...

Auxiliar de Enfermagem - Rio de Janeiro - RJ

by user

on
Category: Documents
1

views

Report

Comments

Transcript

Auxiliar de Enfermagem - Rio de Janeiro - RJ
301
302
Concurso Público - Edital nº 390/2014
Auxiliar de Enfermagem
prova objetiva
Leia com atenção as Instruções
1. Você recebeu do fiscal um cartão de respostas da
prova objetiva e este caderno de questões que contém
40 (quarenta) questões objetivas.
2. É sua responsabilidade verificar se o nome do cargo
informado neste caderno de questões corresponde ao
nome do cargo informado em seu cartão de respostas.
3. Você dispõe de 3 (três) horas para realizar a prova,
incluindo o preenchimento do cartão de respostas.
4. Somente depois de decorrida uma hora do início da prova,
o candidato poderá retirar-se da sala de prova em caráter
definitivo, obrigatoriamente entregando ao fiscal de sala todo
o material de prova recebido.
5. Somente será permitido ao candidato levar seu caderno
de questões quando faltar uma hora para o término do
tempo estabelecido para a prova.
6. É terminantemente vedado copiar respostas, em
qualquer fase do concurso público.
7. Os 3 (três) últimos candidatos de cada sala somente
poderão ser liberados juntos.
8. Se você precisar de algum esclarecimento, consulte o
fiscal.
Somente após autorização para o início da prova:
1. Verifique, neste caderno de questões, se a numeração
das questões e a paginação estão corretas.
2. Verifique, no cartão de respostas, se existem espaços
suficientes para a marcação das respostas de todas as
questões objetivas existentes neste caderno de questões.
3. Transcreva a frase abaixo, utilizando letra cursiva, no
espaço reservado no seu cartão de respostas.
"A persistência é o caminho do êxito." Charlie Chaplin
Cronograma Previsto - Prova Objetiva
Atividade
Início
Publicação das provas objetivas - Internet
Publicação dos gabaritos preliminares das provas objetivas - Internet
Término
30/03/2015
Consulte o cronograma completo em http://concursos.pr4.ufrj.br
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
às portas da morte, de modo que para alcançar o seu
ouvido moribundo, berra: “Aqui, ninguém, a não ser tu,
podia entrar, pois esta entrada era apenas destinada a
ti. Agora, vou-me embora e a fecho.”
LÍNGUA PORTUGUESA
Leia o texto disposto a seguir e responda às
questões de 01 a 10.
KAFKA, F. O Processo. Biblioteca Visão. p. 152-153.
Tradução Gervásio Álvaro. (Fragmento adaptado)
Diante da Lei está um porteiro. Um homem que
vem do campo acerca-se dele e pede para entrar na
Lei. O porteiro, porém, responde que naquele momento não pode deixá-lo entrar. O homem medita e
pergunta se mais tarde terá autorização para entrar.
“É possível”, responde o porteiro, “mas agora não
pode ser”. Como o portão que dá acesso à Lei se encontra, como sempre, aberto, e o porteiro se afasta
um pouco para o lado, o homem inclina-se a fim de
olhar para o interior. Assim que o porteiro percebe
isso, desata a rir e diz: “se te sentes tão atraído, experimenta entrar, apesar da minha proibição. Contudo,
repara: sou forte. E ainda assim sou o mais ínfimo
dos porteiros. De sala para sala, há outros sentinelas,
cada um mais forte que o outro. Eu não posso sequer
suportar o olhar do terceiro.”
1. “Aqui, ninguém, a não ser tu, podia entrar, pois
esta entrada era apenas destinada a ti. Agora,
vou-me embora e a fecho.” As frases que encerram a parábola evidenciam que:
A)o jovem poderia entrar na lei se não tivesse se
curvado diante da primeira dificuldade.
B)o porteiro nunca abriria a porta para um jovem
desconhecido entrar na lei.
C)a passividade submissa do jovem não foi nociva a ele próprio.
D)a ação do porteiro é ilimitada e localizada.
E)o porteiro tinha que ir embora e, por isso gritou
ao ouvido do jovem do campo e fechou a porta.
