualidade e isso inclui, entre outros fatores, respeito ao meio ambiente, promovendo sua viabilidade
econômica, ambiental e social. Os destinos ou empreendimentos que investem no turismo
sustentável geram trabalho e renda não somente hoje, mas, principalmente, para as gerações
futuras. Para alcançar o sucesso e promover o desenvolvimento sustentável é preciso planejar,
implementar e agir. Com essa preocupação, foi criado o Fórum CNTUR de Meio Ambiente e
Turismo Sustentável que em 2014, chega à sua segunda edição. No ano passado, a gestão
ambiental e sustentabilidade no turismo foi duplamente debatida. Para o evento desse ano, foram
convidados outros especialistas na área de sustentabilidade como o presidente da Associação
Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva (Anepe) -, Sr. Hélcio Honda, que irá abordar o tema
Pesca Esportiva e seus reflexos na preservação ambiental e no incremento do turismo brasileiro.
Supersimples vai beneficiar mais 450 mil
empresas. A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que altera o Simples Nacional e amplia
o leque de profissões beneficiadas com a simplificação de impostos. Aprovado no mês passado
no Congresso, o texto atualiza a Lei geral da
Micro e Pequena Empresa e permite a inserção
de mais de 450 mil empresas que faturam até
R$ 3,6 milhões por ano no regime de tributação simplificado. Dilma disse que para micro e
pequenos empresários, a mudança representa
verdadeira reforma tributária.
Destruição da floresta aumentou 29%
em 2013. Uma área quase cinco vezes maior
do que a cidade do Rio de Janeiro foi destruída na Amazônia Legal entre agosto de 2013 e
junho de 2013. Os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe)
mostram que a devastação da mata foi de 29%
maior do que no período anterior. Trata-se do
primeiro aumento do índice nos últimos quatro
anos. Ambientalistas temem que o desmatamento ganhe novo pique a partir de agora. Segundo o mapeamento, 5.891km da cobertura
florestal foram derrubados, comparados aos
4.571km desaparecidos entre 2011 e 2012.
O aumento do desflorestamento já havia sido
diagnosticado em um documento prévio, em
novembro do ano passado.
Juventude móvel. As crianças e adolescentes internautas do país – estimadas em
cerca de 28,8% milhões de pessoas – estão
fazendo um uso mais móvel e privado da rede.
É o que aponta a pesquisa nacional TIC Kids
2013, divulgada pelo Centro de Estudos sobre
as Tecnologias da Informação e da Comunicação (Cetic.br). De acordo com o levantamento
que avalia os hábitos digitais de usuários entre 9 e 17 anos, o acesso à rede pelos jovens
com celulares mais que dobrou no ano passado, saltando de 21% em 2012, para 53%. Da
mesma forma, o quarto de dormir já é o espaço
de conexão para 57% deles. Com a tendência,
afirmam especialistas, crescem também os desafios de pais na mediação do uso da tecnologia pelos filhos.
Preço diferente para compra em cartão.
Após muita polêmica e discussão, o Senado
aprovou projeto de decreto legislativo que permite a diferenciação de preços nas compras em
dinheiro (à vista) e aquelas feitas com cartão de
crédito. Atualmente, o preço tem de ser o mesmo, apesar de as transações com cartão de
crédito embutirem a taxa de serviço das operadoras. A proposta do senador Roberto Requião
(PMDB-PR) suspende a resolução 34/1989, do
extinto Conselho Nacional dos Direitos do Consumidor (CNDC), que impede os comerciantes
de diferenciarem os preços conforme o meio de
pagamento. O texto foi aprovado em votação
simbólica e, agora analisado pela Câmara.
Boa Esporte está chegando. Das últimas
sete rodadas da série B, o Boa esporte conseguiu 17 pontos dos 21 disputados. É o melhor
time da segunda divisão da Série B depois da
Copa do Mundo. Faltando 13 rodadas se não
der nem uma zebra o Boa Esporte, da hospitaleira cidade de Varginha volta para a série A do
Campeonato Brasileiro. Estamos torcendo.
Pouco político. E o Santander, hein! Quanto mais o banco mexe, mais fede esta história do
relatório sobre os reflexos da reeleição de Dilma
na economia. Ao demitir os autores, o Santander, depois que a presidente ameaçou tomar
atitude “bastante clara”, apanhou por ceder ao
governo. Agora, o banco nega a pressão oficial.
