...

Programa de Bolsas de Extensão - PROBEX

by user

on
Category: Documents
1

views

Report

Comments

Transcript

Programa de Bolsas de Extensão - PROBEX
Programa de Bolsas de Extensão - PROBEX
A) Natureza do Programa
O Programa de Bolsa de Extensão concede bolsa, com valor a ser definido anualmente pela
Reitoria, para discentes dos cursos de graduação da Universidade de Santa Cruz do Sul
desenvolverem atividades de extensão de até 20 horas semanais, sob a orientação de
professor da instituição.
As bolsas do Programa de Bolsa de Extensão (PROBEX) serão concedidas sob forma de
redução dos encargos educacionais do acadêmico bolsista e darão direito a certificado emitido
pela Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias. O valor a ser disponibilizado
anualmente para o Programa será divulgado em edital específico.
O Programa aloca bolsas observando o limite de orientação que não deve ultrapassar a
totalidade das horas relativas a dois bolsistas integrais por professor. Um bolsista integral é
equivalente a 20 horas semanais. Pedidos de liberação acima desse limite poderão ser
analisados e recomendados pelo Comitê Assessor de Avaliação à Pró-Reitoria de Extensão e
Relações Comunitárias e concedidos de acordo com a disponibilidade de recursos e critérios
estipulados em cada edital.
B) Objetivos
a) viabilizar a participação de alunos de graduação no processo de interação entre
universidade e comunidade através de atividades acadêmicas que contribuam para sua
formação profissional;
b) possibilitar a construção de conhecimentos a partir da articulação entre teoria e prática;
c) intensificar a integração do trabalho docente e discente na prática da extensão;
d) articular as atividades de extensão, pesquisa e ensino de graduação e pós-graduação;
e)incentivar a criação e institucionalização de grupos multidisciplinares e interdisciplinares.
C) Condições para solicitação de bolsa
Para o orientador do bolsista:
a) possuir projeto de extensão aprovado pelo Conselho de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão
e Relações Comunitárias;
b) estar em dia com suas obrigações junto à Pró-Reitoria de Extensão e Relações
Comunitárias;
c) possuir regime de trabalho de, no mínimo, 20 horas semanais.
Para o bolsista:
estar inscrito no Programa de Bolsas de Estudo da UNISC;
apresentar registro de matrícula em curso de graduação, com bom desempenho
acadêmico comprovado pelo histórico escolar;
não possuir outro tipo de bolsa na Universidade e dispor de tempo livre para o adequado
desempenho de suas atribuições como participante do projeto de extensão;
em caso de ser formando no ano da solicitação da bolsa, não exceder o limite de créditos
restantes para a conclusão do curso.
D) Documentação necessária para inscrição
Do orientador do bolsista:
a) projeto de extensão aprovado pelo Conselho de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e
Relações Comunitárias;
b) plano de trabalho do bolsista vinculado ao projeto de extensão do docente contendo os
seguintes aspectos: título do projeto, objetivos, atividades previstas para o acadêmico,
metodologia do trabalho e cronograma a ser executado.
c) curriculum vitae resumido do orientador (Modelo Lattes/CNPq);
d) ficha de inscrição devidamente preenchida.
Do bolsista:
1.
apresentar comprovante de entrega da documentação exigida para inscrição no Programa
de Bolsas de Estudo da UNISC;
2.
histórico escolar atualizado;
3.
ficha de inscrição devidamente preenchida;
4.
declaração de não possuir outro tipo de bolsa e dispor de tempo livre para o adequado
desempenho de suas atribuições como participante do projeto de extensão. O aluno deve
apresentar compromisso de desistência da bolsa anterior caso ocorra aprovação da
solicitação junto ao Programa de Bolsa de Extensão;
E) Processo de seleção
1.
a seleção dos alunos a serem contemplados com bolsas obedece, primeiramente, à
inscrição no Programa de Bolsas de Estudo da UNISC e a critérios estipulados nos editais
do Programa de Bolsa de Extensão;
2.
a análise das solicitações é realizada pelo Comitê Assessor de Avaliação e a classificação
pela PROEXT;
3.
cabe às unidades a responsabilidade de encaminhar, nas datas previstas pelo edital, as
solicitações devidamente documentadas e de acordo com os critérios estipulados em cada