O camponês não esperava encontrar tais dificuldades, “a Lei devia ser sempre acessível a toda a
gente”, pensa ele. Porém, ao observar melhor o porteiro envolto no seu capote de peles, o seu grande
nariz afilado, a longa barba rala e negra à tártaros,
acha que é melhor esperar até lhe darem autorização
para entrar. O porteiro dá ao jovem um banquinho e o
faz sentar-se a um lado, frente à porta. Durante anos
ele permanece sentado. Faz diversas diligências para
entrar e fatiga o porteiro com os seus pedidos. Às
vezes, o sentinela o submetia a pequenos interrogatórios sobre a sua terra e muitas outras coisas, mas
de uma maneira indiferente, como fazem os grandes
senhores, e no fim, diz-lhe sempre que ainda não
pode deixá-lo entrar. O homem, que se provera bem
para a viagem, emprega tudo, por mais valioso que
fosse, para subornar o porteiro. Este aceita tudo, mas
diz: “só aceito o que me dás para que te convenças
de que nada omitiste.”
2. No trecho “Se te sentes tão atraído, experimenta entrar, apesar da minha proibição.”, é correto
afirmar que:
A)o porteiro incentiva o jovem a entrar porque
não achava correto impedi-lo.
B)o porteiro se compadece do marasmo do
jovem ao banquinho e o incentiva a entrar.
C)o porteiro desafia o jovem a entrar, porque se
sentia superior ao jovem e aos demais porteiros.
D)o porteiro tripudia sobre o jovem, porque sabia
que seria difícil o acesso à lei.
E)o porteiro percebe que a lei atrai o jovem do
campo e percebe que não deveria proibi-lo de
adentrar.
3. O autor lança mão de metáforas, de modo que
os elementos presentes no texto podem ser reinterpretados conforme o olhar do leitor. Assinale a
alternativa que NÃO constitui uma informação ou
possível interpretação do texto.
A)Presença de uma relação contrastiva entre o
porteiro e o jovem do campo.
B)A lei é citada como espaço físico.
C)Mobilização do jovem do campo.
D)O porteiro poderia representar a personificação da burocracia, enquanto o jovem do campo, a personificação da ignorância.
E)O porteiro poderia representar o opressor,
enquanto o jovem do campo, o oprimido.
Durante todos aqueles longos anos, o homem olha
quase ininterruptamente para o porteiro. Esquece-se
dos outros porteiros; parece-lhe que o porteiro é o único obstáculo que se opõe à sua entrada na Lei. Amaldiçoa em voz alta o infeliz acaso dos primeiros anos;
mais tarde, à medida que envelhece, já não faz outra
coisa senão resmungar. Torna-se acriançado e, como
durante anos a fio estudou o porteiro, acaba também
por conhecer as pulgas da gola do seu capote; assim,
pede-lhes que o ajudem a demover o porteiro. Por
fim, a sua vista torna-se tão fraca que já nem sabe se
escurece realmente à sua volta ou se é apenas ilusão
dos seus olhos. Agora, em meio às trevas, percebe
um raio de luz inextinguível através da porta da Lei.
Mas ele já não tem muito tempo de vida.
4. “Torna-se acriançado e, como durante anos a fio
estudou o porteiro, acaba também por conhecer
as pulgas da gola do seu capote; assim, pede-lhes que o ajudem a demover o porteiro.”.
O pronome oblíquo em destaque estabelece
a coesão textual, pois substitui o termo:
A)pulgas.
B)anos.
C)porteiro.
D)torna-se.
E)acriançado.
Antes de morrer, todas as experiências por que
passara durante esse tempo convergem para uma pergunta que, até essa altura, ainda não formulara. Faz
um sinal ao porteiro para que se aproxime, pois não
podia mover o seu corpo já arrefecido. O porteiro tem
de curvar-se profundamente, visto que a diferença das
estaturas se modificara bastante. “Que queres tu ainda
saber?”, pergunta o porteiro. “És insaciável.” “Se todos
aspiram à Lei”, diz o homem, “como é que, durante todos esses anos, ninguém mais, além de mim, pediu
para entrar?” O porteiro percebe que o homem já está
3
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
5. Considere o período a seguir:
“O porteiro tem de curvar-se profundamente,
visto que a diferença das estaturas se modificara
bastante.”.
A conjunção em destaque pode ser substituída, sem alterar o sentido do período, por:
A)uma vez que.