Diz que a demissão foi pela quebra de uma norma interna “que impede a manifestação política
neste tipo de documento”.
PROTEJA NOSSAS CRIANÇAS. EM CASO DE VIOLÊNCIA, DENUNCIE. TELEFONE: 0800-311119
Cartas, críticas, convites e sugestões enviar para a redação do Edição do Brasil. Av. Francisco Sá, 360, CEP: 30.411-145, BH, MG.
12
As mudanças pretendem deixar o
esporte mais dinâmico e atrativo
Rafael D’Oliveira
Felipe de Jesus
Quando outubro chegar, o
basquete terá uma série de
mudanças em suas regras. As
principais alterações anunciadas
pela Federação Internacional de
Basquete (Fiba), passam a valer
para todas as competições que
serão iniciadas a partir do dia 1º
do mês. Elas dizem respeito ao
rebote ofensivo, faltas técnicas,
números nos uniformes e os
tempos concedidos. A intenção
da entidade é deixar o esporte
ainda mais dinâmico e trazer
mais disciplina ao jogo.
A primeira alteração atinge
o rebote ofensivo e é a que traz
maior mudança. Antes, ao errar
um arremesso no ataque e conseguir o rebote ofensivo, a equipe
tinha 24 segundos de posse de
bola. Agora, o time terá apenas
14 segundos para definir o ataque seguinte. A regra não muda
o rebote defensivo, que segue
Coordenadora de arbitragem
Karla Gonçalves: “Essas
mudanças agregam muito”
com os 24 segundos.
Para o pivô da equipe
do Minas, Shilton, a modificação é interessante,
mas não será fácil de se
adaptar. “Já treinamos com
essa nova situação. Ela requer
muito treino. Não será fácil se
adequar, porém acho interessante, pois realmente dá mais
dinamismo ao jogo e obriga os
pivôs a acelerarem mais o passe
quando eles pegarem o rebote.
Só vamos assimilar isso com
muito treino”, diz.
Além disso, as faltas técnicas também tiveram mudança.
Antes, a falta técnica contava
como uma falta pessoal e dava
ao time que a sofreu o direito de
bater dois lances livres e ter nova
posse de bola. O jogador só era
excluído da partida caso cometesse duas faltas antidesportivas.
Agora, o jogador que receber
duas faltas técnicas está automaticamente expulso. E quem
sofrer a falta terá um lance livre,
seguido de nova posse de bola.
Para a coordenadora de
arbitragem da Federação Mineira de Basquete (FMB), Karla
Cristina Gonçalves, isso deixa o
jogo mais parecido com a NBA,
liga americana de basquete que
é a mais disputada do mundo.
“Essas alterações agregam
muito e deixam o esporte mais
competitivo e bem visto pelo
público. Quem for aos ginásios
acompanhar as equipes verá
um jogo mais dinâmico, com
grupos que jogam visando o curto tempo. Acredito que isso vai
atrair mais público, as pessoas
assistem muito a NBA, o esporte
no Brasil também é bom e essas
modificações vão associar mais
com a liga americana e torná-lo
mais atrativo”, acredita.
O critério de numeração
dos jogadores também mudou.
Agora, a Fiba libera o mesmo
sistema da NBA. Todos os times
podem usar numerações de 0 a
00 e de 1 a 99.
A última mudança se refere
ao tempo concedido. Na primeira
etapa da partida, cada equipe poderá pedir dois tempos. Na etapa
final, cada time terá três pedidos
de tempo, sendo que cada equipe só pode pedir no máximo dois
tempos nos últimos dois minutos
de jogo. Se houver prorrogação,
um tempo será debitado para
cada time.
Itabirito se consagra como
a cidade do esporte radical
A Copa Minas Gerais de Motocross retornou à cidade de origem.
O Córrego do Bação, distrito de
Itabirito, recebeu cerca de 15 mil
visitantes que puderam acompanhar de perto o esporte, realizado
em dois dias de competição.
Para marcar o retorno do torneio à Itabirito, a prefeitura agendou o GP para o mês de setembro,
quando a cidade comemora os 91
anos de emancipação política. “A
Copa veio para abrilhantar ainda
mais a programação do aniversário da cidade. Pela primeira vez,
Itabirito recebeu um evento de
tamanha importância dentro do
cenário do MotoCross. Queremos
oferecer cada vez mais atividades
para a população e ainda incentivar os atletas da cidade que
praticam a modalidade”, garantiu
o prefeito Alex Salvador.