edital;
4.
cabe à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias a liberação das bolsas de acordo
com os termos deste Programa e especificados em edital aprovado pelo Conselho de
Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Relações Comunitárias;
5.
as solicitações de bolsa apresentadas à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias
sem a adequada documentação serão automaticamente desclassificadas;
F) Critérios para participação no Edital
1.
Mérito acadêmico da extensão, ampliando a participação da Universidade nos diferentes
segmentos da comunidade regional;
2.
Disponibilidade efetiva do docente para a orientação;
3.
Relevância Social do Projeto;
4.
Estar em consonância com as orientações para coordenação/participação em projetos de
extensão aprovadas no CONPPEX;
Critérios gerais de seleção:
- Clareza dos objetivos e da descrição dos itens do projeto;
- Coerência entre objetivos declarados e resultados esperados;
- Viabilidade dos cronogramas propostos;
- Coerência e pertinência em relação às atividades dos alunos e o desenvolvimento do projeto;
G) Apresentação de Relatório e Processo de avaliação
a) o relatório deve ser elaborado, de acordo com modelo fornecido pela Pró-Reitoria de
Extensão e Relações Comunitárias, pelo bolsista ao responsável pela unidade, com assinatura
do orientador do bolsista e com visto da coordenação do projeto. Após aprovação na unidade,
o relatório é encaminhado à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias.
b) o Comitê Assessor de Avaliação analisará o relatório final das atividades do bolsista, em
regime de até 20 horas semanais;
c) o relatório deverá estar inscrito no seminário anual de iniciação científica e jornada de
ensino, pesquisa e extensão.
Os critérios de avaliação do relatório são os seguintes:
a) participação efetiva do bolsista no trabalho;
b) participação efetiva do professor orientador no processo de orientação e acompanhamento;
c) relatório de atividades compatível com o plano de trabalho do bolsista;
d) conteúdo e forma dos relatórios de atividades.
H) Relatórios recusados
a) relatórios não aprovados pelo Comitê Assessor de Avaliação deverão ser encaminhados para
nova análise no período máximo de trinta dias;
b) em caso de nova recusa, o discente fica impedido de realizar inscrições em quaisquer
editais ou modalidades de bolsa pelo período de dois anos;
c) os relatórios de atividades do bolsista recusados pelo Comitê Assessor de Avaliação não
serão computados para efeito de contabilidade de "incapacidade administrativo-pedagógica"
das unidades.
I) Pedidos de renovação
A aprovação de pedidos de renovação fica condicionada à aprovação do relatório anterior das
atividades do bolsista e ao atendimento do Regulamento do Programa de Bolsas de Estudo da
UNISC.
J) Substituições de bolsista
a) a substituição do aluno bolsista é permitida a qualquer tempo de execução do programa.
São motivos de substituição:
- desistência ou desligamento do curso;
- desempenho insuficiente;
- não cumprimento da carga horária;
- outros fatores julgados pertinentes.
b) é responsabilidade da unidade de origem, a pedido do orientador, aprovar e comunicar à
Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias a substituição de bolsista.
c) a substituição dos alunos bolsistas deverá ser realizada observando a listagem de alunos
selecionados semestralmente pela Comissão Permanente de Seleção e Acompanhamento de
Bolsas de Estudo da UNISC.
K) Freqüência do edital
O Programa de Bolsa de Extensão lançará um edital anual de maneira a conciliar a análise dos
pedidos de bolsas com a análise dos projetos e relatórios de pesquisa e extensão pelo Comitê
Assessor de Avaliação.
L) Disposições Finais:
1.
A inscrição no Seminário de Iniciação Científica e Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão
não é avaliada pelo Comitê Assessor de Avaliação mas é um compromisso do bolsista com
a instituição. A ausência do bolsista no seminário caracteriza não cumprimento de suas
obrigações com o Programa de Bolsa de Extensão.
2.
b) A não entrega do relatório pelo bolsista ou a não aprovação pelo CONPPEX implica no
pagamento de multa equivalente a 20% sobre o valor total da concessão de créditos
relativos à bolsa.
Fly UP