B)de modo que.
C)à medida que.
D)ao passo que.
E)desde que.
REGIME JURÍDICO
11. Mariana está investida em um cargo em comissão na UFRJ, mas não possui vínculo de caráter efetivo com a Administração Pública Federal.
Isso faz com que Mariana, mesmo sendo servidora, tenha algumas restrições aos benefícios
do Plano de Seguridade Social dos servidores.
Considerando essas restrições, o benefício que
Mariana tem direito é:
A)auxílio-natalidade.
B)salário-família.
C)assistência à saúde.
D)aposentadoria.
E)auxílio-funeral.
6. O emprego da crase está corretamente justificado em:
A)[...] mais tarde, à medida que envelhece [...] /
Locução prepositiva feminina.
B)[...] que já nem sabe se escurece realmente à
sua volta [...] / Obrigatória antes de pronomes
possessivos femininos.
C)[...] sentar-se a um lado, frente à porta. /
Expressão adverbial feminina de modo.
D)[...] longa barba rala e negra à tártaros [...] /
Antes de palavra feminina implícita.
E)Às vezes, o sentinela o submetia a pequenos
interrogatórios [...] / Locução conjuntiva.
12. Dona Guilhermina era servidora aposentada da
UFRJ e veio a falecer há duas semanas. Na última sexta-feira, seu esposo, de 72 anos, procurou
a Seção de Pessoal da UFRJ para comunicar o
seu falecimento e solicitar os benefícios garantidos pelo Plano de Seguridade Social do servidor.
Os benefícios que o esposo de Dona Guilhermina
terá direito a receber são:
A)pensão vitalícia e auxílio-funeral.
B)aposentadoria e assistência à saúde.
C)pensão temporária e auxílio-funeral.
D)aposentadoria e salário-família.
E)aposentadoria e auxílio-funeral.
7. Assinale a alternativa em que a regra de regência
verbal é a mesma empregada em: “Esquece-se
dos outros porteiros.”
A)O jovem camponês não precisou o tempo.
B)O porteiro esqueceu a resposta do jovem.
C)O porteiro informou-lhe que não poderia entrar.
D)O jovem lembrou de tudo o que vivera no campo.
E)O porteiro se lembrou de que tinha que ir
embora.
13. Roberta é servidora da UFRJ investida no cargo de Técnico em Tecnologia da Informação.
Recentemente Roberta deu à luz uma criança
e dirigiu-se à Seção de Pessoal da UFRJ para
solicitar os benefícios garantidos pelo Plano de
Seguridade Social do servidor. Os benefícios
que Roberta terá direito a receber em virtude do
nascimento do seu filho são:
A)licença à gestante e assistência à saúde.
B)auxílio-natalidade e assistência à saúde.
C)auxílio-natalidade e salário-família.
D)licença à gestante e auxílio-natalidade.
E)licença à gestante e salário-família.
8. Os vocábulos acriançado e demover são formados,
respectivamente, a partir dos processos de:
A)derivação prefixal e sufixal - derivação prefixal.
B)composição por justaposição - derivação prefixal.
C)derivação parassintética - derivação prefixal.
D)derivação prefixal - derivação sufixal.
E)derivação sufixal – derivação sufixal.
9. “Faz diversas diligências para entrar [...]”; “O homem,
que se provera bem para a viagem, emprega [...]”;
“[...] mover o seu corpo já arrefecido.” As palavras
destacadas poderiam ser substituídas, mantendo o
mesmo valor semântico, por, respectivamente:
A)delongas – munira – encorajado.
B)aplicações – desarmara – desalentado.
C)distrações – desfavorecera – desencorajado.
D)alheações – abastecera – exacerbado.
E)solicitações – guarnecera – esmorecido.
14. Paulo é servidor da UFRJ e, nos últimos doze
meses, faltou quarenta e sete dias, alternadamente, sem apresentar justificativa. Para efeito
de aplicação das regras contidas no regime disciplinar dos servidores públicos federais, considera-se inassiduidade habitual a falta ao serviço,
sem causa justificada, por:
A)cinquenta dias, consecutivamente, durante o
período de doze meses.
B)sessenta dias, interpoladamente, durante o
período de doze meses.
C)trinta dias, interpoladamente, durante o período de doze meses.