O organizador do evento e
presidente do Moto Clube Cassios
Racing, Cássio Marques, é itabiritense e não escondeu o orgulho
de trazer a prova novamente para
casa. “Há quatro anos realizei uma
pequena prova de Motocross em
Itabirito. Hoje, a Copa Minas Gerais de Motocross é considerada
a maior competição do gênero
a nível nacional, com categorias
profissionais, grandes nomes do
esporte e a maior premiação do
país. Além disso, contamos com
um público fiel. É muito bom saber
que a cidade abraçou e se identifica com esta ideia”, revelou.
Além de incentivar a modalidade na cidade e proporcionar
à comunidade um esporte de
alto rendimento, a realização do
Motocross aqueceu o comércio
regional. É o que afirma Bruno
Ferreira Queiroz, proprietário da
empresa de artigos esportivos
Skull Racing. “Notei uma maior
procura dos atletas à loja, que
fornece produtos para esportes em
duas rodas. Motociclistas de todo
o país participaram do Motocross
e poder divulgar a minha marca,
que é de Itabirito, com certeza é
um fator muito importante para o
crescimento da loja”.
E o crescimento da demanda
esportiva não para de surpreender a comunidade e também os
lojistas. Em apenas 20 meses de
governo, 26 eventos esportivos
foram realizados no município. O
secretário de Esportes e Lazer,
Alessandro Massaini afirmou que
Itabirito já é reconhecida como “a
cidade dos esportes”.
De volta a Itabirito, o evento reafirmou o compromisso e o carinho
pela cidade. Durante os dois dias
de competição, foram arrecadados
4.800 kg de alimentos não perecíveis, destinados a entidades do
município, por meio da Secretaria
de Assistência Social.
Provas
Seis provas marcaram o primeiro dia da Copa Minas Gerais de
Motocross. A competição conheceu
seu primeiro campeão na temporada 2014, com o título antecipado
do piloto paulista Gustavo Beazim,
na categoria Intermediária. Já
no domingo, os irmãos paulistas
Marcello Lima (Ratinho) e Eduardo
Lima (Dudu) ganharam as corridas
nas categorias gerais da MX1 e
da MX2, respectivamente. Dudu,
que conquistou com 141 pontos o
primeiro lugar de sua categoria no
campeonato, revelou que a pista
de Itabirito o atraiu bastante por ser
“bem técnica”.
O representante de Itabirito,
Rodrigo Senem, desbravou o 5º
lugar na categoria MX3 na última
volta, ultrapassando Valdinei Marcolin, para garantir seu lugar na
competição. Mas quem dominou
o pódio nesta categoria foram às
mulheres. Mariana Balbi ficou com
o primeiro lugar e Stefany Serrão
conquistou o segundo.
Jefferson Coelhinho
Basquete ganha
novas regras
Divulgação
E S P O R T E
EDIÇÃO DO BRASIL
27 de setembro a 4 de outubro de 2014
Pegando rebote
Aproveitando a deixa, o jornal
Edição do Brasil convida seus
leitores a acompanhar o Campeonato Mineiro de Basquete,
na categoria adulta masculino. A
tabela completa da competição
você encontra no site da FMB:
basketmg.com.br
Fifa contraria orientação
da CBF sobre bola na mão
jogadores. O chefe de arbitragem
da entidade máxima do futebol,
Massimo Busacca, fez questão
de ressaltar que os juízes da
Confederação Brasileira de Fu-
Divulgação
A Fifa condenou os critérios
que vêm sendo utilizados pelos
árbitros brasileiros para marcarem pênaltis quando as bolas
atingem a mão ou o braço dos
Este lance é um assunto discutido mundialmente
tebol (CBF) não estão agindo de
acordo com o que a organização
sediada na Suíça orienta.
“Um jogador precisa de sua
mão e de seu braço para correr,
se equilibrar e saltar. Não se
pode jogar sem a mão. O árbitro
precisa fazer a leitura correta
do lance”, ressaltou Busacca,
segundo o jornal O Estado de
S. Paulo.
“Não se pode dar falta a
qualquer toque na mão. Isso
é um absurdo. O árbitro deve
ver se a mão estava no local de
forma natural ou não-natural”,
completou o ex-árbitro da Uefa,
que explicou a regra.