D)sessenta dias, consecutivamente, durante o
período de doze meses.
E)trinta dias, consecutivamente, durante o período de doze meses.
10. “Esquece-se dos outros porteiros; parece-lhe
que o porteiro é o único [...]”. O uso do termo destacado sugere que:
A)a próclise revela a natureza informal do texto.
B)a ênclise revela a natureza informal do texto.
C)o pronome oblíquo antes do verbo é facultativo na variedade padrão.
D)o pronome oblíquo depois do verbo é facultativo na variedade padrão.
E)a ênclise revela o caráter normativo gramatical
da construção frasal.
15. Andrea é servidora da UFRJ investida no cargo
de Técnico em Radiologia e cumpre jornada de
trabalho semanal de 24h. Recentemente Andrea
4
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
prestou novo concurso para a UFRJ para o cargo
de Técnico em Farmácia com jornada de trabalho
de 40h semanais. Considerando que Andrea foi
aprovada, classificada e preenche os requisitos
para assumir as responsabilidades do novo cargo, a acumulação com o cargo anterior:
A)não poderá ocorrer, ainda que comprovada a
compatibilidade de horários para o exercício
das atividades dos dois cargos.
B)poderá ocorrer, desde que comprovada a
compatibilidade de horários para o exercício
das atividades dos dois cargos.
C)poderá ocorrer, desde que Andrea opte pela
remuneração de apenas um dos cargos, conforme previsto na Constituição Federal e na
Lei nº 8.112/90.
D)não poderá ocorrer, pois a Constituição Federal e a Lei nº 8.112/90 vedam a acumulação de
cargos em qualquer hipótese.
E)poderá ocorrer, desde que a soma das duas
remunerações não ultrapasse o valor da remuneração percebida pelo dirigente máximo da
UFRJ.
C)saúde física e mental, vestimentas adequadas
para o trabalho e produtividade.
D)responsabilidade, pontualidade, produtividade
e capacidade de concentração.
E)pontualidade, frequência, qualidade do trabalho realizado e produtividade.
19. Pablo é um jovem argentino de 19 anos de idade. Ele prestou concurso para o cargo de Técnico
de Laboratório na UFRJ e obteve aprovação. No
ato da investidura, verificou-se que ele possuía
todos os requisitos estabelecidos em lei, exceto a
nacionalidade brasileira. Nesse caso, Pablo:
A)não poderá assumir as atribuições do cargo para o qual foi aprovado, pois não possui
nacionalidade brasileira.
B)poderá assumir as atribuições do cargo para
o qual foi aprovado, mesmo não possuindo
nacionalidade brasileira.
C)poderá assumir as atribuições do cargo para o
qual foi aprovado, desde que o governo argentino celebre acordo de emprego com o governo brasileiro no âmbito do Mercosul.
D)não poderá assumir as atribuições do cargo
para o qual foi aprovado, mesmo que o governo argentino celebre acordo de emprego com
o governo brasileiro no âmbito do Mercosul.
E)poderá assumir as atribuições do cargo para
o qual foi aprovado, desde que comprove ser
casado com alguém que possui nacionalidade
brasileira.
16. Beatriz ingressou na UFRJ, há oito anos, no
cargo de Técnico em Alimentos e Laticínios. Há
dois meses ela foi convocada para atualizar seus
dados cadastrais junto à Seção de Pessoal da
UFRJ, mas se recusou a realizar tal procedimento, alegando que não havia nada para atualizar
sem, contudo, apresentar os documentos solicitados. Esse comportamento de Beatriz pode condicionar a aplicação da penalidade denominada:
A)suspensão.
B)demissão.
C)exoneração.
D)advertência.
E)destituição.
20. Maria é servidora da UFRJ no cargo de Auxiliar
em Administração há cinco anos. Em 2015, Maria
prestou concurso para o cargo de Assistente em
Administração, também na UFRJ, e foi aprovada
e classificada dentro do número de vagas ofertado no Edital. A investidura de Maria no novo cargo será realizada por meio de:
A)promoção.
B)adaptação.
C)nomeação.
D)aproveitamento.
E)posse.
17. Pedro é servidor da UFRJ no cargo de Técnico
em Restauração e, no mês de janeiro de 2015,
recebeu os seguintes valores em seu contracheque: R$ 2.039,89, referente ao vencimento
básico; R$ 373,00, referente ao auxílio alimentação; R$ 117,92, referente ao auxílio saúde; e R$
141,61, referente ao auxílio transporte. De acordo
com a Lei nº 8.112/90, a soma desses valores,
descontado o Imposto de Renda, se couber, e a
contribuição para o Plano de Previdência Social,
recebe a denominação de:
A)vencimentos.
B)gratificação.
C)remuneração.
D)proventos.
E)salário.
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
21. São medidas preventivas recomendadas para
prevenção de pneumonia, EXCETO:
A)realizar higienização das mãos.
B)realizar higiene oral com antissépticos (clorexidina veículo oral).
C)aspirar a secreção acima do balonete (subglótica).
D)trocar o sistema fechado de aspiração a cada
24 horas.
E)manter os pacientes com a cabeceira elevada
entre 30 e 45º.
18. Luiz foi aprovado e classificado no concurso
para o cargo de Técnico em Artes Gráficas da
UFRJ. Ao tomar posse e entrar em exercício, Luiz
será submetido ao estágio probatório para que
sua aptidão e capacidade para o desempenho do
cargo sejam avaliadas. Os fatores observados na
avaliação são:
A)frequência, disciplina, pontualidade, produtividade e capacidade de concentração.
B)assiduidade, disciplina, capacidade de iniciativa, produtividade e responsabilidade.
22. Medidas de precaução padrão devem ser adotadas por todos os profissionais de saúde envolvidos na assistência aos pacientes. Entre estas
5
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
medidas, a higienização das mãos é necessária
para prevenir e controlar as infecções relacionadas à assistência à saúde. De acordo com o
Ministério da Saúde (2013), assinale a alternativa que configura os momentos essenciais para a
higienização das mãos:
A)antes de entrar na enfermaria, antes da realização de procedimento asséptico, após risco
de exposição a fluidos corporais, após saída
da enfermaria e após contato com as áreas
próximas ao paciente.
B)antes do preparo do material, antes da realização de procedimento asséptico, após risco de
exposição a fluidos corporais, após descarte
do material e após contato com as áreas próximas ao paciente.
C)antes de contato com o paciente, antes do calçamento de luva estéril, após risco de exposição a fluidos corporais, após contato com o
paciente e após contato com as áreas próximas ao paciente.
D)antes de contato com o paciente, antes da realização de procedimento asséptico, após risco
de exposição a fluidos corporais, após contato
com o paciente e após contato com as áreas
próximas ao paciente.
E)antes de contato com o paciente em precaução de contato, antes do calçamento de luva
estéril, após risco de exposição a fluidos corporais, após contato com o paciente e após
contato com as áreas próximas ao paciente.
23. Os sinais vitais incluem temperatura, pulso,
respiração e pressão arterial. São indicadores da
capacidade do corpo em regular a temperatura, a
oxigenação de tecidos e o fluxo sanguíneo. Sobre
os sinais vitais, é correto afirmar:
A)a frequência respiratória, na hiperpneia, se
encontra regular, mas anormalmente rápida.
B)os sons auscultados durante as medidas de
pressão arterial podem ser diferenciados em
quatro fases dos sons de Korotkoff.
C)a aferição dos sinais deve ser realizada antes
e depois de um procedimento cirúrgico ou procedimento diagnóstico invasivo.
D)o primeiro som de Korotkoff reflete a pressão
diastólica e o último indica a pressão sistólica
em adultos.
E)a medição de temperatura axilar superestima
a temperatura central.
24. A aspiração pulmonar é a principal complicação
da nutrição por meio da sonda nasoenteral. Em
caso de pacientes acamados, o principal cuidado
que o profissional de enfermagem deve realizar
para prevenir esta complicação é o de:
A)medir o resíduo gástrico e devolvê-lo ao estômago, se o volume for inferior a 10 ml.
B)confirmar o posicionamento da sonda.
C)lavar a sonda com 30 ml de água.
D)observar a característica do conteúdo gástrico
aspirado.
E)elevar a cabeceira da cama em pelo menos 30º.