“Tem que ser avaliado se
o toque (da mão na bola) foi
intencional ou não. Quando um
jogador tenta fazer seu corpo
maior usando a mão, isso deve
ser punido. O juiz não pode só
pensar como juiz e aplicar o que
está escrito. Preisa se colocar no
lugar do jogador para entender o
movimento”, ensinou.
Prefeito Alex Salvador prestigiou a Copa de Motocross em Itabirito
Somos todos iguais
N
ovamente mais um
episódio lamentável manchou a história do
futebol brasileiro. O reencontro entre a torcida gremista
e o goleiro Aranha mostrou
que o fato ainda não está tão
esquecido assim. Para quem
não se lembra em partida
válida pelas quartas de final
da Copa do Brasil, o Grêmio
foi derrotado pela equipe dos
Santos pelo placar de 2 a 0,
e em plena Arena Grêmio,
em Porto Alegre, o goleiro foi
alvo de ofensas racistas de
alguns torcedores gremistas
que o xingaram de “macaco”
e “preto imundo”.
Desta vez, não tiveram
ofensas de cunho racista.
Mas o clima tenso transformou o primeiro tempo em
um verdadeira “panela de
pressão” para o camisa 1,
em duelo pela 22ª rodada do
Brasileiro. O ambiente era tão
hostil que chamou mais atenção do que a bola rolando.
Este assunto voltou a
ser o centro das atenções
no esporte mais popular do
planeta. A verdade é que
muito se fala em racismo,
preconceito, discriminação,
mas afinal, sabemos, de fato,
o que significa o racismo?
O racismo é a discriminação social que tem por base
um conjunto de julgamentos
pré-concebidos que avaliam
as pessoas de acordo com
suas características físicas,
em especial a cor da pele.
Baseada na preconceituosa
ideia de superioridade de
certas etnias, tal forma de
segregação está impregnada na sociedade brasileira e
* Wanderley Paiva
acontece nas mais diversas
situações.
A discriminação racista é
considerada crime pela Constituição Federal que apresenta
diversas formas de punição
para estes casos. Posto que
o crime representa o ódio ou
aversão a todo um grupo, o
racismo é um delito de ordem coletiva, que ataca não
somente a vítima, mas todo
o ideal de dignidade humana. O racismo e preconceito
estão presentes nos estádios,
seja no nosso continente ou
não, simplesmente por que
eles estão intrínsecos na
sociedade. Quem frequenta
as arquibancadas são indivíduos que fazem parte desta
organização fadada ao insucesso. Em verdade, enquanto
sociedade, não aprendemos
a conviver uns com os outros.
Em qualquer esfera, não
importa qual, não sabemos
respeitar diferenças, não
sabemos respeitar o próximo.
Se hoje o futebol é responsável por difundir esta
triste prática é porque vivemos numa sociedade de
muita hipocrisia que reforça
determinados padrões estéticos e morais, sobretudo, não
eliminou as feridas abertas
por séculos de exploração
econômica colonial fundamentalmente apoiadas em
práticas escravistas e de
superexploração laboral.
O racismo, dentre outras
discriminações, é um produto
social e sua prática somente
não irá ocorrer quando não
for mais relevante a diferença
e quando não se ensinar a
discriminar.
As condutas racistas estão longe de acabar, seja
no futebol ou na sociedade
brasileira, porém a busca por
uma sociedade autônoma
e democrática não permite
que um ideal de igualdade
racial deixe de ser desejado.
A situação de desrespeito
não é diferente dentre ou
fora das quatro linhas, mas o
futebol propicia pensar uma
série de questões que são
mascaradas ao se olhar para
a sociedade brasileira como
um todo.
O racismo pode estar
presente em qualquer tipo
de ambiente: no trabalho, na
rua ou até mesmo em meio a
pessoas próximas. Por isso,
torna-se importante salientar
que todas as formas de ocorrência do preconceito devem
ser notificadas, sejam elas
nítidas ou discretas. Além de
ser um direito, é dever de todo
cidadão denunciar esse tipo
de ocorrência.
Imperioso registrar que
quantia alguma paga uma humilhação pública ou ofensas
a uma etnia. Nada compra a
honra e o orgulho de um ser
humano. Aranha, e tantos
outros jogadores, árbitros,
técnicos e dirigentes, negros
ou brancos, poderiam ser o
começo de uma reviravolta
contra a ignorância de uma
sociedade doente.
* Desembargador do TJMG e Bacharel em Comunicação Social – Jornalismo
Fly UP