25. A colocação de dispositivos intravenosos periféricos constitui um dos procedimentos invasivos
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
mais comuns que a equipe de enfermagem realiza no ambiente hospitalar. Existem riscos para
os pacientes relacionados a este procedimento
como a infecção do sítio de inserção do cateter
ou a infecção primária da corrente sanguínea. Em
relação à infecção do sítio da inserção dos dispositivos, os sinais flogísticos que se apresentam
são os de:
A)rubor, calor, edema e dor.
B)rubor, calor, edema e purulência local.
C)edema, infiltração, calor e purulência local.
D)edema, rubor, hematoma e dor.
E)edema, rubor, prurido e dor.
26. Os medicamentos potencialmente perigosos
(MPP) são aqueles que possuem risco aumentado de provocar danos significativos aos pacientes
em decorrência de falha no processo de utilização. A insulina é um MPP, cuja dose excessiva
ou subdose podem ocasionar danos graves aos
pacientes. Com relação ao uso seguro de insulina, assinale a alternativa INCORRETA.
A)Armazenar o frasco fechado de insulina no
refrigerador em temperatura entre 10º a 12ºC.
B)Aplicar a insulina regular por via subcutânea
que terá início de ação em 30 a 60 minutos e
seu pico ocorre entre 1,5 a 4 horas.
C)Compartilhar experiências entre os profissionais de saúde pode reduzir a incidência de
erros e melhorar o treinamento desses profissionais.
D)Identificar nove certos para administração de
insulina (paciente certo, medicamento certo,
via certa, hora certa, dose certa, registro certo,
ação certa, forma certa e resposta certa).
E)Realizar checagem independente por outro
profissional (dupla checagem) durante o preparo do medicamento.
27. Em um hospital com capacidade para 500 leitos, que atende pacientes com patologias de alta
complexidade terapêutica, foi criado o Núcleo de
Segurança do Paciente (NSP). De acordo com a
Portaria nº 1377, de 9 julho de 2013, para subsidiar os profissionais do NSP, foram disponibilizados os protocolos que abordam os seguintes
temas:
A)gestão de riscos sanitários; cirurgia segura;
prevenção de úlcera por pressão; identificação do paciente; prevenção de quedas; prescrição, uso e administração de medicamentos.
B)higiene das mãos; cirurgia segura; prevenção
de úlcera por pressão; identificação do paciente; prevenção de quedas; prescrição, uso e
administração de medicamentos.
C)gestão de riscos sanitários; cirurgia segura;
prevenção de úlcera por pressão; cultura de
segurança; prevenção de quedas; prescrição,
uso e administração de medicamentos.
D)gestão de riscos sanitários; cirurgia segura; notificação de evento adverso; cultura de
segurança; prevenção de quedas; prescrição,
uso e administração de medicamentos.
E)higiene das mãos; cirurgia segura; notificação
de evento adverso; cultura de segurança; prevenção de quedas; prescrição, uso e administração de medicamentos.
6
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
28. Considerando o artigo 25 da Lei nº 7.498, de 25
de junho de 1986, assinale a alternativa que NÃO
corresponde ao exercício da atividade do auxiliar
de enfermagem.
A)Prescrever assistência de enfermagem.
B)Realizar controle hídrico.
C)Aplicar oxigenoterapia, nebulização e enteroclisma.
D)Ministrar medicamentos por via oral e parenteral.
E)Colher material para exames laboratoriais.
B)O acesso a informações e documentos é permitido para pessoas que não estão diretamente envolvidas na prestação da assistência e
nos casos previstos na legislação vigente ou
por ordem judicial.
C)O profissional de enfermagem possui a responsabilidade e o dever de prestar informações,
escritas e verbais, completas e fidedignas
necessárias para assegurar a continuidade da
assistência.
D)O registro no prontuário do paciente permite a
comunicação entre os profissionais de saúde
e fornece informação para ensino, pesquisa e
auditoria interna da instituição.
E)No prontuário é obrigatório constar informações
referentes à identificação do paciente (nome
completo, data de nascimento, sexo, nome da
mãe, naturalidade e endereço completo).
29. Sobre a Resolução da Diretoria Colegiada
(RDC) nº 36, de 25 de julho de 2013, que institui
ações para a segurança do paciente em serviços
de saúde, assinale a alternativa correta.
A)Incidente é o evento que atingiu o paciente e
produziu prejuízo (lesão ou dano) associado
ao cuidado de saúde.
B)A resolução deve ser aplicada aos serviços de
saúde, sejam eles públicos, privados, filantrópicos, civis ou militares, incluindo laboratórios
clínicos.
C)A notificação dos eventos adversos deve ser
realizada trimestralmente pelo Núcleo de
Segurança do Paciente à Agência Nacional de
Vigilância Sanitária por meio eletrônico.
D)A segurança do paciente é compreendida
como a redução, a um mínimo aceitável, do
risco de um dano desnecessário associado ao
cuidado de saúde.
E)Os eventos adversos que evoluírem para óbito
devem ser notificados em até sete dias a partir
do ocorrido.
32. Com relação à desinfecção e esterilização dos
artigos hospitalares, os artigos críticos são aqueles destinados à penetração, através da pele,
mucosas, nos tecidos subepiteliais e no sistema
intravascular. Estes artigos requerem:
A)desinfecção de alto nível ou esterilização devido ao risco de transmissão de infecção.
B)apenas limpeza com água e sabão.
C)esterilização devido ao alto risco na transmissão de infecção.
D)desinfecção apenas quando contaminados
com agentes infecto-contagiosos.
E)concentração de solução germicida alterada.
33. Paciente MCP, 53 anos, do sexo feminino, em
pós-operatório imediato de apendicectomia foi
recebido na enfermaria cirúrgica pelo auxiliar de
enfermagem. A paciente encontrava-se sonolenta, respirando em ar ambiente, taquipneica,
sudoreica, hipocorada e pele fria. O profissional
ao aferir os sinais vitais, detectou hipotensão
arterial, taquicardia e hipotermia. Estes sinais e
sintomas são clássicos de:
A)parestesia.
B)choque hipovolêmico.
C)infecção primária da corrente sanguínea.
D)septicemia.
E)polifagia.
30. O paciente JBC, 88 anos, internado na enfermaria de geriatria, com diagnóstico de pneumonia nosocomial encontra-se acamado, agitado e
desorientado. Após realização de banho no leito, o profissional de enfermagem não levantou
a grade da cama e ausentou-se da enfermaria.
Algum tempo depois, o paciente sofreu queda do
leito, apresentando ferida corto-contusa na região
frontal. De acordo com o Código de Ética e Legislação dos Profissionais de Enfermagem, este profissional cometeu:
A)imperícia.
B)incapacidade.
C)imprudência.
D)desatenção.
E)negligência.
34. A realização imediata de ressuscitação cardiopulmonar em vítima de parada cardiorrespiratória contribui, sensivelmente, para o aumento das
taxas de sobrevivência dessas vítimas. De acordo com a Diretriz de Ressuscitação Cardiopulmonar e Cuidados cardiovasculares de emergência
da Sociedade Brasileira de Cardiologia (2013),
sobre o atendimento de suporte básico de vida
em adulto é INCORRETO o procedimento de:
A)checar responsividade e respiração da vítima.
B)chamar ajuda e iniciar manobras de ressuscitação.
C)checar pulso da vítima e fazer duas compressões torácicas.
D)abrir vias aéreas e iniciar compressões torácicas.
E)fazer 30 compressões torácicas seguidas de
duas ventilações.
31. De acordo com Potter, Perry e Elkin (2013),
o prontuário é o documento legal que reflete os
aspectos dos cuidados do paciente nos serviços
de saúde. Analise as seguintes afirmativas e assinale a alternativa INCORRETA:
A)No prontuário devem ser registradas a mudança nos sinais vitais, a administração de medicamentos e tratamentos, a preparação para
testes diagnósticos e cirurgia, a admissão, a
transferência, a alta hospitalar ou a morte.
7
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
35. Paciente em pós-operatório de toracotomia
esquerda é admitido em enfermaria cirúrgica com
dreno torácico e em uso de oxigenioterapia por
meio de máscara de Venturi. Com relação ao
manejo de sistema fechado de drenagem torácica, assinale a alternativa correta.
A)Verificar possíveis vazamentos de ar no sistema, sendo indicativo de normalidade o borbulhar contínuo.
B)Transportar o paciente com dreno de tórax
pinçado e manter o sistema de drenagem acima do nível do tórax.
C)Verificar se os intermediários longos de dentro
do frasco permanecem fora do selo d’água.
D)Observar dobras e oclusões no sistema de
drenagem para prevenir a retenção de ar no
espaço intrapleural.
E)Avaliar a coloração da pele e os sinais de
esforço respiratório após duas horas do procedimento cirúrgico.
38. De acordo com as Diretrizes Brasileiras de
Hipertensão Arterial (2010), a hipertensão arterial sistêmica é uma condição clínica multifatorial
caracterizada por níveis elevados e sustentados
de pressão arterial. São fatores de risco cardiovascular nos pacientes com hipertensão arterial,
EXCETO:
A)obesidade abdominal (circunferência da cintura > 102 cm para homens e > 88 cm para
mulheres).
B)história familiar prematura de doença cardiovascular (homens < 55 anos e mulheres < 65
anos).
C)idade (homem > 55 e mulheres > 65 anos).
D)glicemia de jejum (100 a 125 mg/dL).
E)dislipidemias (triglicérides > 150 mg/dL; LDL
colesterol < 50 mg/dL; HDL < 40 mg/dL).
39. Com relação à administração de medicamentos
por sonda enteral, assinale a alternativa correta.
A)Os medicamentos sublingual, de liberação
prolongada, mastigáveis e com revestimento entérico deverão ser macerados antes da
administração.
B)Em casos de incompatibilidade entre o medicamento e a dieta enteral, a alimentação deverá ser interrompida por 10 minutos antes da
administração do medicamento.
C)No caso de o paciente necessitar de mais de
um medicamento, administrar cada um separadamente e, entre um medicamento e outro,
lavar a sonda com 5 mL de água.
D)Antes da administração do medicamento, verificar o posicionamento da sonda com objetivo
de prevenir a risco de oclusão.
E)Os medicamentos administrados devem ser,
preferencialmente, na forma líquida; em casos
de não disponibilidade de medicamento nesta
forma, o comprimido deverá ser macerado e
diluído.
36. Algumas doenças intestinais e condições clínicas
requerem intervenção cirúrgica para a construção
de uma abertura na parede abdominal visando o
desvio do conteúdo fecal de forma permanente ou
temporária. Assinale a alternativa que apresenta,
respectivamente, o termo técnico dessa abertura e
o conteúdo que a mesma elimina.
A)Colostomia e efluente fecal.
B)Estoma e efluente fecal.
C)Ileostomia e efluente fecal.
D)Estoma e fezes líquidas.
E)Colostomia e fezes líquidas.
37. Com relação à prevenção de úlcera por pressão em pacientes acamados, a redistribuição da
pressão, especialmente sobre as proeminências
ósseas, é a principal preocupação. Os cuidados
de enfermagem utilizados para redistribuir a pressão sobre a pele são:
A)utilizar superfícies aliviadoras de pressão,
promover mudança de decúbito a cada duas
horas e elevar a cabeceira da cama em no
máximo 30º para prevenir de fricção e cisalhamento.
B)utilizar superfícies aliviadoras de pressão,
manter a pele do paciente hidratada e elevar
a cabeceira da cama a 45º para prevenir de
fricção e cisalhamento.
C)utilizar colchões ou sobreposição de colchões
de células pequenas de alternância de pressão com diâmetro inferior a 10 centímetros,
promover mudança de decúbito a cada duas
horas e manter a pele do paciente hidratada.
D)utilizar superfícies aliviadoras de pressão,
promover mudança de decúbito a cada duas
horas e proteger a pele da umidade excessiva
utilizando fralda dupla e absorventes.
E)utilizar superfícies aliviadoras de pressão, promover mudança de decúbito a cada quatro
horas e elevar a cabeceira da cama a 45º para
prevenir de fricção e cisalhamento.
40. Ao calcular o gotejamento, para macrogotas, de
uma infusão de soro fisiológico 0,9%, 1500 ml a
ser infundida em 12 horas, o resultado correto é
o de:
A)21 macrogotas/minuto.
B)7 macrogotas/minuto.
C)42 macrogotas/minuto.
D)14 macrogotas/minuto.
E)56 macrogotas/minuto.
8
Concurso Público UFRJ - Edital 390/2014
301 - 302 | Auxiliar de Enfermagem
Fly UP